Especialista da Área:

Testosterona Injetável Deposteron – Para Que Serve e Efeitos Colaterais

A testosterona injetável Deposteron (cipionato de testosterona) é um medicamento encontrado na forma de solução oleosa injetável. Ele pode ser indicado pelo médico para a reposição de testosterona em homens diagnosticados com hipogonadismo (atrofiamento ou desenvolvimento deficiente de características sexuais secundárias) primário ou adquirido.

O remédio é de uso adulto acima dos 18 anos de idade e pode ser comercializado somente com a apresentação e retenção da receita médica.

Aproveite para conferir o que é hipogonadismo, melhor tratamento, sintomas e causas e veja também tipos, para que serve e efeitos da testosterona injetável.

Efeitos colaterais da testosterona injetável Deposteron

Agora que já conhecemos para que serve o remédio, vamos conhecer quais são os efeitos colaterais estão associados a ele.

Pois bem, de acordo com informações da bula de Deposteron, disponibilizada pela Anvisa, o medicamento pode provocar as seguintes reações adversas:

  • Elevação do peso;
  • Aumento do número de células vermelhas no sangue – policitemia;
  • Cãibras musculares;
  • Nervosismo;
  • Depressão – amarelamento da pele;
  • Reações no local de injeção;
  • Reações de hipersensibilidade.

Caso experimente qualquer um dos efeitos colaterais mencionados acima ou ainda algum outro tipo de sintoma durante o tratamento com a testosterona injetável Deposteron, procure rapidamente o auxílio do médico, mesmo que não imagine se tratar de um problema de gravidade elevada.

Isso é fundamental para verificar a real seriedade da reação adversa em questão, receber o tratamento apropriado e saber como deve proceder em relação à continuidade do tratamento com Deposteron.

Se você pensa em fazer um ciclo com Deposteron para ganhar músculos

É melhor mudar de ideia. Isso porque a bula do medicamento, disponibilizada pela Anvisa, alerta que os hormônios androgênicos como a testosterona não são indicados para estimular o desenvolvimento muscular em indivíduos saudáveis ou para melhorar a capacidade física.

Até porque, como já vimos acima, não é isso o que o remédio de propõe a tratar. Além disso, a bula de Deposteron adverte que assim como acontece com outros medicamentos, ele não pode ser usado sem o conhecimento do médico porque isso pode ser perigoso para a saúde.

Não custa lembrar que se automedicar, ou seja, justamente utilizar um remédio sem a orientação médica, traz os riscos de usar um medicamento contraindicado para você sem nem ao menos saber, expor-se desnecessariamente a reações adversas e utilizar uma dosagem excessiva do produto, provocando assim danos ao organismo.

Se o seu objetivo é ter mais músculos ou mais capacidade física, peça a ajuda de um médico, um nutricionista e de um educador físico, que sejam responsáveis e compromissados com métodos seguros de alimentação e prática de treinamentos físicos, para que você alcance o que tanto almeja de maneira adequada e saudável, sem colocar a saúde do seu organismo em riscos.

Contraindicações e cuidados com a testosterona injetável Deposteron

O medicamento não pode ser utilizado por:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Mulheres – o que inclui as grávidas e as que amamentam;
  • Homens que apresentam reações alérgicas ao remédio ou a qualquer componente de sua fórmula;
  • Crianças e adolescentes com menos de 18 anos de idade;
  • Homens com presença ou suspeita de câncer de próstata;
  • Homens com presença ou suspeita de câncer da glândula mamária;
  • Homens com presença ou histórico de tumores no fígado.

Quem sofre com edema (inchaço) precisa avisar o médico a respeito disso antes de iniciar o uso de Deposteron: o tratamento com dosagens elevadas de testosterona ou em longo prazo aumenta a tendência de que ocorra a retenção de líquidos e, consequentemente, o risco de edema.

O remédio deve ser utilizado cautelosamente por pacientes idosos devido à frequência de hipertrofia benigna da próstata (aumento geral no volume da próstata, não associada à formação de tumores) observada nesse grupo de pessoas.

O tratamento com Deposteron também exige cautela nos homens que apresentam insuficiência cardíaca, sintomas de insuficiência renal ou insuficiência hepática. Outra precaução que deve ser tomada é a realização de exames regulares de próstata.

É importante saber ainda que existem limitações em relação à utilização de injeções intramusculares, como é o caso do medicamento, em pessoas que sofrem com anormalidades de coagulação sanguínea adquiridas ou hereditárias.

A dosagem e o período de intervalo ideal entre uma injeção e outra devem ser determinados pelo médico depois que o profissional fizer uma avaliação do nível de testosterona sanguínea do paciente, o que ocorrerá antes do início do tratamento.

O medicamento é exclusivo de uso intramuscular e as injeções intramusculares do remédio devem ser administradas por um profissional habilitado para tal tarefa. Portanto, nada de se automedicar.

Outro cuidado fundamental que deve ser seguido antes de iniciar o tratamento com o remédio é informar ao médico a respeito de qualquer outro medicamento, suplemento ou planta que utilize para assegurar que não faz mal utilizar Deposteron ao mesmo tempo em que a substância em questão.

Por exemplo, os hormônios androgênicos como a testosterona podem aumentar os efeitos de hipoglicemia, ou seja, de diminuição dos níveis de glicose no sangue provocados pela insulina.

Isso pode tornar necessária uma redução na dosagem do agente hipoglicemiante, no caso a insulina – o que sempre deve ser avaliado e definido pelo médico.

Se você quiser saber mais sobre a reposição hormonal masculina, veja 12 respostas esclarecedoras.

Preço

É possível encontrar a testosterona injetável Deposteron sendo comercializado pelo valor de R$ 44,00. Entretanto, é importante considerar que é possível que o valor de venda do remédio possa variar, de acordo com o estabelecimento e a localidade em que o produto for adquirido.

Atenção: este artigo serve unicamente para informar e jamais pode substituir a consulta ao médico e a leitura da bula na íntegra, que precisam acontecer antes do uso de qualquer medicamento, o que inclui a testosterona injetável Deposteron.

  Continua Depois da Publicidade  

Vídeos

Gostou das dicas?

Referências Adicionais:

Você já conhecia a testosterona injetável Deposteron? Conhece alguém que já tenha usado e obtido bons resultados? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dr. Alexandre Seraphim

Dr. Alexandre Seraphim formou-se médico pela Universidade do Grande Rio e é pós-graduado em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia. Possui diversos cursos na área de emagrecimento, hipertrofia e medicina ortomolecular que o qualificam ainda mais como um grande especialista da área. Atualmente, exerce sua especialidade em uma clínica localizada na Barra da Tijuca e também em Bangu, ambas no Rio de Janeiro. Para mais informações, entre em contato com ele em sua conta oficial no Instagram (@dr.alexandre.seraphim).

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário