Óleo de soja

Óleo Comum na sua Cozinha Causa Mais Obesidade e Diabetes que Açúcar

Na disputa por alimentos pouco saudáveis, tanto o açúcar quanto a gordura lutaram pelo título ao longo dos anos, passando de um para o outro à medida que surgem novas pesquisas. Hoje em dia, com a tremenda popularidade da dieta cetogênica, que inclui a gordura, ela está em melhor posição e o açúcar é o grande vilão.

Mas nem todas as gorduras são iguais.

Claro, a maioria de nós sabe que as gorduras trans são ruins e que as gorduras saudáveis são boas. Mas, mesmo além disso, existem diferenças. No entanto, uma pesquisa da Universidade da Califórnia, nos EUA, descobriu que um óleo em particular, o óleo de soja, parece ser particularmente maléfico.

Aqui está o que o estudo descobriu: Dadas dietas exatamente iguais em calorias, os ratos cujas dietas incluíam óleo de soja tinham resultados terríveis. O óleo de soja é composto principalmente por gorduras poli-insaturadas e é um dos principais óleos vegetais no mercado.

A equipe de pesquisa desenvolveu quatro tipos de dietas, cada uma contendo 40% de gordura, em uma porcentagem semelhante à que os americanos consomem atualmente.

  1. Dieta 1: Óleo de coco incluído, que consiste principalmente de gordura saturada.
  2. Dieta 2: Metade de óleo de coco e metade de óleo de soja.
  3. Dietas 3 e 4: Frutose, comparável à quantidade consumida por muitos americanos.

Todas as quatro dietas continham uma quantidade igual de calorias e aproximadamente a mesma quantidade de comida, mas os pesos não permaneceram os mesmos. Os ratos na dieta com óleo de soja ganharam quase 25% mais peso do que os ratos na dieta com óleo de coco e 9% a mais do que os na dieta enriquecida com frutose. E os ratos na dieta enriquecida com frutose ganharam 12% mais peso do que aqueles em uma dieta rica em óleo de coco.

Segundo a Universidade, as conclusões são bastante notáveis:

“Comparado com ratos nas dietas de alto teor de óleo de coco, os ratos na dieta com o óleo de soja registraram aumento do peso, aumento de depósitos de gordura, fígado gorduroso sinais de lesão, diabetes e resistência à insulina, todos os quais fazem parte da Síndrome Metabólica. A frutose na dieta teve efeitos metabólicos menos severos do que o óleo de soja, mas causou mais efeitos negativos no rim e um aumento acentuado nos reto prolapsados, um sintoma da doença inflamatória intestinal (DII), que, como a obesidade, está aumentando.”

“Esta foi uma grande surpresa para nós – que o óleo de soja está causando mais obesidade e diabetes do que a frutose – especialmente quando você vê manchetes todos os dias sobre o papel potencial do açúcar na atual epidemia de obesidade”, disse Poonamjot Deol, professor de biologia celular e neurociência que dirigiu o projeto.

Portanto, os óleos de soja com gorduras insaturadas são menos saudáveis do que o óleo de coco com a gordura saturada?

Sim, isso é correto, em termos de obesidade, diabetes e efeitos hepáticos.

Mas as gorduras saturadas não supostamente são não saudáveis e as insaturadas, saudáveis?

Esse é o dogma baseado em grandes estudos epidemiológicos das décadas de 1950 e 1960 que mostraram o risco de doenças cardíacas correlacionadas com a gordura animal, que é em grande parte gordura saturada. Desde que a gordura foi considerada não saudável, assumiu-se que a gordura insaturada era saudável, embora nunca tenha sido devidamente testado em estudos de longo prazo até recentemente. O tipo de gordura saturada no óleo de coco não é exatamente o mesmo que a gordura saturada na banha de animais. Existem muitos tipos diferentes de gordura saturada (e insaturada).

Nos últimos 40 anos, os americanos têm consumido muito mais óleo de soja, em grande parte graças ao conselho de substituir as gorduras saturadas de produtos animais por óleos vegetais (o que ainda é uma boa idéia, exceto pelo óleo de soja).

Enquanto isso, a indústria agrícola começou a produzir mais e mais soja, levando a um aumento notável no consumo de óleo da cultura, que é infiltrado em alimentos, margarinas, molhos para salada processados, salgadinhos e muito mais.

Então, no final das contas, o estudo coloca o óleo de soja como o maior inimigo da dieta, com açúcar logo atrás e óleo de coco como ingrediente a ser usado para uma saúde melhor.

Você tem o costume de utilizar óleo de soja em sua cozinha? Pretende evitar agora por conta dessa pesquisa? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*