11 Alimentos Bons Para o Cabelo

Ainda que a barriga chapada seja o sonho de muita gente, um cabelo saudável, com brilho e sedoso é certamente o item número 1 na lista de desejos de mulheres e homens também. Afinal, ao olharmos para alguém, uma das primeiras coisas que notamos são os cabelos.

Se por um lado os homens sofrem mais com a calvície, as mulheres já começam a partir dos 30 anos a sentir uma grande mudança no aspecto dos cabelos como resultado de variações hormonais que acontecem com o avançar da idade.

Além de manter bons hábitos capilares (como por exemplo evitar o secador, não usar água muito quente no chuveiro e maneirar nos produtos químicos), ter uma alimentação equilibrada e rica em alimentos bons para o cabelo, com nutrientes essenciais, faz toda a diferença.

Por que prestar atenção à dieta?

Neste exato momento existem cerca de 120.000 fios de cabelo crescendo na sua cabeça, e todos eles necessitam regularmente de nutrientes para um crescimento saudável. Infelizmente, no entanto, não basta apenas consumir mais verduras e legumes para melhorar a saúde do cabelo.

Como os fios não são exatamente um órgão essencial, suas necessidades nutricionais não são a prioridade do nosso organismo. Ou seja, em casos de desequilíbrio nutricional, o corpo dará preferência para seus tecidos mais importantes, e isso pode significar falta de nutrientes para os cabelos – o que pode refletir em cabelos mais finos, sem saúde e até mesmo com acentuada queda.

Por esse motivo, tão importante quanto aumentar o consumo de alimentos bons para o cabelo, é manter uma dieta equilibrada, rica em ferro, zinco, vitamina D, biotina, ômega 3, proteínas de alto valor biológico e muitos vegetais.

Resumindo: nada de dietas radicais (que cortam grandes grupos alimentares, como dieta das proteínas ou uma dieta com pouca gordura) e de recorrer a apenas um ou outro alimento. O segredo está no equilíbrio entre os nutrientes.

Esse balanço pode ser alcançado através de uma dieta que inclua diariamente cereais integrais ou leguminosas, carne vermelha magra (ou peixe/frango), hortaliças, legumes, frutas e gorduras boas.

Alimentos Bons para o Cabelo

Conheça os alimentos que são verdadeiros aliados da saúde capilar e não podem faltar no seu cardápio:

– Salmão

O salmão está no topo da lista de alimentos bons para o cabelo porque é fonte de proteínas de altíssimo valor biológico e de ômega 3.

Tantos os aminoácidos das proteínas como a gordura saudável do peixe são indispensáveis para a manutenção da estrutura capilar e o crescimento de novos fios. O ômega 3 ainda ajuda a hidratar o couro cabeludo e os fios crescidos, diminuindo o ressecamento e a quebra.

Para obter todos os benefícios do salmão para o cabelo e a saúde em geral, consuma pelo menos duas porções do peixe de água fria por semana.

– Espinafre

Além de ser um ótimo desintoxicante para o sangue, o espinafre ainda é rico em uma série de nutrientes indispensáveis para a saúde do cabelo. O principal deles é o ferro, mineral que compõe as hemácias e promove a chegada de oxigênio e demais nutrientes para o couro cabeludo.

O espinafre apresenta ainda uma alta concentração de vitamina A, vitamina C e folato, que trabalham em conjunto para manter o cabelo hidratado e mais resistente à quebra e à queda.

– Goiaba

goiaba

Apesar de não ser tão popular quanto as outras opções da lista, a goiaba não pode ser deixada de lado por quem está de olho na saúde do cabelo, pois possui um altíssimo teor de vitamina C.

A vitamina conhecida como ácido ascórbico tem diversas funções no organismo, sendo também indispensável para o cabelo porque:

  • Ajuda o corpo a utilizar o ferro não-heme, o tipo encontrado em alimentos de origem vegetal, garantindo uma concentração adequada de ferro nas hemácias para transportar oxigênio até os folículos;
  • É necessária para a síntese de colágeno, proteína que forma os vasos sanguíneos, os folículos pilosos e a pele do couro cabeludo. Uma deficiência de vitamina C pode causar um ressecamento dos fios, que ficam mais quebradiços e suscetíveis à queda.

Uma única goiaba de tamanho médio contém 377 mg de vitamina C, o equivalente a 400% das nossas necessidades diárias de ácido ascórbico.

Caso não seja fã da fruta, experimente incluir na dieta kiwi, acerola, pimentão, morango, couve e brócolis, todos eles alimentos ricos em vitamina C.

– Iogurte

Além das proteínas, o iogurte também fornece vitamina B5, um nutriente que ajuda a melhorar a circulação para o couro cabeludo e promove o crescimento de novos fios, e por isso é um dos alimentos bons para o cabelo.

Também conhecida como ácido pantotênico, a vitamina pode ainda atuar no combate à queda e ao enfraquecimento dos fios.

– Batata Doce

Que a batata doce é uma ótima fonte de energia para os treinos você provavelmente já sabe. Mas aí vai mais um motivo para você acrescentar a planta à sua dieta: ela é rica em betacaroteno, um antioxidante que o corpo converte em vitamina A.

Níveis adequados da vitamina protegem o cabelo contra alguns agentes agressores (como o vento e o sol) e também estimulam as glândulas do couro cabeludo a secretarem mais sebo, um óleo natural que lubrifica a pele e os fios.

Outras fontes naturais de betacaroteno incluem a cenoura, abóbora, folhas escuras e o aspargo.

– Aveia

oats

Para quem não tem intolerância ao glúten, a aveia pode ser um dos alimentos bons para o cabelo para incluir no cardápio.

O cereal contém silício, um mineral que aumenta a síntese e a compactação de queratina, uma das proteínas que formam o fio de cabelo.

Na aveia também encontramos uma boa concentração de zinco e vitaminas do complexo B. O mineral controla as variações hormonais que podem causar a queda precoce dos fios e atua na produção de DNA e RNA (necessários para a divisão dos folículos pilosos).

As vitaminas também promovem a divisão celular no bulbo capilar, estimulando o crescimento de novos fios.

– Ovo

Ora visto como vilão da dieta, ora como superalimento, o ovo não deve ficar ausente da sua dieta apesar de toda controvérsia ao redor do alimento. Isso porque o ovo – na verdade, a gema – é riquíssimo em biotina, uma vitamina indispensável para o crescimento do cabelo.

O ovo é ainda uma excelente fonte de proteínas de alto valor biológico, zinco, selênio, ferro, enxofre (indispensável para a formação e manutenção da queratina) e vitaminas do complexo B, todos eles nutrientes que também garantem a saúde dos fios.

– Semente de abóbora

download

Uma pequena porção de 30 gramas de semente de abóbora é suficiente para obter 20% das necessidades diárias de zinco, o mineral que é essencial para quem está interessado em fios mais resistentes, fortes e brilhantes.

Estudos indicam que uma deficiência de zinco pode causar ressecamento do couro cabeludo, queda acentuada dos fios e aparecimento de fios brancos.

Outros alimentos ricos em zinco: ostras, espinafre, gérmen de trigo, lombo suíno, castanha de caju e cacau em pó.

– Grão de bico

garbanzo beans

Da mesma família do feijão, o grão de bico fornece uma boa quantidade de proteína (15 g por xícara de grãos cozidos,) vitamina B6, ferro e zinco.

Enquanto as proteínas são indispensáveis para o crescimento dos fios, o zinco atua em conjunto com a vitamina A para prevenir a queda de cabelo. Já o ferro garante o fornecimento de oxigênio para o bulbo capilar, o que significa que o grão de bico é um dos principais alimentos bons para o cabelo.

– Shitake

O cogumelo amplamente utilizado na culinária asiática é uma das melhores fontes de cobre, mineral que ajuda a manter a cor natural do cabelo. Um estudo recente revelou que há uma relação direta entre baixos níveis de cobre na circulação e o surgimento de fios brancos.

Uma porção de meia xícara de cogumelos ao dia fornece mais da metade da ingestão diária recomendada de cobre. Outras fontes do mineral incluem as sementes de gergelim e as algas marinhas.

– Carne Vermelha

Apesar de estar no final da lista, a carne vermelha magra é um dos principais alimentos bons para o cabelo, pois é uma excelente fonte de zinco e ferro. Como já vimos, esses dois nutrientes são indispensáveis para o crescimento e a manutenção dos fios.

Para melhorar absorção do ferro, combine a carne (a dica vale para qualquer fonte do mineral) com um alimento rico em vitamina C. Pode ser a couve, o pimentão ou mesmo o limão.

Inimigos

Assim como há alimentos bons para o cabelo, há também aqueles que podem prejudicar a saúde dos fios e devem ser evitados sempre que possível. Entre eles:

  • Açúcar;
  • Álcool;
  • Carboidratos refinados (farinha e arroz branco, por exemplo).

E é claro que não são apenas os alimentos acima que podem fazer mal aos cabelos. Alguns hábitos, como o tabagismo e o consumo excessivo de alimentos processados ricos em gordura também podem ajudar a enfraquecer os cabelos.

De dentro para fora 

Para a tradicional medicina chinesa, a saúde do cabelo começa dentro do nosso corpo, e não fora dele. E não é difícil de entender por quê, já que nossos fios são estruturas vivas que dependem de nutrientes obtidos através da alimentação para poderem crescer com saúde.

Embora os tratamentos estéticos possam melhorar o aspecto dos fios, a estrutura interna e a robustez de cada um deles é determinada principalmente por aquilo que colocamos em nosso prato.

Portanto, além dos shampoos especiais, hidratantes e tratamentos caros, é importante considerar o tratamento interno, lembrando de consumir regularmente estes alimentos bons para o cabelo a fim de ter fios fortes e saudáveis.

Você acredita que consome com a frequência correta estes alimentos bons para o cabelo? Quais são os seus preferidos? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Publicidade
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

Publicidade

Um comentário

  1. gostei muito dessa reportagens pois sofro com perda e quebra de cabelo desde criança pois tive sarampo repetido e sofri muito com problemas hormonais muitos anos até chegar na menopausa hoje tenho 55 anos com aparência de 40 mais sofro com quebra e perda de cabelos quando não me alimento bem ou falta de NUTRIENTES tenho sangue AB sei que esse sangue tem problemas com o imune quero que a revista fale mais sobre dieta pelo tipo de sangue a USP E A NASA sabe das coisas

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*