Peeling de cristal

Peeling de Cristal – O Que é, Antes e Depois, Para Que Serve e Dicas

Quando se trata de cuidados com a pele, o que não faltam são opções de tratamentos no mercado estético e de cosméticos para melhorar a saúde da pele. Uma dessas opções é o peeling de cristal, que promete ser uma técnica de esfoliação indolor e totalmente segura para a pele, que não usa produtos químicos que a agridam.

Assim, o peeling de cristal acaba se tornando um tratamento de pele alternativo que não envolve procedimentos invasivos e demorados (como tratamentos a laser ou peeling químico) para obtenção do resultado almejado. Abaixo, vamos entender um pouco mais o que é o peeling de cristal, para que serve e dicas de como aproveitar os seus benefícios.

Peeling de Cristal – O Que é

O peeling de cristal, conhecido também como microdermoabrasão, é um tratamento cosmético completamente indolor que consiste em uma alternativa a tratamentos de peeling que usam produtos químicos que agridem a pele.

Esse procedimento consiste no uso de cristais que atuam esfoliando a camada externa da pele. Os microcristais são depositados na pele e aspirados da pele. Através desse processo, as células mortas e impurezas são removidas dando lugar à produção de uma camada nova e saudável.

O processo de microdermoabrasão é bastante recente. Foi desenvolvido há cerca de 15 anos e desde então pesquisas vêm sendo realizadas para testar a eficácia da técnica. Hoje em dia, o procedimento é feito com total segurança e conforto.

Tal procedimento permite que as células mortas sejam desgastadas e removidas da superfície da pele através de uma sucção. Isso estimula a renovação da camada da pele, deixando a mesma mais suave, brilhante, firme e com uma aparência sem manchas e sem danos.

Para que serve?

O peeling de cristal funciona como uma solução para tratar a pele, melhorando alguns aspectos como vermelhidão, descoloração, sinais de envelhecimento, foliculite, ceratose e outros problemas, principalmente na região do rosto e pescoço.

Especialistas na área de cosméticos afirmam que o peeling de cristal serve como um produto antienvelhecimento que diminui as rugas, linhas faciais e retira as células mortas da pele.

O peeling de cristal é muito recomendado para pessoas que têm pele oleosa. Também é bastante procurado por pessoas que têm cicatrizes provenientes de acne. Nesses casos, o tratamento com várias sessões torna a pele praticamente toda uniforme e remove as marcas deixadas pelas espinhas.

Esse tratamento é indicado para os casos descritos abaixo:

  • Esfoliação suave para pele sem brilho e desgastada;
  • Pele congestionada com poros abertos;
  • Pigmentação superficial;
  • Estrias;
  • Pele danificada pelo sol;
  • Cicatrização e melhoria do aspecto da pele danificado por acnes;
  • Enevelhecimento das mãos;
  • Manchas na pele;
  • Pelos encravados;
  • Remoção de cravos.

Características do peeling de cristal

– Não invasivo

O peeling de cristal atinge a camada superficial da pele, tratando apenas a camada externa. Isso impede danos nas camadas mais internas que geralmente são agredidas em alguns procedimentos estéticos.

A American Society of Plastic Surgeons afirma que os tratamentos aprovados de microdermoabrasão envolvem um dispositivo portátil que deposita microcristais sobre a pele para a esfoliação. Depois disso, eles são sugados ou aspirados e removidos da pele sem dor. Trata-se então de uma esfoliação suave não invasiva, que age apenas retirando as células mortas sem ferir ou desgastar a pele.

– Indolor

O peeling de cristal definitivamente não é um procedimento doloroso. Ainda de acordo com a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos, é normal que você sinta uma espécie de arranhão ou ardência leve na pele durante o procedimento. Outras pessoas sentem apenas uma vibração na região, que mais se parece com uma massagem do que um procedimento de esfoliação.

Após o procedimento, a pele pode ficar rosada e levemente inchada. Porém, esses efeitos adversos leves desaparecem em menos de um dia. É bastante comum o dermatologista indicar o uso de algum produto calmante e/ou hidratante e indicar também um protetor solar adequado para proteger a pele que foi descamada.

– Rápido

Outro ponto importante do peeling de cristal é que ele é um procedimento muito rápido. Na correria do dia a dia, fica difícil perder tempo com procedimentos estéticos. Cada sessão de peeling de cristal dura cerca de 20 a 30 minutos, dependendo da região do corpo a ser tratada.

Além disso, a Sociedade de Cirurgiões Plásticos afirma que a maioria das pessoas necessita de poucas sessões para atingir os resultados desejados.

– Qualquer tipo de pele

Absolutamente todos os tipos de pele podem ser submetidos ao tratamento de peeling de cristal. De acordo com o Cento Médico da Universidade de Rochester, a microdermoabrasão é um procedimento que pode ser usado para praticamente todos os tipos de problemas de pele, como envelhecimento precoce, danos causados pela exposição ao sol, manchas de idade, descoloração e rugas. Além disso, tanto a pele seca quanto a oleosa podem aproveitar os benefícios da técnica.

– Seguro e eficaz

O peeling de cristal é totalmente seguro, desde que feito por um profissional qualificado. Existem kits de microdermoabrasão vendidos para tratamento caseiro. Porém, nada substitui o cuidado e experiência de um profissional. Assim, para evitar complicações e danos a sua pele, vá até um profissional dermatologista que saberá aplicar a técnica de forma eficaz e segura para a saúde da sua pele.

Benefícios

Os principais benefícios do peeling de cristal incluem:

  • Prolongação da juventude e longevidade da pele;
  • Redução de sinais de envelhecimento;
  • Pele macia, tonificada e brilhante;
  • Correção de problemas de pele como foliculite e queratose pilar;
  • Aumento da produção de colágeno promovendo a renovação das células da pele;
  • Remoção das células mortas;
  • Correção de imperfeições;
  • Aumento da penetração de cremes e produtos cosméticos;
  • Aumento da circulação e absorção de nutrientes.

Além dos benefícios, o peeling de cristal é capaz de acalmar a pele irritada pois promove a descamação da camada de células mortas da pele e de impurezas presentes nela e, em seguida, hidrata a pele com o uso combinado de óleos naturais hidratantes.

O grau de esfoliação depende do problema a ser tratado. É normal que ocorra uma vermelhidão na pele logo após o procedimento que costuma desaparecer em até 24 horas, dependendo da intensidade da esfoliação.

Apesar de todos os benefícios, a técnica não promete um resultado imediato. O seu problema deve ser avaliado por um profissional para determinar quantas sessões de tratamento serão necessárias para atingir o objetivo específico. Trata-se, portanto, de um processo gradual de remoção de pele morta e estímulo à formação de colágeno e pele nova saudável.

Dermoabrasão x Microdermoabrasão (peeling de cristal)

Muitas pessoas perguntam qual é a diferença entre dermoabrasão e microdermoabrasão. A diferença é que na dermoabrasão o dermatologista usa um instrumento especial para realmente raspar a camada superficial da pele. Trata-se de um tratamento cirúrgico mais demorado do que o peeling de cristal.

Além disso, por ser um procedimento cirúrgico, após a sessão de dermoabrasão é necessário o uso de medicamentos prescritos pelo dermatologista e a recuperação da pele é mais lenta, podendo levar até 10 dias para mudar a aparência da pele. Já a microdermoabrasão é um procedimento mais rápido e simples, não invasivo, que utiliza cristais esfoliantes muito pequenos que são pulverizados sobre a pele.

Ambos trazem bons resultados, mas o peeling de cristal tem a vantagem de poder ser usado em qualquer tipo de pele, incluindo as peles mais escuras que costumam ter problemas com a dermoabrasão que pode causar manchas indesejadas na pele através de cicatrizes ou descoloração. Com a microdermoabrasão, essa possibilidade de gerar manchas não existe para nenhum tipo de pele.

Antes e depois

A seguir, são mostradas algumas imagens de pessoas que se submeteram ao tratamento de peeling de cristal para remoção de cravos, cicatrizes provenientes de acnes e diminuição de rugas e marcas na pele devido a processos de envelhecimento.

Dicas

Após atingir o objetivo desejado, é importante realizar a manutenção preventiva fazendo esfoliações mais leves e frequentes para manter o ciclo de renovação da camada externa da pele, mantendo-a sempre linda e saudável.

Alguns tipos de maquiagem não devem ser usados após um procedimento de peeling de cristal. Converse com seu dermatologista para orientações adequadas sobre o que você deve ou não passar sobre a pele imediatamente após o procedimento.

É recomendado que você use cremes hidratantes e calmantes na região, sempre indicados pelo dermatologista, e evite a exposição solar. Se não for possível evitar o contato com o sol, use protetor solar com FPS de no mínimo 30.

Com esses pequenos cuidados, os benefícios do peeling de cristal serão visíveis e te deixarão com uma pele com aspecto muito saudável.

Você tem curiosidade de fazer o peeling de cristal? Já conhecia o que é e para que serve o procedimento? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*