Dieta Low Carb – Como Funciona, Cardápio e Dicas

Existem inúmeras variações da dieta low carb, com diferentes restrições à quantidade e ao tipo de carboidratos permitidos durante o programa. O que todas elas têm em comum é que o principal nutriente da alimentação deve ser a proteína- obtida de fontes como as carnes, ovos e laticínios- seguida de gorduras “boas” para a saúde, como o azeite.

Mas para fazer a dieta low carb não basta apenas aumentar o consumo de proteína e cortar os carboidratos; além de não emagrecer, a dieta feita de maneira errada pode até colocar a saúde em risco.

Saiba como funciona a dieta low carb e veja uma sugestão de cardápio nutritivo e com poucos carboidratos.

O que é dieta low carb

Em um plano alimentar convencional o consumo de carboidratos deve ficar entre 45-55% do total de nutrientes ingeridos todos os dias. Já na dieta low carb a ingestão diária de carboidratos permanece abaixo de 20% do total de calorias ingeridas.

A mais famosa das dietas low carb é a dieta Atkins, lançada nos anos 70 pelo médico norte-americano Dr. Robert Atkins e que atualmente tem milhões de seguidores em todo o mundo.

Mais recentemente tivemos o surgimento da dieta Dukan, lançada pelo médico francês Pierre Dukan após uma adaptação do método Atkins. Também um fenômeno mundial, a dieta Dukan prega um consumo extremamente limitado de carboidratos e uma ingestão de proteínas de alto valor biológico, restringindo açúcares, refrigerantes e demais alimentos processados.

Objetivo da dieta low carb

O principal objetivo da dieta low carb é obrigar o corpo a utilizar gordura como sua principal fonte de energia na forma de corpos cetônicos que irão substituir a glicose obtida através dos carboidratos.

Quando isso ocorre, o corpo está em cetose, que pode ser definida como um estado metabólico onde o corpo não mais obtém energia a partir da glicose. O resultado é uma mobilização das reservas de gordura do organismo (= queima de gordura), que agora passam a ser utilizadas como combustível para o metabolismo.

Dieta Low Carb Emagrece?

Sim, a dieta low carb emagrece, principalmente logo após os primeiros dias de alteração nos hábitos alimentares (graças à eliminação do excesso de glicogênio estocado).

Mais de 20 estudos científicos já comprovaram que a dieta low carb emagrece, e em alguns casos a perda de peso é até três vezes maior que nas dietas convencionais (com baixo teor de gordura).

Porque Funciona

Mas por que a dieta low carb leva à perda de peso? Se no início os quilos eliminados são em grande parte de líquidos, o que sustenta o emagrecimento em longo prazo observado nos seguidores das dietas com baixo teor de carboidrato?

O assunto ainda é bastante controverso, e pesquisadores têm sugerido diferentes teorias para explicar exatamente como funciona a dieta low carb, mas já se sabe que:

– A dieta low carb afeta o controle da glicose sanguínea

Até alguns anos atrás a orientação predominante para perder peso era diminuir a ingestão de gorduras. Como os números alarmantes de obesidade mundial podem comprovar, essa estratégia não funciona em longo prazo, pois as gorduras são necessárias para o organismo e também trazem mais saciedade.

Além disso, o alto teor de carboidratos provoca uma grande variação na glicose sanguínea, o que por sua vez se traduz em fome pouco tempo após a refeição. Isso porque nossas células precisam de insulina para poder absorver a glicose, e o hormônio produzido pelo pâncreas não para de “trabalhar” enquanto não retirar o excesso de açúcar da circulação.

Quando isso ocorre, nosso cérebro recebe um sinal de que precisa de mais glicose, e você logo em seguida começa a sentir fome. A insulina também favorece a estocagem de energia na forma de gordura, e dificulta a remoção dos lipídios já armazenados.

Ou seja: a insulina inibe a lipólise (queima de gordura como fonte de energia) e estimula a lipogênese (produção de gordura). E é exatamente aí que está um dos maiores benefícios das dietas low carb.

