Foto: Reprodução/ Internet

As regiões mais quentes ao redor do mundo.

Foto: Reprodução/ Internet

Para contrapor as elevadas temperaturas do verão, o zoológico do Rio implementa uma abordagem original, servindo picolés de sangue como alimento aos animais.

Foto: Reprodução/ Internet

Algumas cidades em regiões da África e Ásia experimentam temperaturas extremamente elevadas devido ao clima desértico.

Foto: Reprodução/ Internet

Ghadamés, na Líbia, se destaca com temperaturas em torno de 55°C, e sua arquitetura é projetada para resistir ao calor.

Foto: Reprodução/ Internet

Sulaibiya, no Kuwait, já registrou uma temperatura de 53,8°C, com tempestades de areia e altas temperaturas frequentes.

Foto: Reprodução/ Internet

Kebilli, na Tunísia, é um importante centro comercial entre o deserto do Saara e um oásis, com temperaturas atingindo 55°C.

Foto: Reprodução/ Internet

Timbuktu, no Mali, localizada junto ao deserto do Saara, registrou temperaturas de até 54,5°C.

Foto: Reprodução/ Internet

Tirat Tsvi, em Israel, alcançou 54°C em 1942, enquanto Wadi Halfa, no Sudão, situada no deserto do Saara, tem médias de 53°C e comunidades ao longo do Rio Nilo.

Criação:  Phelipe Guerrero

Imagens:  Divulgação/Internet