Publicidade

 

Ômega-3

Como Tomar Ômega 3 para Máximos Resultados

É comum ouvirmos falar que as gorduras são ruins e que o consumo de alimentos contendo gorduras deve ser reduzido na alimentação. No entanto, existem diversos tipos de gorduras, sendo algumas delas, inclusive, fundamentais para a manutenção de uma boa saúde, entre elas o ômega 3.

Publicidade

Vamos conhecer o que é, quais os seus principais benefícios e como tomar ômega 3 para ter máximos resultados e aproveitar suas vantagens.

O que é o ômega 3?

As gorduras, em especial os ácidos graxos, estão presentes naturalmente no organismo e são fundamentais para a manutenção de muitas funções metabólicas. Os ácidos graxos participam da estrutura da membrana celular e são importantes para a manutenção das funções cerebrais, auxiliando na transmissão dos impulsos nervosos e participando da síntese das hemoglobinas e da divisão celular, entre muitas outras funções vitais.

Os ácidos graxos são classificados, entre muitas questões, pela quantidade de insaturações na cadeia carbônica. Os chamados ácidos graxos poli-insaturados, tais como o ômega 3, apresentam duas ou mais insaturações na cadeia e estes possuem 18 ou mais carbonos, contendo cadeia média ou longa quando houver mais do que 20 átomos de carbono.

Este ácido graxo pode ser obtido através da dieta, estando presentes em diversos alimentos, tais como os peixes, os frutos do mar e a linhaça, ou pode ser consumido também em forma de suplemento alimentar. O ômega 3 também pode ser produzido pelo organismo a partir dos ácidos linoleico e alfa-linolênico, com a atuação das enzimas alongasse e dessaturase, que também estão presentes tanto nas espécies vegetais como animais.

Apesar de o organismo humano ser capaz de produzir o ômega 3 a partir dos ácidos linoleico e alfa-linolênico, a sua síntese é afetada por vários fatores, tornando a ingestão destes ácidos graxos através da alimentação essencial para a manutenção da saúde e de adequadas condições dos processos metabólicos. Não existe uma dose diária recomendada de ômega 3, porém muitas instituições sugerem a ingestão mínima de 250 a 500 mg por dia para adultos. 

Quais os benefícios do ômega 3?

O ômega 3 é um ácido graxo poli-insaturado de cadeia longa e, juntamente com o ômega 6, tem sido alvo de inúmeros estudos nas últimas décadas ao redor do mundo, devido às suas inúmeras funções benéficas ao organismo. Para que você possa aproveitar todos estes benefícios também é muito importante que se saiba como tomar o ômega 3 de forma correta.

Publicidade

Veja, a seguir, alguns dos inúmeros benefícios do ômega 3:

1. Ajuda a melhorar as funções cerebrais

O ácido graxo ômega 3 é parte fundamental da membrana das células cerebrais, os neurônios. É através desta membrana que todos os sinais nervosos são enviados e o desempenho mental depende bastante na presença do ômega 3. Quando há uma deficiência de ômega 3 no cérebro, este passa a tentar se adaptar, causando, assim, um prejuízo às funções mentais e gerando problemas de memória, alterações de humor, dificuldade de aprendizado, dificuldade de concentração e foco, entre muitos outros.

2. Mantém os níveis de colesterol saudáveis

O ômega 3 promove o controle adequado dos níveis de colesterol, reduzindo, assim, os riscos de doenças cardiovasculares. Estas doenças são atualmente, no Brasil, a principal causa de morbidade e mortalidade, sendo o infarto do miocárdio a principal causa de óbito. Quando há um acúmulo de placas de gorduras nas artérias, o diâmetro dos vasos sanguíneos fica reduzido e isto dificulta a passagem do sangue, causando muitas doenças cardíacas.

Diversos estudos mostraram que os ácidos graxos poli-insaturados ajudam a diminuir o colesterol total e o colesterol ruim (LDL), evitando, assim, o acúmulo destas placas de gorduras e ajudando na melhoria do sistema cardiovascular. Um estudo realizado nos Estados Unidos com 11 mil participantes que tomavam 850 mg de uma combinação de ácidos graxos por dia, durante 3 anos e meio, mostrou uma redução de 25% nos riscos de infarto e de 45% nos riscos de morte súbita.