O baixo consumo de carboidratos leva a uma redução drástica na liberação de insulina, o que se traduz em uma maior mobilização dos estoques de gordura para serem utilizados como fonte de energia.

E com menos insulina na circulação, outro efeito é um maior controle do apetite (sobretudo por doces), já que as taxas de glicose na circulação tendem a variar com menos intensidade.

– O alto teor de proteínas acelera o metabolismo

A digestão das proteínas exige muito mais energia do corpo que a quebra dos carboidratos, e como resultado, há uma aceleração do metabolismo como resposta ao aumento do consumo de proteínas.

Os aminoácidos também são essenciais para a formação de massa muscular, que por sua vez gasta mais energia do que o tecido adiposo.

E por último, as proteínas ajudam a controlar o apetite, pois não causam um pico de insulina e ainda por cima retardam o esvaziamento gástrico.

– Carboidratos retêm menos água

Cada grama de glicogênio retém aproximadamente três gramas de água, o que ajuda a explicar porque é comum ganhar peso após o consumo de pães e massas.

Como não há carboidrato para repor os estoques de glicogênio no fígado, o excesso de líquido é eliminado nos primeiros dias da dieta através da urina.

– Diminuição da vontade de comer doces

Mesmo quem não precisa emagrecer pode se beneficiar de uma dieta low carb, pois o plano alimentar pode ser utilizado como ponto de partida para a mudança dos hábitos alimentares.

A restrição de carboidratos no cardápio tem como efeito “colateral” uma diminuição na vontade de comer carboidratos refinados (doces, pães e massas brancas) e outros alimentos processados, o que facilita a adoção de uma dieta mais saudável.

Para aqueles que estão acima do peso, a eliminação dos carboidratos pode ajudar a controlar a compulsão por açúcar, já que a dieta low carb reduz as variações drásticas de glicose responsáveis pelo aumento da vontade de comer doces.

Como Funciona a dieta Low Carb

Agora que você já sabe porque a dieta low carb emagrece, vamos conferir como fazer a dieta low carb para emagrecer.

Primeiramente, você determinar qual a quantidade máxima de carboidratos que pretende consumir diariamente (em geral, não mais de 20 gramas) e em seguida fazer uma lista de compras com os alimentos permitidos na dieta low carb.

Ter à mão tudo que precisa (sobretudo durante os primeiros dias) evitará idas torturantes ao supermercado, e também tornará mais fácil a programação do cardápio.

Não existe uma quantidade exata de cada alimento que pode consumir, uma vez que não é necessário fazer um controle rígido das calorias- desde, é claro, que você limite o consumo de carboidratos e não ultrapasse o ponto de saciedade.

– Alimentos Permitidos

  • Proteína de alto valor biológico

    Carne vermelha magra, peito de frango, peixes, ovos, whey protein isolado. Embutidos (salsicha, mortadela, linguiça, peito de peru, etc.) são permitidos, mas deve-se ficar atento à quantidade de sódio (que promove retenção de líquidos) e de carboidratos nos rótulos.

  • Frutas com baixo índice glicêmico

    Morango, cereja, amora e mirtilos.

  • Laticínios

    Aqueles com alto teor de gordura contêm menos carboidratos que os laticínios light, mas por outro lado são ricos em gordura saturada, que deve ser consumida com muita moderação. Creme de leite, cream cheese e parmesão são alguns dos laticínios permitidos na dieta low carb.

  • Gorduras boas

    Nozes, azeite, óleo de coco, abacate, salmão, atum e sardinha.

  • Vegetais

    Folhas verdes (couve, rúcula, alface, agrião, etc.) e vegetais não amiláceos (couve flor, rabanete, brócolis, alho poró, aspargo).

  • Outros

    Maionese, leite de coco, frutos do mar, gelatina sem açúcar e adoçantes (sucralose e aspartame).

  • Bebidas

    Café, chás sem açúcar (camomila, erva doce, etc.) e água sem gás.

Vídeos:

A nutricionista Patricia Leite dá dicas de alimentos com poucos carboidratos, nos dois vídeos que irão aparecer abaixo:

Alimentos Proibidos na dieta Low Carb

A dieta do Dr. Atkins original foi alvo de muitas críticas por promover o consumo livre de carnes gordurosas, ovos, bacon e queijos amarelos.

Após inúmeros estudos relacionarem o alto consumo de gordura saturada de origem animal com uma série de complicações cardiovasculares, o plano alimentar sofreu alterações e, assim como outras dietas low carb, passou a estimular o consumo de gorduras mais saudáveis de origem vegetal (nozes, castanhas, azeite, abacate) e peixes de água fria ricos em ômega 3 (um tipo de ácido graxo que combate inflamações e pode auxiliar na perda de peso).

Portanto, nada de café da manhã com meia dúzia de ovos, bacon e linguiça frita. Também está proibido o consumo de açúcar, trigo, produtos diet e até mesmo alimentos integrais, como arroz e pão produzidos com farinha de trigo integral.

Outros itens que devem ser abolidos do cardápio da dieta low carb:

  • Álcool
  • Refrigerantes diet, light ou zero
  • Iogurte
  • Leguminosas (feijão, lentilha, grão de bico)

Cardápio para dieta low carb

Não existe um cardápio específico para a dieta low carb, pois o principal intuito é consumir menos carboidratos, e focar nas proteínas e gorduras saudáveis.

Com isto em mente, sugerimos abaixo um cardápio com cinco opções pouco elaboradas para cada refeição (se preferir algumas receitas low carb mais complexas, clique aqui, mas lembre-se de que você poderá modificá-lo a qualquer momento para incluir suas preferências e sair da rotina.

Café-da-manhã

  • Opção 1: Omelete com queijo, salsinha, cebolinha e 1 colher de chá de semente de linhaça dourada.
  • Opção 2: Enroladinhos de presunto e queijo preparados com tomate e orégano na frigideira (como um Bauru sem pão).
  • Opção 3: Meio abacate coberto com um ovo (retire o caroço do abacate, quebre um ovo dentro da metade e tempere com sal, pimenta e outros temperos a gosto. Asse em forno médio por 10-12 minutos ou então leve ao microondas por 3 minutos).
  • Opção 4: 2 ovos fritos no óleo de coco + 1 fatia de queijo minas derretido
  • Opção 5: Pão sem carboidrato tipo “Oopsie” (bata 3 ovos + 90g de cream cheese + sal a gosto e leve para assar em forno médio por 20-25 minutos) + 1 fatia de queijo + 1 fatia de peito de peru

Lanche da Manhã

  • Opção 1: 2 ovos cozidos temperados com azeite, tomilho e cebolinha
  • Opção 2: 1 xícara de café com creme de leite
  • Opção 3: 1 pedaço de queijo
  • Opção 4: “palitos” de pepino mergulhados em cream cheese

Almoço

  • Opção 1: Atum (ou outro peixe de sua preferência) grelhado com brócolis ou couve de Bruxelas
  • Opção 2: 1 pires de salada de rúcula e rabanete + 1 bife grande + 3 azeitonas
  • Opção 3: Peito de frango assado com bacon + couve refogada no óleo de coco
  • Opção 4: “Sanduíche” com alface (no lugar do pão) + maionese + queijo + peito de peru ou presunto
  • Opção 5: almôndegas low carb + legumes refogados no azeite

Lanche da Tarde

  • Opção 1: ½ xícara de morangos com 1 colher de creme de leite e adoçante
  • Opção 2: 1 xícara de gelatina sem açúcar
  • Opção 3: 5 nozes
  • Opção 4: ½ xícara de chips de provolone
  • Opção 5: 2 panquecas finas de whey

Jantar

  • Opção 1: Salada + ovos mexidos com espinafre, salsa e cebolinha
  • Opção 2: 1 lata de atum + 1 xícara de legumes cozidos
  • Opção 3: Bife + shitake na manteiga + 1 pires de salada de folhas
  • Opção 4: Salsicha frita no óleo de coco (ou azeite) com pimentão vermelho e coberta com queijo ralado
  • Opção 5: Camarões grelhados com alho + salada de abacate com alface

Ceia

  • Opção 1: 1 xícara de melão em cubos
  • Opção 2: 2 colheres de semente de girassol
  • Opção 3: 5 cerejas
  • Opção 4: 1 pedaço de queijo + ½ pera
  • Opção 5: 3 azeitonas

Dicas

  • Varie o cardápio: assim como qualquer outra dieta, a monotonia pode desestimular e facilitar o abandono da dieta low carb. Planeje com antecedência o cardápio da semana e alterne não apenas os alimentos como também a forma de preparo de cada um deles. Caso seja fã de ovos, por exemplo, faça omelete em um dia, ovos mexidos com queijo no outro, claras cozidas recheadas com cogumelos no terceiro dia, e assim por diante. Ou seja: saia da rotina, pesquise receitas e personalize o seu cardápio.
  • Morangos ajudam a saciar a vontade por doces: Se você está com dificuldades para diminuir o consumo de açúcar experimente encaixar uma porção de morango com creme de leite e adoçante no cardápio, ou então consuma 1 quadradinho de chocolate com 80-90% de cacau (sim, é muito amargo, mas vai saciar a vontade de algo doce).
  • Como folhas verdes diariamente: Um dos efeitos colaterais da dieta low carb é a prisão de ventre provocada tanto pelo consumo excessivo de proteínas como pela falta de fibras no cardápio. Para facilitar o trânsito intestinal consuma o equivalente a duas xícaras de folhas verdes todos os dias, e pratique caminhada leve ou moderada.
  • Priorize os alimentos naturais: evite sempre que possível os produtos altamente processados, ainda que sejam low carb (por exemplo: queijo polenguinho). A dieta low carb deve ser encarada como uma passo na direção de uma alimentação mais saudável e nutritiva, com menos aditivos químicos, pesticidas e outras toxinas.
  • Evite o consumo de leite: a lactose é o açúcar do leite e poderá causar alterações na glicose sanguínea.
  • A água é fundamental na dieta low carb: Além de melhorar o funcionamento do intestino ainda ajuda a eliminar as toxinas resultantes do metabolismo das proteínas. Beba pelo menos 6-8 copos de água mineral todos os dias (se preferir, use hortelã ou raspas de gengibre para aromatizar).
  • Não passe fome: um erro muito comum na dieta low carb é querer diminuir a quantidade de gorduras e ficar apenas com as proteínas. Resultado: mais fome e mais dificuldade para continuar a seguir a dieta. Coma até se sentir saciado, e não pule refeições para emagrecer mais rapidamente.
  • Mas cuidado com os exageros: não é porque o queijo está liberado que você vai comer 300 gramas de uma única vez, ou então devorar um pote inteiro de castanhas durante a novela. Moderação ainda é a palavra chave, mas se você sofre com compulsão alimentar, procure não deixar à mostra os alimentos mais tentadores, e evite ir para a sala com um pote ou pacote de qualquer coisa. Coloque no prato/ xícara apenas a quantidade que planeja comer de uma única vez, e não repita.
  • Não se esqueça de manter um diário com a contagem dos carboidratos: é muito fácil subestimar a quantidade durante a dieta. Esteja atento a tudo o que consumiu ao longo do dia. Assim, caso não esteja emagrecendo com a dieta low carb, ficará mais fácil identificar e corrigir possíveis erros.

Ao fazer uma dieta com menos carboidratos é importante que pense sempre na sua saúde, em fazer algo saudável.

Você já fez alguma dieta low carb? Você acha que ela funciona? Qual era seu cardápio diário? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (212 votos, média: 3,91 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

79 comentários

  1. estou a 5 dias dessa dieta, e vejo o quanto é surpreendente o efeito que ela tem, de inicio é meio assustador perceber que você pode consumir carnes e gorduras saudáveis. meu peso era 88kg, em 5 dias eliminei 3 kg, minha meta é ficar com 65 kg porque sou baixinha, e meu peso está afetando minhas pernas e joelhos, sinto muita dor. estou sentindo falta de arroz e doce principalmente mas quando penso nisso eu coloco uma azeitona que sou super fã, ou então fico chupando um tablete de chocolate amargo. sinto tbm muitas câimbras devido a perda de sais minerais e potássio, li em um site que é bom tomar muita agora e assim estou fazendo. depois eu volto e conto pra vocês como está o meu processo de vida nova e comida de verdade.

