Publicidade

 

8 Tipos de Cogumelos Comestíveis – Benefícios e Dicas

Muito conhecidos como “a carne dos vegetarianos”, os cogumelos são quase unanimidade entre quem consome ou não proteína animal. Seus sabores oscilam entre os bem marcantes até os mais sutis e eles podem incrementar uma porção de receitas.

Publicidade

Os cogumelos podem ser feitos grelhados, fritos, assados, refogados e em mais uma infinidade de maneiras e podem ser combinados com vegetais, carnes, queijo, macarrão e o que mais sua imaginação permitir.

Existem no mundo mais de 10 mil variedades de cogumelos, mas normalmente encontramos algumas variedades específicas nos mercados, como o champignon, o shiitake, o shimeji, entre alguns outros.

Para saber mais sobre estes deliciosos fungos, fizemos uma lista com os tipos cogumelos comestíveis mais consumidos no Brasil e no mundo, para que você se inspire a cozinhar ou pedir na próxima vez que for a um restaurante.

Mas antes, vamos dar uma olhada nas propriedades nutricionais dos cogumelos comestíveis para te dar ainda mais motivos para incluí-los em sua alimentação.

Propriedades

Muito além de dar um sabor diferente e especial às refeições, os cogumelos possuem alguns benefícios para a nossa saúde. Não só eles são, em geral, baixos em gordura, calorias e sódio, eles também são ótimas fontes de proteínas, fibras, vitaminas do complexo B e alguns minerais, como potássio, selênio, cobre e zinco.

As quantidades de cada um destes nutrientes vai variar de acordo com a variedade de cogumelo e o solo onde ele foi cultivado, mas em geral, todos eles possuem estas propriedades nutricionais em maior ou menor quantidade.

Benefícios

1. Controle do peso

Publicidade

Os cogumelos são alimentos ricos em fibras e, por isso, oferecem bastante saciedade para quem os come. Em sua composição estão dois tipos de fibras, betaglucanos e quitina, compostos que ajudam a manter a saciedade e a reduzir o apetite.

Além disso, o consumo de fibras é essencial para o bom funcionamento do sistema digestivo, o que também pode colaborar para o controle do peso.

2. Diabetes

As fibras também podem ser boas aliadas para quem sofre de diabetes tipo 1 e 2, já que elas podem ajudar a controlar o nível de glicose e de insulina no sangue.

Em uma xícara de cogumelo portobello grelhado ou uma mesma porção de shiitake refogado, você tem à sua disposição cerca de 3 gramas de fibras que, além de ajudar com o diabetes, podem reduzir os riscos de doenças cardíacas.

3. Sistema cardíaco

A combinação de fibra, potássio e vitamina C contida nos cogumelos é bastante benéfica para a saúde do sistema cardíaco. Além disso, por serem baixos em sódio, os cogumelos podem ajudar a diminuir a pressão arterial e os riscos e algumas doenças cardíacas.

Alguns especialistas afirmam que o consumo regular de 3 gramas diárias da fibra betaglucano pode diminuir o colesterol em até 5%. O shiitake é uma ótima fonte deste tipo de fibra, que também pode ser encontrada, em menor teor, em outros cogumelos.

3. Ação anticâncer

Ricos em antioxidantes, os cogumelos têm o poder de bloquear a ação dos radicais livres que são responsáveis por desencadear alguns tipos de câncer e outras doenças crônicas.

Publicidade

Mais do que isso, a presença do selênio também é um bom indicativo da ação anticancerígena dos cogumelos. Isso porque este mineral, raro de ser encontrado em alimentos naturais, participa da ação enzimática do fígado, ajudando a desintoxicar alguns compostos que podem causar o câncer. Além disso, o selênio ajuda a combater a inflamação e pode diminuir o crescimento de alguns tumores.

4. Sistema imunológico

O selênio também é responsável pela melhora do sistema imunológico, já que estimula a produção de linfócito T citotóxico, um composto responsável por matar células que possam ameaçar o bom funcionamento do nosso organismo.

Além disso, a presença das fibras betaglucano também pode ajudar o sistema imunológico, já que pode prevenir a formação de tumores e inibir o crescimento de células cancerígenas.

Tipos de cogumelos comestíveis

1. Champignon

Conhecido também como cogumelo-de-paris, o champignon é, sem dúvidas, o cogumelo mais conhecido no Brasil, principalmente por ser vendido em sua versão em conserva.

Mas quem nunca comeu um champignon fresco não sabe o que está perdendo. Ele possui um sabor suave, mas muito agradável, além de uma textura bastante interessante. Sua cor é puxada para o marrom e ele pode ser preparado refogado ou assado e combina muito com vegetais, ervas e queijo.

2. Portobello

O cogumelo portobello também é um dos tipos de cogumelos comestíveis mais populares no Brasil, já que é o champignon em sua versão mais madura. O formato é o mesmo, mas em tamanho maior, apesar de seu sabor ser bastante suave comparado a outros cogumelos maduros.

Sua textura é mais firme e lembra muito a da carne, por isso é utilizado em algumas receitas em substituição à proteína animal, principalmente ao ser feito na grelha ou na brasa, acompanhado com queijos fortes para contrapor com o seu sabor suave.

3. Shiitake

Com a popularização da culinária asiática no Brasil, fomos agraciados com este delicioso cogumelo, o shiitake. Ele pode ser encontrado fresco, mas o mais comum é encontrá-lo em sua versão desidratada, e aí é só adicionar um pouco de água quente para que ele volte a se hidratar.

Sua coloração escura e sabor característico trazem mais personalidade aos pratos, como em sopas e molhos, sendo um ótimo substituto para as carnes. Suas hastes são mais duras, por isso normalmente não são utilizadas, mas podem servir para dar sabor a molhos e caldos antes de serem descartados.

4. Maitake

Este cogumelo de origem japonesa ainda é um dos tipos de cogumelos comestíveis menos populares no Brasil, mas com o passar do tempo está dominando o paladar de todo o mundo. O cogumelo maitake tem um sabor delicado, quase floral e, ao ser cozido, não perde o seu formato original, já que tem uma textura firme.

5. Shimeji

O shimeji também é um cogumelo comestível muito popular no Brasil devido ao boom de restaurantes japoneses que acometeu o nosso país.

Ele é considerado um dos mais saborosos cogumelos e pode ser preparado de forma bem fácil, basta refogá-lo na manteiga e está pronto para ser consumido.

6. Hiratake

Esta é uma espécie de cogumelo brasileiro que pode ser encontrada em diversas cores, desde o branco, até o amarelo e salmão. Apesar de pouco popular, o hiratake é muito saboroso, com um gosto suave, não muito marcante.

Esta variedade de cogumelo pode chegar a ter um diâmetro de até dez centímetros e é ótimo para ser cozido ou empanado.

7. Morchella

Este cogumelo tem um formato bastante diferente, parecido com uma colmeia de abelhas. Ele está entre os tipos de cogumelos comestíveis mais consumidos pelos franceses, assim como o portobello e o champignon.

Seu sabor é marcante e único, com uma textura bastante agradável. Basta refogar com manteiga para ressaltar seu sabor e ele está pronto para ser servido como acompanhamento.

8. Cantarelo

O cogumelo cantarelo tem uma coloração amarelo bem forte e por isso também é conhecido como cogumelo canário.

Ele oferece um aroma agradável, quase floral, às receitas e seu sabor é suave e agradável. Deve ser adicionado nas receitas bem no final, para evitar que fique duro.

Dicas

  • Nunca coma um cogumelo cru. Mesmos os comprados em lojas podem conter toxinas e, por isso, é importante sempre cozinhá-los para removê-las, e isso também vai ajudar na digestão.
  • Se você nunca cozinhou cogumelos frescos, pesquise qual é a melhor forma de prepará-los, pois diferentes tipos de cogumelos comestíveis podem requerer cuidados especiais na hora do preparo.
  • Se você for refogar, sempre corte os cogumelos em pedaços menores, assim eles vão soltar mais sabor e aroma.
  • Os cogumelos possuem muita água em sua composição, por isso, ao cozinhar, você vai perceber que eles vão perder o seu volume consideravelmente.
  • Na hora de comprar um cogumelo fresco, certifique-se de que ele não está manchado.
  • É importante também atentar-se para a data de colheita e validade. Os cogumelos duram até uma semana.
  • Se houver água na bandeja com os cogumelos, é sinal de que eles não estão bons.

Referências adicionais:

Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você tem o costume de consumir algum destes tipos de cogumelos comestíveis que listamos acima? Já conhecia seus benefícios? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*