Óleo de rícino

18 Benefícios do Óleo de Rícino – Para Que Serve e Dicas

O óleo de rícino é derivado das sementes de uma planta chamada Ricinus communis, que cresce em climas tropicais. Geralmente, ela é cultivada como uma planta de jardim ornamental em climas mais leves e, mais recentemente, também tem sido cultivada em grande escala para a produção de biodiesel.

O óleo de rícino existe há muito tempo e tem sido amplamente utilizado para fins medicinais. É um dos primeiros óleos vegetais a serem utilizados para fins industriais devido à sua alta viscosidade e propriedade lubrificante.

Para que Serve

O óleo de rícino é utilizado para diversos fins, sejam eles industriais, como na produção de materiais lubrificantes, ou para fins medicinais, como para problemas de prisão de ventre e dores musculares, e até mesmo para fins estéticos, como para promover o crescimento de cabelo.

Benefícios do óleo de rícino

Vamos conhecer agora alguns dos benefícios do óleo de rícino quando utilizado tanto para seus fins medicinais, quanto para os fins estéticos.

1. Laxante natural

A planta de óleo de rícino contém uma toxina chamada ricina altamente potente, mas ela é desativada durante o processo de extração de óleo, tornando o consumo do óleo de rícino totalmente seguro. É um produto tão seguro, que é indicado inclusive para crianças como um laxante em doses moderadas.

A dosagem pode ser facilmente ajustada, pois seu efeito é diretamente proporcional à quantidade de óleo que você usa. A dose usual é de 1 a 2 colheres de sopa para adultos e 1 a 2 colheres de chá para crianças de 2-12 anos. Crianças menores de 2 anos não devem tomar mais de uma colher de chá por vez.

É possível misturar o óleo de rícino com suco de laranja para torná-lo mais saboroso. Ao contrário de outros laxantes que atuam no cólon, a ação do óleo de rícino começa no intestino delgado. Em um período que varia de 2 a 5 horas, o efeito do laxante deve ser observado e você pode esperar por uma limpeza completa dos intestinos.

2. Alivia dor muscular

O óleo de rícino é considerado um óleo quente que promove a circulação de fluidos no corpo. É excelente como óleo de massagem e pode aliviar a dor resultante do excesso de trabalho dos músculos. Se você tem músculos doloridos na panturrilha e na coxa após exercícios vigorosos ou prática de esportes ativos, aplique um pouco de óleo de mamona na área dolorida e esfregue-o.

O óleo de rícino é um bom óleo transportador para óleos essenciais. Adicione algumas gotas de óleo de camomila romana ou óleo de hortelã-pimenta a uma colher de sopa de óleo de rícino para tornar a massagem mais relaxante e curativa.

3. Alivia dor nas juntas

As propriedades analgésicas e anti-inflamatórias do ácido rícinoleico, que constituem quase 90% de óleo de rícino, foram bem documentadas. Uma grande parte desses benefícios do óleo de rícino vem de sua ação descongestionante no sistema linfático.

Os vasos linfáticos, que formam uma ampla rede em todo o corpo, coletam resíduos dos tecidos e levam-no ao sangue para eliminação. O congestionamento nesses vasos e o acúmulo de resíduos tóxicos estão implicados em muitas doenças auto-imunes, como a artrite, que causa dor e inflamação nas articulações. O óleo de rícino dificulta o congestionamento e faz com que a linfa se mova livremente. Ele age diretamente no sistema imunológico, estimulando a glândula timo e aumentando a contagem de um tipo de glóbulos brancos chamado linfócitos.

4. Trata infecções causadas por fungos

Há benefícios do óleo de rícino como uma forte função fungicida graças ao ácido undecilênico, que é um produto de degradação do ácido graxo rícinoléico, abundante no óleo de rícino. Ele pode ser usado para tratar doenças fúngicas comuns como micose e pé de atleta. É tão eficaz quanto os medicamentos utilizados para tratar infecções fúngicas e sem nenhum dos efeitos colaterais das drogas antifúngicas.

Uma dica é aquecer um pouco de óleo de rícino e deixar esfriar até ficar levemente quente ao tocar. Aplique-o na área afetada imediatamente antes da hora de dormir e deixe-o agir durante a noite. Repita durante uma semana para ver melhorias significativas. Continue o tratamento até que a infecção desapareça completamente.

5. Promove o crescimento do cabelo

Massagear o óleo no couro cabeludo pode resultar em crescimento extra do cabelo. Este óleo quente apresenta a capacidade de melhorar a circulação. Ele deve ser aplicado da mesma forma que é aplicado na pele para infecções fúngicas, massageando o couro cabeludo.

Além disso, o óleo de rícino pode ser aplicado em áreas que perderam o cabelo devido à alopecia. Sua propriedade anti-inflamatória pode trazer benefícios do óleo de rícino contra esta desordem auto-imune.

Mais um dos benefícios do óleo de rícino para o cabelo é a sua capacidade de ajudar a prevenir e reparar as pontas duplas. Basta aplicar algumas gotas do óleo diretamente nas extremidades do cabelo para reduzir a quantidade de pontas duplas. Ele ajuda ainda a restaurar a saúde do seu cabelo e torná-lo muito menos quebradiço.

6. Realça a cor dos cabelos

O óleo de rícino pode ser usado para melhorar a cor natural do seu cabelo e fazê-lo parecer mais grosso e brilhante. Este óleo é um umectante, ou seja, ele bloqueia a umidade. Quando aplicado no cabelo, preserva a umidade natural na raíz do cabelo e torna cada fio mais grosso e mais escuro.

Ele deve ser aplicado após lavar o cabelo e secar levemente com uma toalha. Uma colher de sopa de óleo de rícino é o suficiente para passar nos cabelos.

7. Rímel natural caseiro

É possível fazer uma máscara contendo óleo de rícino para fazer um rímel natural para os cílios. Este truque é usado há muito tempo através da queima de óleos vegetais, incluindo o óleo de rícino. A fuligem gerada era então coletada em uma superfície e fixada em óleo de rícino.

Em casa, é possível fazer o procedimento utilizando cera de abelha. Derreta uma colher de sopa de cera de abelha em uma panela e adicione 2 colheres de sopa de óleo de rícino. É preciso misturar o óleo obtido com pó de carvão ou cacau para obter a cor e a consistência desejadas.

8. Hidrata profundamente a pele

O óleo de rícino também pode ser usado para hidratar a pele seca. Por ser altamente viscoso, o óleo penetra profundamente no tecido da pele, nutrindo-a com ácidos graxos. Muitos hidratantes comerciais caros o contêm, mas você pode obter todos os benefícios do óleo de rícino diretamente através da aplicação direta.

Pode ser um pouco pegajoso no início, mas uma vez que você aplica na pele uma camada fina, ele é absorvido de forma bastante rápida, não deixando nenhuma sensação oleosa na pele. Algumas pessoas gostam de diminuir a viscosidade do óleo de rícino ao misturá-lo com óleo de coco, facilitando a aplicação.

9. Trata problemas de pele

O óleo de rícino, além de agir como um hidratante, pode ser usado para tratar acne, verrugas e marcas na pele, pois apresenta propriedades antimicrobianas e anti-inflamatórias.

Aplique o óleo de rícino sob o local desejado com um cotonete de algodão diariamente. Em cerca de 2 semanas, o problema geralmente é resolvido.

10. Ajuda contra a insônia

Não está claro como o óleo de rícino ajuda a induzir o sono, mas há relatos de pessoas que o usam nos cabelos ou ao redor dos olhos antes de dormir que afirmam cair mais rapidamente no sono.

11. Trata a cólica em bebês

A maioria dos bebês passa por uma fase de choro incontrolável devido à cólica que sentem nos primeiros meses de vida. O óleo de rícino parece proporcionar alívio que muitos medicamentos orais não conseguem.

O óleo deve ser aplicado externamente na área abdominal e esfregado suavemente. Não está claro se é uma propriedade analgésica que proporciona esses benefícios do óleo de rícino, mas a maioria dos bebês se acalmam logo após a aplicação.

12. Cura doenças da pele em animais de estimação

Cães e gatos têm a tendência de lamber constantemente suas feridas e lugares na pele que podem estar infectados, o que geralmente piora a condição. Além disso, o animal pode ingerir substâncias presentes em medicamentos aplicados no local.

O óleo de rícino é seguro para o uso em cortes menores e áreas infectadas. Suas propriedades antimicrobianas e anti-inflamatórias ajudarão a cicatrizar mais rapidamente o machucado. Além disso, esses animais podem achar o óleo desagradável e deixar de lamber o local. O único efeito colateral observado são as fezes um pouco mais soltas que o normal.

13. Conservante

A propriedade antifúngica do óleo de rícino já foi bem usada na indústria de alimentos. Muitos grãos recebem um revestimento contendo o óleo quando eles devem ser armazenados por um longo período de tempo. O óleo de rícino também parece repelir pragas e insetos que danificam o alimento. Para quem foge de conservantes químicos, o óleo de rícino é um conservante natural totalmente seguro.

14. Lubrificante

O óleo de rícino funciona quase tão bem quanto a graxa usada para lubrificar máquinas. Funciona igualmente bem em temperaturas altas ou baixas e é frequentemente usado em carros de corrida. Ao contrário de outros óleos, o óleo de rícino não prejudica a borracha, de modo que pode ser usado com segurança em dispositivos como bombas de ciclo que possuem vedações de borracha. O óleo de rícino é seguro para ser usado em aparelhos de cozinha que precisam de lubrificação, como tesouras por exemplo.

15. Alivia calos

O óleo de rícino aplicado diretamente nas áreas afetadas pode ajudar a aliviar os calos que são causados ​​por diversas coisas. Também pode ser usado para massagear locais para ajudar a aliviar a dor e o inchaço.

16. Hidrata a boca

Além dos benefícios do óleo de rícino para a pele, ele faz maravilhas para lábios secos e rachados. Ele também é adicionado à composição de muitos remédios e protetores labiais que você compra no balcão.

17. Alivia coceiras

Você pode aliviar a dor relacionada a coceiras e arranhões na pele usando óleo de rícino. Apenas adicione algumas gotas no local e deixe o óleo agir por alguns minutos. Ele também funciona muito bem para curar micose e outras doenças fúngicas.

18. Mantém as unhas saudáveis

Massagear apenas uma pequena quantidade de óleo de rícino em suas cutículas e em suas unhas todos os dias durante alguns meses promoverá o crescimento das unhas, além de deixá-las mais saudáveis e bonitas.

Precauções e dicas

Antes de usar o óleo de rícino internamente ou topicamente, realize um teste de pele usando uma quantidade muito pequena de óleo para verificar possíveis reações alérgicas.

Apenas administre o óleo de rícino de acordo com as instruções fornecidas na embalagem e atente para a dose correta.

Quando ingerido, o óleo produz um efeito laxante muito forte. Sua sobredosagem pode facilmente resultar em desidratação severa que, em casos extremos, pode ser fatal. Outros possíveis efeitos colaterais de uma sobredosagem incluem cólicas abdominais, diarréia, tonturas, alucinações (raras), desmaio, náuseas, erupção cutânea, estanqueidade na garganta, falta de ar e dor toráxica.

Indivíduos com úlceras pépticas ou problemas de sangramento não devem usar o óleo de rícino internamente. Devido ao seu potencial efeito laxante, o óleo de rícino já foi muito utilizado para induzir o trabalho de parto, porém os médicos alertam que tomar o óleo de rícino pode aumentar o risco de aborto espontâneo ou parto prematuro. O efeito laxante do óleo causa fortes contrações do músculo pélvico para auxiliar a eliminação e isso provavelmente desencadeia contrações uterinas também.

E, como sempre, consulte o seu médico se tiver dúvidas ou preocupações sobre o uso deste remédio natural.

O que você achou desses benefícios do óleo de rícino para a saúde? Pretende utilizá-lo para aproveitar alguma dessas propriedades? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (304 votos, média: 4,24 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)


ARTIGOS RELACIONADOS

23 comentários

  1. Suely Aparecida Gonçalves do Carmo

    Obrigado! São ótimos resultados maravilhosos, sobre muitas partes da saúde, eu sou Terapeuta Holística, tenho intenções de usá-lo também para fazer limpeza do fígado, no qual recomendo aos meus clientes, sempre uso o óleo azeite de oliva extra virgem, mas sabendo agora quanto é grandioso o óleo de rícino, vou usá-lo, para vários tratamentos medicinais. Com às Bênçãos de Deus. Amém!

  2. Adorei as dicas. Vim saber mais sobre esse óleo à partir de uma matéria para blefarite, antes não sabia as propriedades e vejo que é um produto excelente. Já irei garantir o meu. Obrigada pelas dicas!!