    • Luiza gostaria de saber se agora que se passou mais alguns dias tem tido resultado?
      Ta conseguindo seguir direitinho?

    • Karoline Oliveira Miranda Santos

      eai luiza? como esta indo???

    • óla meninas! Estou fazendo a dieta a uma semana, achei díficil e achei que perdi pouco peso em uma semana 1kg, onde posso estar errado? tem como vcs me ajudarem? Grata!!! Att Larissa

      • Oi Larissa.. Quando acontece isso é pq vc não atingido o cetonico.. Então faça o seguinte.. Nós 7 primeiros dias nada de corboidratos.. Eu digo.. Legumes e verduras.. Tenho algumas dicas de doce.. Misture no creme de leite o suco Clayth sabor maracujá q fica idêntico mousse de maracujá.. Mas coloque as poucos do pó e vai experimentando.. Pode fazer com outros sabores fica divino igual Danone grego.. E a gelatina p comer de manhã p não ficar muito enjoativo a primeira semana.. Só carnes e ovos.. Faça e strogonoff tbm.. A tarde como presunto e queijo.. Qndo comprar a gelatina e o creme de leite sempre olhe no rótulo.. Se tiver já 2%de carbo não compre.. Procure a que tiver zero… Nos primeiros 7 dias tem q ser assim.. Depois nas próximas semanas já pode colocar as verduras e legumes… Como tem. Aí no site em. Cima.. Mas as frutas eu não aconselho, só depois de 1 mês.. Eu fiz dessa maneira e deu certo 1 kilo por dia

    • Boa tarde Luiza. Então, já tem uma ano que eu estou com estilo de vida LOW CARB, e minha vida mudou por completo. Agora eu estou muito mais disposta, tenho mais energia, disposição, bem estar. Fora os quilos e medidas eliminadas, eu estou AMANDO o meu corpo!!! Eu estou muito feliz e não é só eu que estou feliz, meu esposo esta fazendo elogios quase que diários…hehehe Se você quiser mais informações, assista essa reportagem. bjs http://bit.ly/reportagemR7

  2. Rosinei Aparecida Magnabosco

    Tenho hipotireodismo. Alguma restrição ou inclusão a mais do que já foi dito?

    • Rosinei, também tenho hipotireoidismo e adotei a lowcarb há uns 2 meses e meio. Não tive nenhum problema com relação a alimentação, não. Inclusive já perdi 15 quilos 😉 . Se tiver Instagram e quiser conferir, tenho colocado tudo no @asagadadieta. Bj

  3. Quais opções para o lanche da tarde fora o que esta descrito acima? Sinto muita fome depois das 16 hs e nao sei o que comer 😔. Alguma sugestão? ?

    • Coma enroladinho de presunto e queijo ou queijo assado com óregano, eu também costumo comer morango e lascas de coco que são low carb, no YouTube tem uma receita de bolinho de coco low carb que é miito bom 🙂

  4. Eu iniciei tem 02 dias, por isso gostei muito da materia, me esclareceu muito.

  5. Quantos dias dura a dieta?

  6. Eu comi mortadela,uma pequena quantidade.. Em vários lugares dizem que contém muito carboidrato. Pode ou não ingerir uma pequena quantidade? Isso quebra a Celose? Obrigada

  7. Nicole Cristina Lopes Dutra

    Gente, por favor, testem receitas antes de divulgar. Abacate AMARGA quando esquenta. Ficou horrível.

  8. OI… gostaria de saber se frutas liberadas na dieta são só as especificadas acima. Vc sabem se é liberado ingerir frutas como manga, abacaxi , manga ou mamão , por exemlpo??

