Publicidade

 

Dor no joelho

O Suplemento que Você Deve Tomar para Evitar Dores nas Articulações

Uma em cada cinco pessoas tem algum tipo de dor no joelho, de acordo com a American Academy of Pain Medicine, e isso provavelmente é ainda maior dentre os que praticam exercícios como o levantamento de peso.

Publicidade

A dor no joelho pode ter muitas causas: síndrome da banda iliotibial, osteoartrite, desalinhamento, recuperação de uma lesão de ligamento, entre outras. Seja qual for a causa, isso pode prejudicar seriamente seus ganhos musculares.

A dor no joelho também provoca movimentos irregulares, porque seu corpo naturalmente começa a evitar os movimentos que o fazem doer, o que provoca uma disfunção do movimento, e acaba conduzindo a uma série de outros problemas.

Colágeno para as dores

O bloco de construção principal de todos os tecidos, incluindo o seu joelho e outras articulações, é o colágeno. O colágeno é a proteína mais abundante do organismo. Encontra-se na pele, nos cabelos, nos músculos…

Pense no colágeno como um andaime segurando tudo junto. Seu corpo produz algum por conta própria (colágeno endógeno), mas você também pode obtê-lo de fontes externas (colágeno exógeno), como um caldo de ossos ou com suplementos de colágeno.

Mas sabemos que hoje em dia ninguém costuma passar tanto tempo obtendo o colágeno exógeno comendo ou preparando caldos de osso. Por isso, a melhor saída é mesmo partir para a suplementação.

Suplementação de colágeno

Os suplementos de colágeno estão amplamente disponíveis e oferecem muitos benefícios. Suplementar sua dieta com colágeno, nomeadamente peptídeos de colágeno, ajuda a diminuir a dor no joelho relacionada à prática de exercícios, geralmente, em cerca de 3 meses.

Publicidade

A ciência

Um estudo analisou 139 atletas com dor funcional no joelho e os dividiu em dois grupos. Um grupo tomou 5 gramas de peptídeos de colágeno por dia, e o outro tomou um placebo. Os pesquisadores queriam testar a diferença na intensidade da dor durante a atividade pré e pós-suplementação. Eles também observaram a dor durante o repouso, a amplitude de movimento da articulação e o uso de terapias adicionais (ou seja, analgésicos).

Os resultados? O grupo do colágeno relatou uma redução estatisticamente significativa na dor durante a atividade após 3 meses, quase uma redução de 40%. O grupo do colágeno também conseguiu diminuir o uso de outras terapias em quase 60%.

A amplitude de movimento, por sua vez, não mudou, mas é seguro assumir que, ao reduzir a dor no joelho, você poderia trabalhar para aumentar sua amplitude, a menos que você tenha alguma anormalidade estrutural que simplesmente não possa ser alterada.

Como tomar colágeno

Os peptídeos de colágeno podem ser encontrados em lojas de alimentos naturais e saudáveis ou comprados online.

Foram utilizados 5 gramas no estudo. Há 20 gramas em uma porção de marcas líderes do mercado, então você já estaria recebendo uma boa quantidade ao ingerir pelo menos uma porção por dia. Muitos acreditam que duas porções otimizam seus benefícios. Vale a pena consultar a opinião de um nutricionista ou médico especialista.

Publicidade

Os “efeitos colaterais” incluem cabelo e unhas mais fortes, mais espessos e melhor digestão. Nada mau.

Aviso: O colágeno também é carregado com o aminoácido chamado glicina, que pode fazer com que algumas pessoas tenham sono. Se isso acontecer, basta tomá-lo antes de dormir e obter o benefício adicional de um melhor sono.

Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você costuma ter muitas dores nos joelhos e outras articulações? Sabia que a suplementação de colágeno pode ser uma boa ideia? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

×