3. Ajuda a reduzir os sintomas de depressão e ansiedade

Os ácidos graxos são fundamentais em diversos processos metabólicos, estimulando a produção de substância que aumentam a sensação de bem-estar, entre elas alguns hormônios, tais como a endorfina, e também alguns neurotransmissores, como a serotonina. Um estudo mostrou que o consumo de 200 a 2000 mg de ômega 3 por dia pode reduzir de forma significativa os sintomas de depressão e ansiedade, mostrando como é importante saber como tomar ômega 3 para que se obtenham estes resultados.

Publicidade

4. Ajuda na perda de peso saudável

Os ácidos graxos, entre eles, o ômega 3, estimulam a produção de diferentes hormônios no organismo. Alguns destes hormônios são fundamentais para o controle do apetite e para o envio dos sinais de fome para o cérebro. Quando estes hormônios estão em desequilíbrio, o corpo passa a não ter total controle destas sensações e a pessoa irá aumentar a ingestão de alimentos em função da falta de saciedade.

Alguns estudos mostraram que o consumo 2,8 gramas por dia de ômega 3, durante 3 semanas, trouxe uma redução significativa de peso, com perda de 1,5 Kg a mais do que o grupo que apenas fez dieta e exercícios para emagrecer.

Como tomar o ômega 3 para máximos resultados?

A ingestão de ômega 3 pode contribuir para muitos benefícios de saúde e também para a prevenção de diversas doenças. No entanto, algumas informações são importantes para que se faça o uso correto deste suplemento e possa atingir melhores resultados. Isto acontece em função de todo o mecanismo de absorção dos ácidos graxos no organismo.

Não existe um número específico em relação à dose diária recomendada de ômega 3, já que esta irá depender de vários fatores e condições. Algumas dietas, inclusive, recomendam altas doses de gorduras saudáveis de ômega 3 e ômega 6.

Diversos especialistas acreditam que a proporção ideal entre estes dois ácidos graxos seja de 2:1 (ômega 6:ômega3) para uma saúde completa, sugerindo-se um consumo diário de 1000 mg a 2000 mg de ômega 3 por dia para adultos saudáveis. 

Vale lembrar que geralmente são necessários 3 cápsulas de 1g de suplemento de omega-3 para se obter 1g de omega-3 de fato. Veja no rótulo quanto de omega-3 tem cada cápsula. Pessoas que buscam tratar problemas como depressão ou contribuir para alguma condição associada a saúde do coração ou cabeça, por exemplo, costumam fazer de até 6 cápsulas por dia, o que vai dar 2 g de omega-3.

Dicas de como tomar o ômega 3

A alimentação completa e balanceada tanto na variedade quanto na quantidade de alimentos é importante para que se mantenha a correta ingestão destes ácidos graxos. Muitas vezes, porém, as pessoas não conseguem manter uma dieta saudável de forma a se obter todos os benefícios do ômega 3.

Para aqueles que não conseguem fazer o consumo desta quantidade através de alimentos, a suplementação é recomendada. Estudos mostram que com o uso de suplementos, os benefícios do ômega 3 começam a ficar realmente visíveis somente após 8 semanas de uso contínuo.

A Food And Drug Administration (FDA) alega que o uso de suplementos de ômega 3 é saudável e seguro desde que não se exceda a dose de 2000 mg por dia. Em função da interação que este suplemento pode ter com outros tipos de produtos, recomenda-se que não se faça a ingestão de ômega 3 com outros suplementos ou remédios.

Uma dica fundamental para que sejam conquistados ótimos resultados é que todos os suplementos de ômega 3 serão mais bem absorvidos pelo organismo se forem ingeridos logo após uma refeição contendo gorduras, pois, assim, haverá a liberação da bile para que ocorra melhor utilização deste ácido graxo.

Procure ingerir alimentos contendo gorduras em todas as refeições em que for realizar o consumo de ômega 3, incluindo ovos, leites, laticínios, além dos óleos vegetais como os óleos de oliva, canola e soja. Desta forma, você estará realizando a máxima absorção do ômega 3 no organismo.

É importante ressaltar que o uso de qualquer tipo de suplemento alimentar deve ser sempre orientado e acompanhado por um profissional da saúde. Para pessoas com algum tipo de doença ou problema de saúde, os valores de ingestão diária também devem ser corretamente ajustados pelo médico ou nutricionista.

Publicidade
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você já compreendeu corretamente como tomar ômega 3 para maiores resultados? Pretende mudar algo no consumo desse tipo de gorduras? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

×