  9. A dieta lowcarb não funciona com um cardápio montado pra se comer de 3 em 3 horas como mostra na matéria. Na dieta lowcarb a pessoa come quando ela sente fome ate se sentir saciada. O que ela come? O que ela tem vontade, dentro dos alimentos permitidos é claro! Não necessaiamente ela vai comer morango ou nozes no lanche. Se no período da tarde ela sentir fome e estiver com vontade de comer peixe, vai lá e come. E como a alimentação é vai voltada pra gordura, proteínas, fibras, etc. e não excessos de carboidratos, a pessoa não sente fome o dia todo.

    • Bem isso Fernanda, eu como ás 8 da manhã 3 ovos mexidos com café e nata e não preciso do lanche da manhã, vou direto pro almoço, somente verduras e legumes e alguma carne, depois só como novamente lá pelas 16 ou 17 hrs novamente meus ovos mexidos que adoro, aí antes de dormir como uns morangos somente. Estou super bem , perdi 4 kg em 20 dias.

  10. A dieta que não ingere mais de 20g de carboidrato por dia não é a LowCarb e sim a cetogência. A Low Carb é o dobro disso.

    • Olá o que vc come de carboidrato

    • Fernanda, também pensei nisso quando li 20g de carbs, mas penso que a pessoa que escreveu o artigo tenha se enganado. Porque no início da matéria está 20% de carbs das calorias ingeridas diariamente.
      Mas fez bem em ressaltar esse aspecto muito importante.

  11. Oi Luiza .perdeu peso esperando? ??

  12. Eu acho Q eu não sou deste mundo!! 😞 Não consigo JAMAIS comer 5 nozes de lanche, e ficar saciada 😫 E morango NENHUM tira minha vontade demonetizada doces!! Não sei mais Oq eu faço 😰😓

  13. ATENÇÃO!!! PERMANECER NESTA DIETA POR UM LONGO PERIODO DE TEMPO É PERIGOSO!
    CETOSE É ALGO QUE O CORPO NÃO É ACOSTUMADO A REALIZAR COMO CONSEQUENCIA DIVERSAS ALTERAÇÕES NO ORGANISMO, LEVANDO ATE A ALTERAÇÕES MENTAIS
    CONSULTE UM NUTRICIONISTA.

  14. Eu já estou fazendo a uma semana. Larguei a dieta convencional q todo mundo faZ e não vê resultado E tenho sentindo menas fome…
    Estou amando.

  15. Consegui manter a dieta LOW CARB, moderadamente, tendo em vista que relaxava do meio do sábado ao final do domingo. Estava com 110kg e baixei para 95 em 2 meses, detalhe… Treinando musculação 4 vz na semana e praticando futebol duas vz na semana.
    Ocorre que a duas semanas atraz comecei a notar uma frequencia maior de micção, principalmente a noite, ia ao banheiro e ja voltava com a boca seca, ingeria um copo de água e com 2 horas repetia a ida ao banheiro.
    Comecei a sentir dor de cabeça e tontura…Dei um tempo na dieta, retornei essas duas semanas a ingerir carboidrato até reestabelecer o sistema! rsrs
    Sei muito bem o que aconteceu comigo, pois eu ja venho na luta contra o peso a muitos anos e ja adquiri bastante informação. Resumindo: Menos sal na dieta, menos carbo, menos retenção hídrica, mais eliminação de líquidos, consequentemente mais expulsão de sais e minerais etc, etc, etc

    • Olá , fiz esta dieta com acompanhamento médico e nutricional , e emagreci 20 kilos em 3 meses , mas ocorre que vc não pode interromper a dieta como está fazendo no meio do processo , pois desta forma vc interrompe todo o processo de cetose , é como se seu organismo estivesse começando tudo do zero novamente , após este seu intervalo de sábado para domingo .
      O ideal é se manter firme na fase 1 ( ingestão mínima , quase nula de carboidratos , sendo que nem tomate é permitido ) , por ao menos 15 dias diretos ( eu me dei tão bem , que mantive a fase 1 por 1 mês direto ) , e depois ir para a fase 2 onde há um pequeno acréscimo de carboidratos ( mas muito pequeno ) , e finalmente a fase 3 , onde começa à introdução moderada e graduada dos carboidratos .
      Esta foi a que fiz , e tive sucesso , mas a questão da interrupção no meio do processo , meu médico deixou muito claro que zera tudo , e torna a dieta ineficiente .
      Quantos aos alimentos permitidos , eram liberados o consumo .

  16. ludmilla de morais cardoso

    Gabriele, gostei muito do seu comentário, pois vc teve acompanhamento medico e nutricionista por isso queria saber se existe um livro um artigo ou mais informação sobre essa dieta. Obrigada pelas dicas. abraços

  17. Boa tarde,

    Sou Eliana Rocha tenho 1,72 e 86 quilos sempre faço caminhadas e vira e mexe estou tomando form
    mulas pra emagrecer.Aqui no meu trabalho devido a um colega que esta fazendo essa dieta e perdeu peso resolvemos montar um grupo onde colocamos as dicas que vcs passam iremos começar na proxima semana estou muito ansiosa por nunca ter feito neihum tipo de dieta e gostar de tomar cerveja mais vou encarar

  18. BOM DIA, EU ALMOCO NO TRABALHO, MAS PROCURO COMER SEMPRE O MAIS SAUDAVEL… TEM ALGUM PROBLEMA FAZER ISSO FAZENDO A DIETA LOW CARB

  19. Gostaria de saber quais frutas do Nordeste são permitidas, pois havendo grande variedades, as indicadas pelo médico como morango não são comuns aqui no Nordeste. Eu como diabética desconto nas frutas a minha vontade de comer doce.

  20. “Após inúmeros estudos relacionarem o alto consumo de gordura saturada de origem animal com uma série de complicações cardiovasculares…”
    Gostaria que citassem um estudo apenas, que seja confiável, ou seja, não manipulado e patrocinado pela indústria alimentícia.

  21. Olá, por favor,

    A maioria das pessoas adotam a dieta low carb para emagrecer. Eu não estou gordo e ainda sou uma pessoa muito ativa, pedalo 50 minutos por dia em velocidade 21km/h e trabalho em pé caminhando e pegando peso. Em um cálculo médio de calorias gastas eu chego a 4mil por dia.
    Pois, para me suprir com uma dieta low carb usando um cardápio semelhante ao exposto que contenha aproximadamente 4mil calorias, quanto isso iria pesar em meu bolso? Pensando financeiramente sem ficar desatento com a saúde, não seria mais prudente eu ingerir arroz, feijão, macarrão, comer bastante batata, frango, carne vermelha, bastante legumes e frutas e além de me manter saudável, facilitar obtenção de calorias necessárias e pagar menos por isso?
    Tenho um amigo body builder e ele de fato fica chateado porque não tá comendo o bastante. Não seria uma opção melhor pra mim uma dieta focada em carboidratos? (não estou me referindo a massas, pães e bolachas, mas em arroz, feijão, batata e outros legumes e talvez um macarraozinho moderado com frutas, muito ovo frango e carne vermelha, com peixes tbm).

    obrigado quem puder me aconselhar…

  22. Eu e minha esposa estamos fazendo essa dieta a 8 dias e pra nossa surpresa não perdemos peso algum. O que deve ter ocorrido?

    • Cândido, independente da dieta que você fizer, a diferença entre calorias que entram e calorias que saem é uma ciência quase exata. Aproximadamente precisamos perder 7mil calorias para emagrecer 1kg. Eu fiquei 10 dias ingerindo em média 2mil calorias ao dia e gastando em torno de 4mil calorias, o resultado é que deu uma diferença de umas 22mil calorias e isso realmente me fez emagrecer 3kg. Mas imagine você, são 4mil calorias por dia, pra você se manter comendo apenas 2mil, não importa que tipo de dieta você faz, vai sentir muita fome, não é fácil pedalar 50min, trabalhar 8h e 30min andando em pé e pegando peso moderado, e não ingerir o tanto de alimento que necessita. De fato, minha dieta prejudicou levemente meu desempenho! Isso significa que o natural ao fazer uma dieta é não engordar e não exatamente emagrecer, pois em uma dieta saudável teremos a tendência a comer exatamente o que nos é necessário, não mais, não menos. Para emagrecer infelizmente vai ter carência de energia de acordo com sua atividade física, pois vai precisar colocar menos energia que estiver gastando. Embora o corpo use as reservas internas, esse processo não é aceito por nosso cérebro da mesma forma que é quando usamos energia de um alimento, ou seja, você não vai morrer de fome, mas vai ter muita fome e sensação de cansaço: motivo pelo qual a maneira mais fácil de emagrecer é evitando fazer exercícios nos períodos de escassez de alimento (não parece muito saudável, mas é mais fácil).

  23. Comecei essa dieta, mas com algumas alterações: Como apenas quando tenho vontade e ainda faço Jejum intermitente, e em 1 semana perdi 4kg.
    Infelizmente perdi um pouco de massa magra, mas faz parte.
    Sempre fui uma pessoa que come MUITO e MUITA besteira… É incrivel como minha vontade de comer toda hora diminuiu bastante.

  24. estou iniciando hoje a dieta loucar.peco orientacao pra voces que fazendo mesma.

  25. Maionese? Atum enlatado? Cream cheese? Salsicha?
    Gente pelo amor de Deus, esses tipos de alimentos são industrializados, não deveriam ser consumidos em nenhuma dieta e nem na dieta low carb, além de ter um alto teor de sódio que retém água no corpo.

  26. Maria da Consolação Fagundes

    Oi Gabriela tudo bem, também gostaria que me ajudasse com mais informações, tô precisando muito emagrecer

  27. Estou achando essa dieta muito interessante, preciso perder peso porém nunca obtive sucesso nas minhas dietas, por isso estou estudando sobre cada uma delas. SERÁ QUE SERIA POSSÍVEL PASSAR A FONTE ARTIGO POR FAVOR???

  28. Maria Alice Silva de Faria

    Gostaria de saber se o iogurte de kefir é permitido na dieta Low carb?

  29. Eu iniciei a dieta low carb a uma semana, emagreci 4 quilos, tinha muitas dúvidas, até a presente data, dúvidas estas que foram sanadas com o seu trabalho completo, agradeço e parabenizo pelo gesto maravilhoso em compartilhar.

  30. MARIA 27- 3 2017 fiz bariatrica a 8 anos e comecei a ganhar peso gostaria de algumas informacoes se devo ou nao iniciar a dieta LOW CARB?

  31. Rodrigo De Oliveira correia

    Perdi 16 kgs com a lowcarb agregando Ji ,gostei bastante ,dei uma pausa de 2 semanas (opção minha)voltei ontem novamente

  32. ola pessoal
    mim chamo cristiane e preciso perder peso urgentemente estou com 90 kl.
    eu so tenho 162 de altura e ja sinto muitas dores nas pernas e pes…
    gostaria q vcs mim ajudassem pois n entendo muito bem de calorias e essas coisas de diferenciar carboidrato de proteinas .
    gostaria q mim ajudassem com o que posso e nao posso comer…

  33. ultimamente tenho sentido muita fome e sinto vontade de comer o tempo todo .
    isso e horrivel……vivo falando que vou iniciar uma dieta e quando vejo ja estou comendo novamente, adoro comer besteiras

  34. olá gostaria de participar de algum grupo ,tem?

  35. Boa noite,

    Gostaria de saber como sei que to comendo 20% de carboidratos

  36. não entendi a quantidade.. ali em cima diz ate 20gramas, depois fala a vontade, afinal quanto posso comer por dia?

  37. Bom dia, eu comecei a Low carb já faz três meses e já consegui perder cerca de 15 kgs. No principio associava o low carb com a ginástica aeróbica onde perdi 10kgs e depois ficava cada vez mais lenta a perda de peso e foi aí que introduzi a corrida pela manhã e foi incrível que em um m~es perdi sem exagero 5kgs. continuo na luta, pois ainda me faltam 10kg por perder tenho como meta Junho do presente ano. Tenho 1m e 57 cm e comecei a low carb com 79 kgs. neste momento peso 64 kg e minha meta é 54Kgs. aceito sugestões para melhorar a minha performance

  38. Branca martins Di Buono

    Como ficou o intestino de vocês? Piorou muito?

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*