Foto: Reprodução/ Internet

Pesquisa indica que melatonina é uma opção para prevenir perda de memória.

Foto: Reprodução/ Internet

A melatonina, o hormônio responsável pelo sono, pode melhorar as memórias de longo prazo, conforme revelado por um estudo japonês.

Foto: Reprodução/ Internet

Estudo do Japão investiga os efeitos da melatonina, ramelteon e AMK na formação de memória.

Foto: Reprodução/ Internet

Pesquisa japonesa explora a fosforilação como mecanismo para o aumento da memória por melatonina.

Foto: Reprodução/ Internet

Camundongos machos usados em estudo sobre melatonina para evitar variações hormonais.

Foto: Reprodução/ Internet

A memória foi avaliada com experimentos de reconhecimento de objetos em ratos.

Foto: Reprodução/ Internet

Substâncias como melatonina, ramelteon e AMK facilitaram a formação da memória de longo prazo.

Foto: Reprodução/ Internet

Especialistas enfatizam a importância de estudos em humanos antes de conclusões definitivas sobre melatonina.

Criação:  ISABEL SANTOS

Imagens:  Divulgação/Internet