  3. Estou usando em um quelóide há apenas dois dias, e por incrível que pareça já percebo a diferença. Diminuiu de tamanho e parou de coçar.

  4. Já o usei quando era novo. Deixei de usar mas agora quero voltar a usar e ver os efeitos. Sempre me disseram que era muito bem. Vou experimentar novamente mas em pequenas quantidades. Estou com alguns problemas de ar interno…. barriga inchada e com dificuldade de expelir os gases… Estou com problemas de pele no couro cabeludo.
    Obrigado pelas informações que são bem claras . Pode usar o meu e-mail para mais contactos . agradeço. Tchau!

  5. Que legal, adorei saber as propriedades do oleo de rícino, vou iniciar o tratamento no cabelo, labios, pele seca Obrigada, novo aprendizado

  6. muito bom , adorei saber sobre as propriedades do óleo de rícino, vou iniciar o tratamento na pele pois sou diabético, e minha pele fica muito seca, Muito Obrigado Dra. um bom trabalho de informação.

  7. parabéns sensacional tudo muito bem feito e detalhado uso muito ele ,pós sou muito branco ,e minha pele qualquer coisa inflama misturo o mesmo com outros produtos para hidatrar a pele ,e faz muito anos ,uso no cabelo ou em todo corpo ,parabéns ,mas ele e milagroso ,mas tenha sempre cuidado ,na primeira vez ,para saber se você tem alguma regeição ,muito obrigado

  8. Sim vou experimentar

  9. Vitor Vanderlei da Silva Duarte

    Muito boa a matéria sofro de gota e vou experimentar o tratamento com o oleo de ricino.

  10. Almerinda Feitosa da Silva

    Comecei a usar a uma semana, indicado por uma amiga que já usa a algum tempo. Já dá para ver o resultado na pele e no cabelo que estão bem hidratados.

  11. Preciso do óleo de ricino, puro e prensado a frio (extravirgem). Ond encontro para comprar

  12. Minha filha cm 5anos ainda chupa dedo me falaram desse oleo pra passar noite pra ela ve se consegue parar alguém ja passou ou teria outra recomendação

  13. Gostei muito das informações sobre os benefícios do óleo de ricino, pois nao conhecia. Vou usar na boca, rosto, cabelo e dores nos pés! Muito obg pela postagem! 😘

  14. Olá estou usando para Distrofia simpático reflexo que surgiu após eu ter quebrado o punho e ter feito cirurgia. Percebo que es tá ajudando bastante para minha pele é t também ajudar nós movimentos. Hoje é a quarta vez que estou aplicando sempre a noite e massageia bastante . Espero ajudar outras pessoas com meu depoimento.

  15. tomo óleo de rícinio para irritação na garganta

  16. Maria de Lourdes Selagem São Bento

    Além de todas essas propriedades, me disseram também que colocar 3gotas desse óleo no umbigo e ao seu redor, ele ajuda muito a combater dores no joelho.

  17. Boa tarde, usei esse óleo na verruga é sumiu, ficou péle lisa novamente.

  18. PESSOAL FIQUEI MUITO A GRADECIDA PELAS DICAS QUE LI HOJE .EU SABIA DO OLEO RICINO QUANDO CRIANÇA MINHA MAE ENFIAVA A GUELA BAIXO TINHA UM VEDOR DANADO E ERA JEJUM,VOU COMPRA E UTILISAR DE NOVO MUITO OBRIGADO!

  19. Olá !! Gostaria de saber se posso usar o óleo de rícino para intestino muito preso pois sou diabética tipo 2 e insuficiência renal mas não tomo nada para isso estou usando óleo mineral que não está adiantando ,tem alguma contra indicação para o meu caso obrigada

  20. Renailda Lima — Farei uma experiência usando o óleo de Rícino com Urucum (semente) para uma lesão superficial no dorso do pé (paciente diabético) Falarei daqui há alguns dias sobre o resultado.

  21. Luciane Regina de Brito

    Gostei das dicas! Vou usar o óleo de rícino nos cabelos porque estou com queda de cabelo, vou passar no couro cabeludo. Espero que dê certo não aguento mais os meus cabelos caindo. Depois digo a vcs se funcionou!

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*