7 Tipos de Exercícios que Podem Melhorar a Sua Vida Sexual

Especialista:
atualizado em 14/01/2020

Como se não bastasse todos os benefícios que os exercícios físicos trazem para a saúde e boa forma, eles também são aliados de quem deseja ter um bom desempenho na área sexual. Quer descobrir quais exercícios podem deixar a vida íntima de um casal ainda mais prazerosa? Então confira a nossa lista a seguir.

1. Exercícios para os músculos do assoalho pélvico (kegels)

Esse tipo de exercício serve para fortalecer o músculo pubococcígeo (PC), que é o principal músculo sexual e que é contraído durante o orgasmo. As mulheres que têm essa região do corpo mais forte conseguem ter orgasmos melhores e mais consistentes e os homens que fortalecem esse músculo experimentam ereções mais longas.

Você pode começar a fortalecer a área fazendo um movimento de contração do músculo, que fica na região pélvica, como se estivesse tentando segurar a urina. Esse primeiro exercício deve durar cinco segundos.

Depois, a recomendação é tentar fazer novamente o mesmo movimento, porém deixar o músculo contraído durante dez segundos e repetir o exercício três vezes por dia.

2. Exercícios para os músculos centrais

Os músculos centrais, também chamados de core, englobam o abdômen, a pélvis, a parte central das costas e a lombar. Trabalhar essas regiões durante os treinamentos também ajuda a melhorar a vida sexual.

Algumas séries que podem contribuir nesse sentido são a abdominal crunch (supra) e o levantamento alternado de braços e pernas.

Para fazer o levantamento alternado de braços e pernas você deve posicionar-se com os joelhos dobrados em cima de um colchonete, com as mãos para baixo e o corpo em frente ao chão. Então, você levanta uma das pernas e ao mesmo tempo ergue o braço oposto. Por exemplo, se começar levantando a perna esquerda, deve erguer simultaneamente a mão direita.

4bboaforma

Depois de levantar um braço e uma perna, é preciso manter a posição por alguns segundos e então trocar os membros utilizados na série, como você pode observar na figura acima.

Esse é um tipo de sequência que não trabalha simplesmente os músculos centrais, como também mexe com os ombros e glúteos e ainda ajuda a melhorar o equilíbrio.

3. Exercícios para os membros superiores 

Algumas posições sexuais em que é preciso sustentar o corpo com o uso dos braços exigem que os músculos dessa região estejam fortalecidos. Séries que contribuem nesse sentido são a flexão de braço, que trabalha o peitoral e os tríceps, remadas e sessões com pesos livres, que permitem mexer com várias regiões musculares dos membros superiores.

4. Exercícios de flexibilidade

Aulas de yoga ou sessões de alongamento na lombar, nos músculos posteriores da coxa, nos glúteos ou nos flexores do quadril não colaboram somente com a recuperação ou proporcionam uma maior amplitude de movimento para o treino que você está prestes a fazer. Elas também te oferece maior flexibilidade e te deixam mais solto e confortável para tentar novas posições e ter novas aventuras na cama.

5. Exercícios aeróbicos

Caminhadas, corridas, pedaladas, natação e até uma voltinha de patins são alguns exemplos de exercícios aeróbicos que, se feitos algumas vezes por semana, podem ajudar a melhorar o seu condicionamento físico e te deixar mais vigoroso e com um melhor desempenho sexual.

6. Exercícios para os membros inferiores

Exercitar os músculos localizados na parte de baixo do corpo ajuda a ter maior flexibilidade nos quadris, o que também te deixa mais confortável para se movimentar de maneiras diferentes na cama.

4cboaforma

Para trabalhar o quadríceps, você pode se posicionar de joelhos em cima de um colchonete, em um ângulo de 90º, e levar o corpo para trás, mantendo sempre a cabeça e as costas alinhadas às coxas, como a imagem acima mostra. Fique com o corpo para trás durante dois a três segundos e então retorne à posição original.

Já para movimentar o flexor dos quadris, você pode fazer um lunge. Funciona da seguinte maneira: você coloca um pé na frente do outro, a um metro de distância e enquanto o joelho da perna da frente fica levemente dobrado, a perna de trás é esticada para trás.

4dboaforma

Ao mesmo tempo em que estica a perna, é preciso levar a pélvis para frente, até que ela seja levemente estendida. Então, permaneça na posição por 30 segundos e então troque as pernas.

7. Exercícios de resistência

Uma forma de garantir que os músculos usados na hora da intimidade não venham a dar problema quando você estiver precisando deles é fazer exercícios de resistência que imitem os movimentos que serão realizados na cama.

4eboaforma

Em uma dessas séries, para trabalhar os glúteos e os músculos posteriores da coxa, você precisa deitar de costas com os joelhos dobrados, como a figura acima mostra. Então, você levanta os seus glúteos e ergue-os até que o seu corpo forme uma linha reta. Por fim, segure a posição durante três segundos.

Há também uma alternativa de exercício que usa a posição feita na flexão de braço para movimentar os músculos dos ombros, o peitoral e o tríceps. A recomendação é que você use meias para fazer o exercício e execute-o em cima de uma superfície escorregadia.

4fboaforma

Comece posicionando o seu corpo como se fosse fazer uma flexão de braço, como a imagem acima explica, e com as mãos paradas, leve o corpo para trás e depois para a frente, até que o umbigo ultrapasse a localização das mãos. Repita o movimento quantas vezes achar necessário.

Você costuma fazer muitos desses exercícios em suas séries na academia? Percebe realmente uma melhora na performance sexual? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Francisco Santana

Francisco José Santana é personal trainer, formado pela Univer Cidade RJ 2007, com certificação CORE360º treinamento funcional, Certificação Internacional FNS I e II em avaliação funcional, especializações em suplementação nutricional esportiva, Crosstraining - Scientific Sport, Cineantropometria aplicada, Primeiras ações em emergência, Prevenção de Doenças Laborais, Musculação, Ginástica Corretiva, Spinning (Johnny G), Técnica de Tecidos Moles - Miofacial, e Inteligência Emocional - ASICC

Deixe um comentário