Mulher Perde 90 kg Graças a Caminhadas com sua Nova Cadelinha

Especialista:
atualizado em 30/01/2020

Karen Kelly, hoje com 40 anos de idade, venceu sua jornada de perda de peso. Ela havia lutado contra a balança durante toda a vida e decidiu que havia apenas uma coisa que ela poderia fazer para finalmente conseguir mudar: comprar um cachorro.

Kelly sabia que nenhuma dieta iria funcionar para ela, mas percebeu que se ela tivesse um cachorro com quem precisasse sair para caminhar diariamente, ela seria forçada a se exercitar. Ela encontrou alguém no Facebook que estava vendendo filhotes “enérgicos” – e felizmente, havia um último disponível.

“Eu pulei no carro e fui pegar a cadela, chamada Mia”, lembrou Kelly, que vive em Burin, no Canadá. “Levei-a ao veterinário e disseram-me que assim que ela fizesse quatro meses, eu precisaria caminhar com ela todos os dias, então eu tive quatro meses para me preparar para mudar minha vida.”

karen4

Aqui estão os passos que Kelly, junto com seu Labrador Retriever Mia, tomou para perder 90 quilos nos últimos anos.

1. Faça um compromisso sério consigo mesmo

Para Kelly, uma experiência de quase morte levou-a a perceber que ela precisava mudar sua vida de uma vez por todas.

“Um caminhão estava na contramão da estrada (vindo em minha direção), e toda a minha vida estava passando na minha cabeça – e eu não saí do caminho”, disse Kelly, que lutou contra depressão e ansiedade a vida inteira. “No último instante, o caminhão se afastou e eu pensei, ‘Meu Deus, isso tem que acabar.’ Eu precisava começar a viver.”

2. Encontre um plano que irá funcionar para você e seu estilo de vida

karen3

“Eu sabia que uma dieta não funcionaria para mim”, disse Kelly. Então, ela decidiu ter um cachorro como companheiro de caminhadas.

É importante estabelecer um plano que funcione para você, a longo prazo – não apenas durante algumas semanas.

3. Continue com ele

“Em nossa primeira caminhada, eu pesava mais de 160 quilos. Eu não conseguia nem respirar de tão fora de forma que eu estava”, disse Kelly. “Nós caminhamos até o salão de beleza em nossa cidade, eu chorei e doeu, mas a cachorra estava tão animada, balançando o rabinho. Cada vez que eu duvidava de mim, ela me puxava para ir um pouco mais longe.”

karen5Kelly depois de um ano, com menos 32 kg.

Para Kelly, aqueles primeiros dias arrastaram-se por semanas e meses – mas não importava se estava chuvoso ou se havia ventos fortes, ela e Mia resistiram a tudo. Depois de um ano, Kelly perdeu 32 kg. Hoje, elas caminham 8 km todas as manhãs.

4. Saia da sua zona de conforto

Para Kelly, isso significava sair de casa e tentar algo novo. Depois de dois anos de caminhada, ela decidiu tentar algo novo e foi para uma aula de Zumba.

“Lembro-me de estar sentada no estacionamento e pensar: ‘Não sei como vou chegar à porta’. Mas eu fiz isso. E continuava voltando. De repente, eu me via ansiosa por minhas aulas de Zumba”, disse Kelly.

A zumba abriu seu mundo – ela fez amigos durante a aula e se juntou a uma liga de softbol, começou a frequentar aulas de boot camp e até fazer exercícios em casa. No ano passado, Kelly decidiu se tornar uma instrutora certificada de Zumba e agora dá aulas quatro noites por semana.

5. Seja mais consciente sobre o que você come

karen

Como mencionado acima, Kelly não estava em dieta, embora ela tenha decidido que precisava olhar mais atentamente o que estava comendo. Quando fez isso, ela percebeu que deveria diminuir as suas porções. Em vez de comer três pedaços de frango, ela cortou para dois. Ela ainda parou de comer tarde da noite.

“Eu percebi que quanto melhor eu me sentia, menos eu queria comer o tipo de comida que me deixava lenta e inchada”, disse ela. Hoje, ela adora shakes de proteína, come bastante frango e tem uma dieta saudável.

6. Perceba que você não está sozinho

Antes de perder peso, Kelly vivia uma vida em isolamento. Ela disse não a eventos como festas de aniversário e casamentos porque não conseguia encontrar roupas adequadas que coubessem em seu corpo. Ela sofria de depressão e raramente saía da casa.

Assim que perdeu algum peso, ela conheceu novos amigos e percebeu que há pessoas para ajudar durante a sua jornada. Hoje, Kelly é uma inspiração para sua comunidade. Ela organiza exercícios para amigos, e quer oferecer exercícios gratuitos para idosos e crianças.

“As pessoas pensam que estão sozinhas, mas não enxergam fora do próprio muro que construíram”, disse ela. “O mundo é assustador e a sociedade pode ser cruel, mas não tem problema pedir ajuda quando precisamos dela!”

Você tem o costume de caminhar com o seu cachorro? Acredita que isso possa te ajudar a perde peso como aconteceu com Kelly? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 4,75 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário