Picão

8 Benefícios do Chá de Picão – Para Que Serve, O Que é e Indicações

Diversos produtos naturais podem beneficiar a saúde quando utilizados de maneira adequada. E, além de contar com o conselho do médico, uma boa forma de fazer isso é conhecer informações a respeito do item em questão.

Vamos falar abaixo sobre um desses produtos, o chá de picão, e conhecer os seus benefícios e indicações.

O que é o chá de picão?

A bebida é preparada a partir de uma planta medicinal conhecida como picão, mas que também é chamada pelos nomes de picão-preto, carrapicho, carrapicho-agulha, carrapicho-picão, erva-picão, gariofilata, guambu, macela-do-campo, piolho de padre, pica-pica e amor de mulher. Já seu nome científico é Bidens pilosa.

A erva apresenta propriedades anti-inflamatórias, antidiabéticas, diuréticas, antioxidantes, antissépticas, anti-ulcerosas, hepatoprotetoras e antiespasmódicas. O picão é encontrado com facilidade na América do Sul, na África, no Caribe e nas Filipinas.

Para que serve? 8 benefícios do chá de picão

Agora, finalmente, vamos conhecer os benefícios do chá de picão e indicações da bebida. Confira na lista a seguir:

1. Combate ao inchaço

A planta medicinal que dá origem ao chá possui propriedades diuréticas, como acabamos de ver no tópico anterior. Isso significa que ela promove a eliminação de água do organismo por meio da urina.

Tal mecanismo ajuda a tratar a retenção de líquido e a combater o inchaço que surge em decorrência da condição. Só é preciso tomar cuidado para não exagerar na dosagem da bebida e acabar sofrendo com uma desidratação.

2. Ação antioxidante

Como vimos, o picão também possui propriedades antioxidantes. O consumo de alimentos e bebidas com ação antioxidante é importante para combater os radicais livres encontrados no organismo.

Esses radicais livres são ruins para a saúde do corpo humano porque estão associados ao desenvolvimento de doenças perigosas como o câncer e do envelhecimento precoce.

3. Auxílio ao tratamento da icterícia

A erva que dá origem ao chá é regulamentada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) do Brasil como um medicamento natural que pode integrar o tratamento da icterícia.

A condição é causada pelo aumento de bilirrubina (pigmento amarelo encontrado no sangue e nas fezes, que é produzida quando os glóbulos vermelhos são desintegrados) no organismo e é caracterizada pelo surgimento de uma coloração amarela na pele, nas membranas mucosas ou nos olhos.

4. Ajuda a tratar picadas de insetos, úlceras e hemorroidas

Existe uma versão mais concentrada do chá de picão que pode ser utilizada para auxiliar a recuperação de assaduras e irritações provenientes de picadas de insetos.

A compressa feita com a bebida também pode ser aplicada em casos de úlceras e hemorroidas. A aplicação no local afetado deve ser realizada com o chá morno e coado através de um pano molhado na bebida.

A maneira de preparar o chá você poderá conferir mais abaixo.

5. Saúde respiratória

O chá de picão contribui com a limpeza dos seios nasais, com a higienização de vias aéreas que se encontrem congestionadas e a acabar com a tosse persistente que permanece mesmo depois do término de um quadro de gripe.

6. Colabora com a proteção ao fígado

A planta medicinal possui propriedades hepatoprotetoras, o que significa que ela traz uma ação de proteção em relação ao fígado. A erva auxilia o equilíbrio e a desintoxicação do órgão.

7. Controle da pressão arterial

O chá de picão apresenta potencial de auxiliar o controle da pressão arterial sem causar alterações na urina ou no coração. Entretanto, quem sofre com problemas de pressão não deve fazer uso da bebida para esse fim sem antes consultar o seu médico.

8. Diminuição dos níveis de açúcar no sangue 

A planta é conhecida como hipoglicemiante, ou seja, tem o efeito de causar uma diminuição nos níveis de açúcar no sangue. Embora isso possa parecer vantajoso para quem sofre com taxas descontroladas de glicose no sangue como acontece em um quadro de diabetes, também é fundamental consultar o médico antes de usar a erva.

Por exemplo, se a pessoa já seguir um tratamento e tomar medicamentos para reduzir os níveis de açúcar no sangue, o chá de picão poderá influenciar para que haja um quadro de hipoglicemia, que é quando as taxas de glicose ficam baixas demais.

Um quadro de hipoglicemia pode trazer problemas como confusão mental, dificuldade para realizar as atividades rotineiras do dia a dia, convulsão, perda de consciência, coma, palpitação, tremores, ansiedade, suor frio, fome excessiva e formigamento ao redor da boca.

Como fazer chá de picão 

Ingredientes: 

  • 3 colheres de sopa da erva picão;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo:

  1. Despejar a água em uma panela e levar ao fogo;
  2. Então, acrescentar a erva e esperar atingir o ponto de fervura. Quando isso acontecer, desligar o fogo e tampar a panela, deixando abafado durante 10 minutos;
  3. Após, basta coar e consumir. A quantidade de ingestão recomendada é de uma a duas xícaras diariamente.

Chá de picão para picadas de insetos, úlceras e hemorroidas

Para casos como estes, a recomendação é simples: basta preparar uma bebida mais concentrada, com uma quantidade da planta medicinal maior do que a descrita na receita anterior. No mais, é só seguir o mesmo procedimento para preparar a bebida e molhar uma toalha com o chá antes de aplicar no local afetado pelas condições. 

Cuidados com o picão

A planta medicinal não deve ser utilizada por mulheres que estejam grávidas e pessoas alérgicas ou sensíveis à cafeína, já que apresenta uma pequena quantidade da substância. Crianças e mulheres que estejam em fase de amamentação de seus bebês não devem fazer uso do picão sem consultar o médico.

Antes de usar a planta para auxiliar o tratamento de qualquer doença, também vale a pena conversar com o médico para saber se ela é realmente indicada para o caso. É importante ter em mente que a erva não pode substituir nenhum tratamento.

O profissional também deve ser consultado caso esteja sendo feito uso de algum tipo de medicamento. Isso é necessário para verificar se não existem riscos de interação entre o remédio e a planta medicinal.

Você já experimentou o chá de picão? Conhecia todos esses benefícios relacionados à planta medicinal? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (97 votos, média: 4,14 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

10 comentários

    • experimentei e senti os efeitos imediatamente, posso confessar uma coisa, acaba com a ressaca imediatamente. costumo beber e acordar no outro dia com uma ressaca infernal, hoje, após ter ingerido bebida alcoólica ontem, acordei super disposto, como já não ocorria há muito tempo. acho que é o efeito hepatoprotetor.

  1. MARIA ALVES DA SILVA SOBRINHA

    Sou diabetica e tenho o fígado muito sensivel,por uso cha de picao e me sinto muito bem.super recomendo.

  2. É o chá que acredito quando fico cansada e desanimada tomo chá de picão me sinto ótima.

  3. otimas dicas,complementei meus conhecimentos sobre os beneficios sobre esta erva

  4. Walter Cavazza Fernandes

    Conhecia quase nada a respeito da erva (picão, pica-pica, amor de mulher…), e sua regulamentação de.acordo com a ANVISA. Sou alcoólatra e achei super interessante.

  5. Caramba! Fiquei surpreso com as tantas propriedades dessa planta. Sempre vi, mas nunca dei importância a ela;

  6. Olá ! A minha filha está tomando , pois ela estava com epatite medicamentosa , os níveis já estão abaixando . Graças Deus por ter nos presenteado com essa planta milagrosa . Bjs

  7. Super recomendo principalmente para infecção urinária muito bom melhor do que antibióticos

  8. zenilda batista bruginski

    é muito bom o chá de picão preto para gastrite, um santo remédio, logo nos primeiros dias vc sente o efeito, é um alívio para quem sofre de gastrite, eu já fiquei anos sem gastrite depois de um tratamento com chá de picão preto;

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*