Calorias do Pepino – Tipos, Porções, Dicas e Receitas

Reconhecido como o fruto brasileiro com menor quantidade de calorias, o pepino é um dos melhores alimentos para quem está pensando em fazer uma dieta para emagrecer, pois fornece saciedade e tem ação diurética.

E apesar do pepino ser normalmente associado a saladas, é possível prepará-lo de diversas outras maneiras, seja cozido, grelhado ou na forma de picles, em conserva.

Além de conhecer os principais tipos, vamos também conhecer as calorias do pepino de acordo com cada um e seus diferentes modos de preparo. Mas antes vamos conhecer um pouco mais sobre as propriedades do pepino e saber porque você deve incluir esse fruto no seu cardápio com mais frequência.

Pepino para emagrecer

O pepino é um dos melhores alimentos para fazer parte do cardápio de quem vai começar uma dieta, pois diminui o inchaço, ajuda a eliminar toxinas e suas fibras contribuem para manter a saciedade por mais tempo. E tudo isso soma-se ao fato das calorias do pepino serem muito baixas e não possuir nada de gordura.

E vale lembrar que o pepino é considerado um alimento de calorias negativas, ou seja, o corpo gasta mais calorias para digeri-lo do que o alimento fornece. Assim, ao comer um pepino, você está na verdade gastando calorias estocadas no seu organismo.

A dica é substituir alimentos mais calóricos pelo pepino, como por exemplo trocar a barrinha de cereais com 95 calorias por 1 xícara de pepino cortado, que não tem nem um quinto desse valor.

Benefícios do pepino

Com 95% de água, o pepino é um excelente diurético e ajuda não somente a evitar a retenção de líquidos como também pode prevenir a formação de alguns tipos de cálculos renais.

Veja 5 motivos para você incluir mais pepino na sua dieta:

  • Atua como um tonificante natural dos rins e do fígado, dois órgãos fundamentais para quem quer eliminar toxinas e emagrecer;
  • Previne e trata o diabetes: o suco de pepino tem um hormônio que é utilizado pelas células do pâncreas na produção da insulina;
  • Controla a pressão arterial, graças à alta concentração de potássio, magnésio e fibra alimentar;
  • Diminui os níveis de LDL (colesterol ruim);
  • Evita a constipação crônica.

Diversos estudos recentes ainda ligam o consumo do pepino à prevenção de alguns tipos de câncer, como o de próstata, de ovário e o de mama. Acredita-se que essa propriedade medicinal do pepino se deva à presença das substâncias lariciresinol, pinoresinol, e secoisolariciresinol. 

Calorias do Pepino

Quando frescos, todos os pepinos têm praticamente a mesma composição nutricional e a mesma quantidade de calorias. Veja quais são as calorias do pepino fresco com casca:

– Porção de Pepino Fresco

  • 100 g: 15 kcal
  • 1 xícara: 22 kcal
  • 1 rodela de pepino caipira: 1,3 kcal
  • 1 rodela de pepino japonês: 0.8 kcal

– Pepino em conserva tipo Sunomono

  • 1 porção do restaurante japonês (1 potinho): 122 kcal

Tipos de Pepino

Trazido da Índia para as Américas por Cristóvão Colombo, o pepino se adaptou muito bem ao nosso clima tropical e hoje pode ser encontrado em todas as regiões do país. Os principais tipos de pepino no mercado brasileiro são: pepino japonês, aodai, holandês, pepino caipira e mini pepino (tipo conserva).

– Pepino Japonês

Pepino JAPONEs

Também conhecido como Aonaga, o pepino japonês tem casca verde escura e polpa mais firme que o pepino caipira. Fino e alongado, é o tipo mais utilizado para fazer sunomono, a tradicional salada agridoce de pepino japonês.

– Pepino Caipira

pepino caipira 2

De cultivo fácil, o pepino caipira é facilmente encontrado à venda e costuma ser mais barato que o pepino japonês. Além de ser utilizado para saladas, é também o tipo de pepino mais indicado para o preparo de sucos desintoxicantes.

– Pepino Aodai

pepino aodai

De coloração semelhante ao japonês e tamanho próximo ao caipira, o pepino aodai pode ser utilizado para o preparo de saladas ou conservas. Seu sabor é suave e semelhante ao pepino japonês.

