Publicidade

 

Determinada a Perder Peso Sem Cirurgia, Mulher de 136 Kg Perde 65 Kg

Tara Kavanagh sempre teve vários membros da família obesos ou acima do peso, então ela sempre acreditava que estava “destinada a ser gorda”.

Publicidade

A mãe de três filhos de South Dakota, nos EUA, aos 35 anos de idade, já chegou a pesar mais de 90 kg em seus 1,70 m de altura. Quando ela começou a ter filhos, o peso da gravidez a levou aos 136 kg. Depois de ter seu segundo filho, ela sabia que precisava mudar.

“Eu era uma jovem mãe de duas garotas, ainda no início dos meus 20 anos, e decidi que não queria mais viver o resto da minha vida obesa e insalubre”, disse ela. “Eu queria ser uma mãe ativa e ser capaz de brincar com minhas filhas. Eu também queria viver minha vida, não apenas existir. Eu queria experimentar coisas novas e senti meu tamanho me privando disso”.

Alguns de seus familiares optaram por fazer uma cirurgia de perda de peso, mas todos acabaram ganhando o peso de volta. Então, ela se viu determinada a seguir uma rota diferente.

“Durante muito tempo, senti que a cirurgia era minha única opção por causa do meu tamanho – não havia como perder tanto peso por conta própria. Mas depois de ver meus parentes ganharem o peso de volta, eu sabia que o segredo não era a cirurgia”, diz ela.

“Tinha que mudar meu estilo de vida e eu estava determinada a resolver isso para evitar que eu gastasse todo esse dinheiro e atravessasse toda a dor de uma cirurgia por algo que eu nunca vi funcionar a longo prazo para qualquer um que eu sabia que tinha feito”.

Kavanagh admite que nunca se acostumou às rotinas de exercícios no passado porque ficava entediada antes de ver algum resultado. Quando ela começou a fazer exercícios da Jillian Michaels, ela finalmente encontrou um programa de boa forma que poderia cumprir.

“Os treinos da Jillian são sempre divertidos e eu aguardo com expectativa fazê-los”, diz ela. “Quando eu começo a me acostumar com um treino, outro aparece, então eu nunca me entediava. Também curti o fato de existir uma variedade de níveis de intensidade para a maioria dos movimentos, então, não importa o peso que tinha, eu poderia ter um bom treino. Eu ainda faço os mesmos treinos hoje. Eu apenas subi o nível de intensidade agora!”

Publicidade

Ela também começou a prestar mais atenção ao que ela come.

“Eu costumava comer simplesmente porque estava com tédio”, diz Kavanagh. “Eu nunca pensava sobre o que estava comendo, quantas calorias tinha, a qualidade, etc. Comia porque me fazia sentir bem”.

Inicialmente, Kavanagh comeu os mesmos alimentos de sempre, mas começou a diminuir suas porções.

“Eu sabia que se eu mudasse demais muito rápido eu ficaria sobrecarregada e desistiria”, diz ela. “Depois que o peso começou a cair, comecei a aprender maneiras mais saudáveis de comer. Eu passei meu foco para as calorias depois disso. Eu usei um aplicativo de celular junto com um rastreador de atividade física, e fui perdendo peso com facilidade!”

Agora, Kavanagh concentra-se em comer alimentos não processados e orgânicos o máximo possível, e segue a regra 80/20 em sua dieta. “Eu ainda preciso dos meus deleites de vez em quando”, diz ela.

Perder 65 kg deu a Kavanagh uma vida totalmente nova.

“A melhor parte de perder peso foi ganhar confiança para realmente viver minha vida e experimentar coisas novas”, diz ela. “Eu não deixo meu corpo me privar de mais nada”.

Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você acredita que teria a mesma escolha de Tara depois de ver tantos familiares falharem em suas tentativas com a cirurgia? Acha que conseguiria perder tanto peso como ela? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

×