Glicerina é bom para o cabelo?

Especialista:
atualizado em 31/03/2021

Você já se perguntou se usar glicerina é bom para o cabelo? Este composto incolor, sem cheiro e líquido em temperatura ambiente está presente em óleos e gorduras, como a banha de porco, o óleo de coco, o óleo de soja e o óleo de palma.

  Continua Depois da Publicidade  

Mas, além dos produtos alimentícios, a glicerina também pode ser usada em produtos farmacêuticos e na indústria cosmética. Daí vem a dúvida de algumas pessoas se usar a glicerina é bom para o cabelo ou não.

A glicerina e o cabelo

Arrumar cabelo - Glicerina é bom para o cabelo?

A substância pode estar presente na formulação de tintas, pomadas, batons, hidratantes e shampoos. Mas será que isso significa necessariamente que usar glicerina é bom para o cabelo e ajuda a deixar os fios saudáveis?

Bem, o composto tem propriedades emolientes, hidratantes e higroscópicas (capazes de absorver a umidade do ar), que podem promover a hidratação e maciez nos cabelos e na pele por colaborarem com a absorção de água.

A glicerina cria uma película protetora que serve para prevenir que os fios percam água facilmente quando expostos a ambientes muito secos e outros fatores estressantes para a saúde dos cabelos.

Essa barreira construída pela substância ao redor dos fios mantém a umidade no interior dos cabelos.

De acordo com especialistas, o composto também colabora com o fortalecimento dos fios capilares, diminuindo assim a quebra e a formação de pontas duplas e ressecadas.

Além disso, a glicerina também contribui reduzindo o frizz e deixando o cabelo cacheado com uma maior definição.

Entretanto, como sozinha a substância não é capaz de oferecer os nutrientes necessários para a saúde dos cabelos, pele e unhas, é necessário utilizá-la dentro de produtos cosméticos.

Glicerina vegetal x glicerina animal

Quando queremos saber se glicerina é bom para o cabelo, vale a pena falar sobre a versão vegetal e a versão animal do composto.

  Continua Depois da Publicidade  

Embora ambas tenham um alto poder de hidratação, especialistas acreditam que a versão vegetal da glicerina apresenta um maior poder de limpeza que a animal.

Os prejuízos de usar a glicerina pura ou de modo errado

Cabelo ressecado - Glicerina é bom para o cabelo?

Também não podemos deixar de mencionar uma advertência importante: não se deve usar a substância pura na pele ou nos cabelos. Principalmente quando o ambiente estiver seco.

Isso porque o composto pode roubar água das camadas profundas da pele e dos cabelos para entregar ao ambiente. Como resultado, a pele e os fios capilares ressecam e perdem hidratação.

Além disso, a glicerina precisa ser dissolvida em água, hidratante ou óleo para garantir que a substância traga efeitos vantajosos – e não resulte em reações contrárias ao que se deseja.

Outra regra importante ao usar glicerina no cabelo é não fazer a aplicação nos dias em que a umidade do ar se estiver acima dos 60%. Por fim, recomenda-se utilizar a substância em dias alternados nos cabelos.

Receitas caseiras

Se a glicerina é bom para o cabelo, podemos usar a substância em receitas caseiras para os fios? Bem, especialistas não defendem muito o uso de glicerina em receitas caseiras.

Isso porque a quantidade de água utilizada para dissolver a substância influencia no resultado. A diluição ideal varia conforme o tipo de cabelo e a umidade do ar no dia em que estiver usando a glicerina.

Ou seja, pode ser bem difícil acertar (e bem fácil errar) na hora de diluir a glicerina na água. Assim, corre-se o risco de prejudicar os fios no lugar de beneficiá-los.

  Continua Depois da Publicidade  

Glicerina é bom para o cabelo, mas pode haver efeitos colaterais

Apesar se ser geralmente segura, a glicerina vegetal pode provocar uma reação alérgica ao ser aplicada na pele. Então, é melhor começar com uma quantidade pequena para ver como a pele reage.

É rara uma reação alérgica muito séria pelo uso da glicerina líquida. No entanto, o aparecimento de sintomas de uma reação alérgica grave após usar o produto exigem procurar imediatamente a atenção médica.

Esses sintomas podem incluir erupção cutânea, coceira, tontura severa, dificuldade para respirar e inchaço, especialmente no rosto, na língua e nos lábios.

Como a glicerina é uma forma de álcool de açúcar que o seu corpo não pode absorver por completo, consumir muito – seja sozinho, seja por meio de alimentos – também pode gerar gases e diarreia.

Além disso, ao ser ingerida, a glicerina vegetal pode provocar dores de cabeça, tontura, náusea, vômito e sede excessiva em algumas pessoas.

Outros problemas

Quem se questiona se usar glicerina é bom para o cabelo também deve saber que a glicerina líquida ainda pode provocar reações como ardência, vermelhidão ou irritação. Recomenda-se procurar o médico rapidamente ao experimentar esses sintomas.

É aconselhável buscar logo a ajuda médica quando aparecem mudanças estranhas na pele. Por exemplo, a pele ficar branca ou mole devido a muita umidade, o que pode ser sinal de uma infecção na pele.

Mas não é só isso. De acordo com especialistas, o maior perigo da glicerina reside na inalação da substância.

Portanto, ao experimentar qualquer tipo de efeito colateral após usar a glicerina em qualquer versão e maneira de uso, procure o auxílio médico, mesmo que não imagine se tratar de uma reação tão grave assim.

Assim, será possível saber se é a glicerina a responsável pelas reações e tratar corretamente o problema.

Vídeo

Seu cabelo anda fraco e quebradiço? Então, não perca o vídeo da nossa nutricionista com uma dica que pode te ajudar.

Fontes e Referências Adicionais

Você já usou a glicerina nos cabelos? Teve bons resultados? Então, comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas, educadores físicos. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário