Foto: Reprodução/ Internet

Desvende os segredos para tratar e prevenir a calvície.

Foto: Reprodução/ Internet

A alopecia androgenética, também conhecida como calvície, atinge aproximadamente 42 milhões de brasileiros, com os primeiros indícios aparecendo em homens entre 20 e 25 anos.

Foto: Reprodução/ Internet

A alopecia androgenética é uma doença crônica causada por alterações hormonais nos receptores celulares do couro cabeludo, resultando na atrofia dos folículos pilosos.

Foto: Reprodução/ Internet

O tratamento, a terapia celular regenerativa,  surge como uma nova opção contra a calvície, mostrando resultados na estabilização e melhoria da progressão da doença.

Foto: Reprodução/ Internet

Pesquisa da Organização Mundial da Saúde indica que cerca de 50% dos homens e 30% das mulheres enfrentarão a calvície até os 50 anos.

Foto: Reprodução/ Internet

A terapia celular regenerativa utiliza células progenitoras para induzir a conversão em células da papila dérmica, promovendo o crescimento do cabelo perdido.

Foto: Reprodução/ Internet

O procedimento envolve a extração de pequenos fragmentos saudáveis do couro cabeludo, processamento mecânico e reinjeção no paciente.

Foto: Reprodução/ Internet

O tratamento requer uma abordagem contínua, incluindo medicações orais, tópicas, tratamentos clínicos e, agora, a inovação dos microenxertos autólogos.

Criação:  ISABEL SANTOS

Imagens:  Divulgação/Internet