Bicarbonato no Rosto Faz Mal? Cuidados e Contraindicações

Especialista:
atualizado em 04/08/2020

Confira se é verdade que passar bicarbonato no rosto faz mal ou se não há problema em utilizar o composto na pele e quais cuidados tomar.

Não é incomum encontrarmos por aí dicas para cuidar da pele com produtos caseiros. No entanto, há um problema com esses conteúdos: alguns desses ingredientes podem fazer mal para a pele de algumas pessoas.

Tomemos o bicarbonato de sódio como exemplo. Ele pode ser um dos produtos que aparecem nessas dicas, mas você nunca ouviu falar que passar bicarbonato no rosto faz mal? Será que há contraindicações e cuidados a se tomar?

Descubra alguns dos motivos pelos quais não vale a pena utilizar o bicarbonato no rosto para clarear a pele e aproveite para conhecer os verdadeiros benefícios do bicarbonato de sódio e seus usos.

Por que passar bicarbonato no rosto faz mal?

Passar bicarbonato de sódio na pele pode provocar efeitos colaterais como: ressecamento excessivo da pele, surgimento precoce de rugas e irritação na pele ou inflamação no órgão.

Além disso, uma utilização constante de bicarbonato de sódio na pele pode afetar a velocidade pela qual o órgão consegue se recuperar e se reidratar.

Você já ouviu falar o uso de bicarbonato de sódio como um tratamento caseiro para a acne? Pois saiba que muitos profissionais da área da saúde desaconselham utilizar o produto neste sentido – o que não é para menos, uma vez que o ingrediente pode agravar as crises de acne.

Portanto, isso indica que devemos excluir o bicarbonato como um dos possíveis tratamentos para tirar manchas de acne da pele.

A questão do pH explica melhor

O bicarbonato de sódio também pode alterar o pH da pele, prejudicando a barreira natural de proteção do órgão. Em termos de pH, o bicarbonato de sódio é uma substância alcalina, ao passo que a pele é um órgão ligeiramente ácido, aspecto que a ajuda a segurar a hidratação e manter bactérias prejudicais afastadas do corpo.

O problema é que para quem apresenta pele sensível, as substâncias alcalinas como o bicarbonato de sódio podem ser irritantes. Neste sentido, outra questão é que uma pessoa pode não ter noção de que tem sensibilidade ao bicarbonato de sódio até que resolva passá-lo diretamente em sua pele.

Aplicar o alcalino bicarbonato de sódio na ligeiramente ácida pele também pode prejudicar as bactérias naturais que habitam o órgão e contribuem com a prevenção de infecções e da acne, fazendo com que a pele se torne propensa ao desenvolvimento de infecções e ao aparecimento de crises ou ataques de acne.

A interferência que o bicarbonato de sódio exerce em relação ao pH da pele também pode privar o órgão dos seus óleos saudáveis, que são os responsáveis por manter a pele hidratada e protegida contra as bactérias prejudiciais e a poluição, além de provocar uma sensibilidade a elementos naturais como o sol.

Esfoliação

O uso regular de bicarbonato de sódio como um esfoliante para a pele também não é aconselhável. Como se não bastasse os perigos já mencionados que comprovam que bicarbonato no rosto faz mal, existem os riscos que a esfoliação excessiva pode provocar para a pele.

De acordo com especialistas, esfoliar excessivamente a pele pode resultar em vermelhidão, ardor, ressecamento e crises na pele. Mesmo quando estamos falando dos tratamentos de esfoliação aprovados e seguros, a recomendação da Academia Americana de Dermatologia é permitir que a pele tenha bastante tempo para se recuperar entre um procedimento e outro ou evitar totalmente esses tratamentos nos casos de pessoas que apresentam uma pele sensível.

Contraindicações especiais do uso de bicarbonato de sódio no rosto

O produto não é indicado para peles secas e sensíveis e não pode ser passado depois do uso de lâmina ou cera de depilação porque pode provocar uma sensação de dor ou queimação.

O bicarbonato de sódio também não pode ser aplicado sob cicatrizes abertas, feridas, queimaduras e peles rachadas e uma pessoa não deve se expor ao sol logo depois de passar o produto, devendo lembrar-se de usar filtro solar diariamente.

Em casos de irritações por conta do uso do bicarbonato de sódio, ardência, queimação e coceira, a recomendação é lavar imediatamente a região afetada e suspender o uso.

Além de seguir esses passos, o nosso conselho para quem apresentar qualquer tipo de reação adversa depois de usar o bicarbonato de sódio no rosto é procurar rapidamente o auxílio médico, mesmo que não ache que se trata de um efeito colateral tão grave assim. Isso é necessário para checar a real seriedade do sintoma e receber o tratamento que for necessário.

Se você procura métodos caseiros porque está insatisfeito com a sua pele

Antes de testar receitas caseiras com um produto que pode ser prejudicial para o rosto e para a pele, como é o caso do bicarbonato de sódio, procure o auxílio de um dermatologista. Isso é especialmente importante se você já sofre com um problema de pele, como é o caso da acne.

Mesmo quando se tratar de truques com outros ingredientes caseiros, tenha bastante cuidado com os tutoriais e dicas que você encontra pela internet e redes sociais. Mesmo que o produto funcione e não provoque reações em uma pessoa, não dá para assegurar que o mesmo ocorrerá com você.

Isso porque cada um apresenta um tipo de pele diferente, que se dá melhor com diferentes tipos de cuidados e substâncias. Como se não bastasse, a eficiência e segurança de um produto pode variar conforme o grau de problema na pele apresentado por cada pessoa.

Outra estratégia que pode ajudar em termos de cuidados com a pele é incluir desde cedo na alimentação a dieta antirrugas com alimentos bons para a pele.

O bicarbonato de sódio também não é bom para os cabelos

Se passar bicarbonato no rosto faz mal, aplicar o bicarbonato no cabelo também pode não ser a mais inteligente das ideias.

Existem pessoas que têm o costume de misturar bicarbonato de sódio com vinagre de cidra de maçã em substituição ao shampoo. Além do cheiro não tão agradável que isso pode gerar se a pessoa não tomar cuidado, ao longo do tempo essa prática pode agravar um caso do chamado “bad hair day”, algo como “dia ruim para os cabelos” em inglês.

Assim como acontece com a pele e o couro cabeludo, os cabelos também são ácidos. Isso sem contar que apesar de ser possível que o bicarbonato deixe as madeixas capilares brilhantes no começo, com o passar do tempo a aplicação do produto resultará em problemas como frizz, cabelos emaranhados e quebradiços.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já imaginava que passar bicarbonato no rosto faz mal? Tinha curiosidade de experimentar esse truque caseiro? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário