Publicidade

 

Mesmo Sendo Vegetariana, Ela Não Era Saudável, Mas Mudou e Perdeu 27 Kg

Hannah Geiser, de 20 anos de idade, já chegou a pesar mais de 86 kg em seus 1,65m de altura, mesmo sendo vegetariana. Ela conta em detalhes na carta escrita pela própria abaixo como aconteceu a perda de 27 kg, o que fez ela mudar de vida e como conseguiu chegar ao seu objetivo:

Publicidade

Como eu engordei

Eu fui vegetariana a minha vida toda e tive a crença muito equivocada de que, por não comer carne, não tinha a chance de ser uma pessoa não saudável. Minha dieta consistia principalmente de macarrão, pão e queijo (ou uma combinação de todos eles!).

Andar da minha casa para a caixa de correio já era muito exercício para mim. Eu simplesmente não me dava bem com a atividade física. Quando eu tinha 15 anos, eu estava usando calças tamanho 50 e estava convencida de que eu simplesmente estava destinada a ser uma pessoa “gorda”.

O ponto da virada

Eu estava navegando na internet atrás de remédios para emagrecer e pesquisando sobre lipoaspiração quando tinha 18 anos. Eu percebi que algo precisava mudar. Eu estava determinada a perder peso e mudar meus hábitos de vez. Eu percebi que precisava priorizar a saúde, mesmo já tendo uma dieta vegetariana, mas nada saudável.

Como eu emagreci

Uma noite, quase que espontaneamente, eu decidi correr. Para ser honesta, foi mais uma patética rastejada ao redor do quarteirão. Apesar disso, eu me senti revigorada. Se eu tinha conseguido correr por 30 segundos, certamente poderia aumentar até um minuto, 10 minutos e assim por diante.

Ambiciosa, me inscrevi para uma meia maratona imediatamente. Durante os oito meses de treinos, a perda de peso não foi o meu foco. Eu perdi 18 kg fazendo nada além de correr. Sem contar e me preocupar com calorias!

Até que eu finalmente atingi um platô entre 70 e 72 quilos, e então comecei a registrar minhas calorias. Tentei comer entre 1.600 e 1.800 nos dias que eu corria, e 1.300 e 1.400 em dias de descanso. Eu também comecei a adicionar alguns exercícios novos à minha rotina, como yoga, levantamento de peso, pilates e spinning. Assim, eu não só perdi peso, como melhorei significativamente o metabolismo e a porcentagem de gordura corporal.

Publicidade

Houve momentos em que não foi fácil. Levantar às 4 da manhã e correr 10 milhas para evitar o calor do verão do Texas mais tarde não foi nada divertido. Houve momentos em que o pensamento de me esbaldar em uma pizza inteira era muito mais atraente do que a minha quinoa e tigela de vegetais. Mas eu nunca me arrependi de um treino, e eu absolutamente adoro alimentar meu corpo com alimentos saudáveis e nutritivos.

Eu levei um ano para perder o peso, e nunca mais o ganhei de volta desde então. Se eu pude fazê-lo, qualquer um pode!

Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você conhece alguém que também segue uma dieta vegetariana e mesmo assim não é uma pessoa saudável? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

2 comentários

  1. Eu conheço, eu sou vegetariana sou saudável, não sei o que é adoecer e nem muito menos gripar, e meu peso é 45 k, ser vegetariana não é só pará de comer carne e muito alem disso é ter um estilo de vida saudável onde engloba exercício físico alimentação saudável e dormir cedo.

    • Rose, eu também sou vegetariana desde os meus 10 anos e já cheguei a pesar 70 kgs pelo excesso de carboidrados brancos (o trigo maldito). Eu vejo vegetarianos e veganos se entupindo de trigo e sempre tento auxilia-los do mal que isto faz. Nossos carboidratos e proteínas tem de vir principalmente de grãos como quinoa, gergelim, lentilha, grão de bico, etc.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

×