Publicidade

 

‘Eu Cheguei ao Fundo do Poço’, Diz Mãe que Mudou de Vida e Perdeu 42 Kg

Em dezembro de 2015, Natalie Moxey estava abrindo a caixa do correio quando encontrou um cartão de Natal que realmente a surpreendeu. O restaurante indiano local, onde ela e sua família encomendaram muitas refeições, enviou-a uma saudação de boas festas. Apesar do restaurante provavelmente ter enviado cartões para todos os seus clientes, Moxey levou isso para o lado pessoal.

Publicidade

“É uma coisa bastante assustadora pensar que você pede comida suficiente de uma empresa delivery que eles até enviam um cartão de Natal para você”, disse Natalie, de 31 anos, da Inglaterra. “Eu cheguei ao fundo do poço”.

Na época, ela pesava 118 kg em seus 1,80 m de altura. Ela estava com excesso de peso desde que começou a ter filhos. Como muitas mulheres, ela ganhou peso na gravidez e não conseguiu perdê-lo. Mas eram seus dois filhos que a faziam perceber que tinha que fazer mudanças saudáveis.

“Se eu fosse viver para ver meus meninos crescerem do jeito que eu queria, eu vou ter que perder peso”, disse ela.

Ao mesmo tempo, ela também recebeu um anúncio para um plano de gerenciamento de peso que se concentra em hábitos alimentares saudáveis e controle de porções. “Parecia um pouco como o destino”, disse ela.

Em janeiro de 2016, ela participou de uma reunião e se perguntou se o programa poderia funcionar. No passado, ela tentava dietas e elas sempre falhavam. Mas ela decidiu dar uma chance. Em vez de pedir comida, ela e seu marido começaram a fazer refeições em casa. Na primeira semana, ela perdeu mais de 3 quilos.

“Ter um plano em que você ainda possa desfrutar desta comida maravilhosa e perder peso foi revolucionário”, disse Natalie. “Eu realmente não acreditei”.

Publicidade

Em primeiro lugar, Natalie lutou para se exercitar, mas conforme ela continuava a perder peso, ela foi se tornando mais ativa.

“Eu aumentava minha caminhada”, disse ela. “Então em três ou quatro meses, com 12 ou 13 kg a menos, eu comecei a fazer aulas de aeróbicos”.

Para sua surpresa, ela até começou a correr.

“Eu não sou uma corredora”, disse ela. “Eu faço regularmente 5Ks e 10Ks e realmente gosto disso agora”.

Desde janeiro de 2016, Natalie perdeu mais de 42 kg e pesa 76 kg agora, que era o seu peso alvo. Ela recentemente comemorou alcançar esse marco. “Foi uma sensação bastante incrível”, disse ela.

Publicidade

Nos últimos 18 meses, ela aprendeu que era mais forte do que pensava.

“Eu assumi o controle do que eu faço para mim e meu corpo”, disse ela. “Isso me ajudou a encontrar minha auto-estima novamente”.

Mais importante, ajudou-a a se tornar a mãe que ela sempre quis ser. “Ser saudável e feliz é o que você precisa para ser uma boa mãe”, disse ela. “Isso é realmente importante para mim, que (meus filhos) vejam que lutar para melhorar si mesmo é positivo”.

Natalie forneceu algumas dicas para ajudar os outros que também tentam perder peso.

1. Tire fotos

Mesmo quando Natalie não gostava da sua aparência, ela tirou fotos de si mesma. Olhar para as imagens antigas ajudava-a a ficar focada em seus objetivos de perda de peso, mesmo quando se sentia mal.

“É uma motivação incrível para se forçar a continuar”, disse ela.

2. Desfrute da sua comida

Natalie pensava que perder peso significava eliminar da dieta macarrão e batatas. Mas ela encontrou um plano que a ensinou a controlar suas porções, o que a ajudou a se sentir saciada enquanto ainda desgustava os alimentos que amava.

“Eu segui dietas no passado incrivelmente restritas, e você se sente miserável. Não dá para viver praticamente com o estômago roncando, não é assim que funciona”, disse ela. “Não deixe ninguém lhe dizer que você não pode desfrutar a sua comida”.

3. Recompense-se para atingir os objetivos

Quando Natalie começou o programa de controle do peso, ela definiu metas menores, como perder 3 ou 5 kg em um mês. E quando ela atingia esses pequenos objetivos, ela se recompensava.

“Se você atingir esses mini-objetivos, vá comprar vestido novo ou sair ao cinema para comemorar”, disse ela. “Você precisa ser gentil consigo mesmo ou não vai chegar lá”.

Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você acredita que teria a mesma força de vontade que Natalie teve para perder tanto peso? O que faria no lugar dela se recebesse a carta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

×