– Pepino Holandês

pepino holandàs

Indicado para saladas, o pepino holandês tem pouca oferta no Brasil costuma ser consumido em maior quantidade nos países europeus – sobretudo na Espanha. 

– Mini Pepino

mini pepinos

Embora seja utilizado principalmente para fazer conservas, o mini pepino pode ser utilizado como os demais pepinos, ou como um delicioso aperitivo. Uma dica é mergulhar os mini pepinos em um molho light de iogurte, sal e mostarda. Além de saboroso, esse aperitivo é pouco calórico e pode substituir um lanche mais pesado.

Dicas

  • As calorias do pepino são baixas, mas cuidado com alguns acompanhamentos, que podem aumentar demais as calorias do prato. Um exemplo é o açúcar no pepino agridoce, ou os molhos de salada ricos em gorduras e calorias;
  • Faça uma salada leve com pepino, palmito, tomate cereja, alcaparras e rúcula. Tempere com limão e sal e sirva com um pouco de iogurte;
  • Corte rodelas de pepino e deixe marinando em um molho com shoyu, limão e pimenta. Sirva com arroz integral ou utilize no preparo de sanduíches em substituição ao tomate;
  • Troque de vez em quando o lanche da noite por uma porção de mini pepinos com molho de iogurte e limão;
  • Para facilitar a digestão do pepino, consuma o fruto com a casca.

Receitas com Pepino

Que tal ir além da tradicional salada de pepino e alface? Veja 3 sugestões de receitas com pepino para variar o cardápio sem pesar na balança.

– Sopa Refrescante de Pepino

Calorias: 145 kcal

Ingredientes

  • 10 mini pepinos em cubos ou ralados;
  • ½ cebola ralada;
  • 5 folhas de hortelã;
  • 1 xícara de alho poró picado;
  • ½ colher de azeite;
  • 1 colher de farelo de aveia;
  • Sal e pimenta a gosto;
  • 1/3 de xícara de água.

Preparo

  • Leve uma panela ao fogo com o azeite e a cebola ralada. Refogue até dourar;
  • Acrescente o alho poró e deixe fritar até ficar macio;
  • Adicione os mini pepinos, a aveia, hortelã sal e pimenta;
  • Mexa bem e adicione a água. Cozinhe por 3 minutos;
  • Deixe esfriar um pouco e em seguida bata no liquidificador até virar um creme;
  • Sirva com folhas de hortelã e algumas gotas de limão.

– Mousse light de pepino

Rendimento: 3 porções

Calorias: 175 kcal por porção

Ingredientes

  • 18 g de gelatina sem sabor;
  • 3 xícaras de pepinos ralados (pedaços finos);
  • 1 colher de cebola ralada;
  • ½ xícara de leite desnatado;
  • 1 xícara de maionese light;
  • 1 colher de sal;
  • 1 colher de suco de limão;
  • ¼ de xícara de água.

Preparo

  • Dissolva a gelatina na água e reserve;
  • Esquente o leite por 1 minuto no micro-ondas;
  • Despeje lentamente o leite sobre a gelatina e misture até dissolver;
  • Adicione o restante dos ingredientes e mexa com cuidado;
  • Unte uma forma e adicione a mistura;
  • Leve à geladeira e deixe até ficar firme;
  • Desenforme e sirva gelado.

– Suco detox de pepino

Calorias: 55 kcal

Ingredientes

  • ½ pepino caipira com casca;
  • 1 ½ copo de água;
  • ½ xícara de maçã verde picada com casca;
  • ½ xícara de espinafre;
  • 5 folhas de hortelã;
  • 2 cubos de gelo;
  • Suco de meio limão;
  • Raspas de gengibre a gosto;

Preparo

  • Bata todos os ingredientes no liquidificador e beba sem coar.

Você gosta de pepino? Aproveita as baixas calorias do pepino para ter o costume de consumi-lo diariamente em saladas e sucos? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 4,67 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

2 comentários

  1. goastaria de saber se o pepino contém ecesso de potássio pois já tenho muito potássio e dieta não posso comer nada que contenha muito pótassio

  2. Eu gostaria de saber como prepara o pipino com limão

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*