Vegetais

ANVISA Divulga Lista Preocupante de Alimentos com Maior Nível de Contaminação

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) divulgou uma lista com alimentos que eram pra ser saudáveis, como frutas e vegetais que possuem nutrientes importantíssimos ao nosso organismo, mas que em testes exibiram altos níveis de contaminação por agrotóxicos ao ser humano. Para fazer o levantamento, a Anvisa levou em consideração dois pontos:

  1. Teores de resíduos de agrotóxicos acima do permitido;
  2. Presença de agrotóxicos não autorizados para o tipo de alimento.

O Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos de Alimentos analisou quase 2.500 amostras de 18 tipos de alimentos nos estados brasileiros. O resultado das análises mostrou que cerca de 1/3 dos vegetais que o brasileiro mais consome apresentaram resíduos de agrotóxicos acima dos níveis aceitáveis.

As frutas e legumes que todos nós pensamos ser os alimentos mais saudáveis possíveis, na verdade podem estar nos fornecendo, ao invés de seus ricos nutrientes, produtos tóxicos que fazem muito mal à nossa saúde.

Os agrotóxicos são utilizados massivamente na agricultura para proteger os cultivos de pragas. Um levantamento de 2010 indica que só naquele ano foram usadas 1 milhão de toneladas de agrotóxicos em plantações no Brasil, o que significa cerca de 5 kg para cada brasileiro, numa conta superficial.

Veja também: O Que São Alimentos Orgânicos Exatamente?

Na lista da Anivsa, uma quantidade assustadora das amostras coletadas de pimentão apresentava contaminação acima do aceitável, como você poderá conferir mais abaixo. Somente a batata não apresentou nenhum lote contaminado.

A agência alerta os consumidores que o consumo prolongado e em quantidades acima dos limites aceitáveis de agrotóxicos pode acarretar problemas de saúde como dores de cabeça, alergias e coceiras, em menores exposições, e até distúrbios do sistema nervoso central, má formação fetal e câncer, quando em maiores quantidades.

Confira a lista de alimentos com o maior nível de contaminação por agrotóxicos no país, em ordem decrescente, e tente, mesmo sabendo do maior custo, procurar a versão orgânica destes alimentos nos mercados ou lojas naturais mais próximas de onde você mora, já que estas não trazem riscos por serem cultivadas sem o uso destas substâncias nocivas à nossa saúde.

  1. Pimentão: 91,8%
  2. Morango: 63,4%
  3. Pepino: 57,4%
  4. Alface: 54,2%
  5. Cenoura: 49,6%
  6. Abacaxi: 32,8%
  7. Beterraba: 32,6
  8. Couve: 31,9%
  9. Mamão: 30,4%
  10. Tomate: 16,3%
  11. Laranja: 12,2%
  12. Maçã: 8,9%
  13. Arroz: 7,4%
  14. Feijão: 6,5%
  15. Repolho: 6,3%
  16. Manga: 4%
  17. Cebola: 3,1%
  18. Batata: 0%

Veja também: Estrogênio Ambiental – Como Evitar o Hormônio Que Engorda

Vale lembrar que lavar o alimento remove apenas os resíduos presentes superficialmente nestes. Muitas destas substâncias são absorvidas pelo alimento. A melhor forma de lavá-los é utilizando uma esponja e detergente neutro, por um minuto, tirar as folhas externas das verduras (que concentram mais agrotóxicos) e descascar as frutas de casca fina, lavando-as em água corrente, pois estas também concentram mais agrotóxicos.

Você tem o costume de consumir bastante esses alimentos mais intoxicados por agrotóxicos? Já experimentou comprar as versões orgânicas destes? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 4,80 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)


ARTIGOS RELACIONADOS

Um comentário

  1. Eu estou dando prioridade aos produtos orgânicos. Sabemos que não vale a pena consumir esses produtos, com venenos. O governo federal precisa investir em agricultura orgânica, e assim contribuir para combater o câncer. Inclusive pesquisas afirmam que no Brasil, cada pessoa consume mais de seis litros de veneno por ano,adquirido,através dos alimentos.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*