1/3 das Mortes Prematuras Podem Ser Evitadas com Essa Mudança na Dieta, Diz Estudo de Harvard

Especialista:
atualizado em 29/01/2020

Até um terço das mortes prematuras poderiam ser evitadas se todos nós mudássemos para uma dieta vegetariana, de acordo com novos cálculos dos cientistas da Harvard Medical School.

Embora já saibamos sobre muitos dos benefícios de não comer carne, essa descoberta mais recente é muito mais impactante do que as estimativas anteriores.

Os pesquisadores apresentaram seu estudo na Unite to Cure Fourth International Vatican Conference, na Cidade do Vaticano, na semana passada.

O trabalho ainda não foi publicado em um periódico revisado por especialistas, por isso precisamos ser cuidadosos sobre esses números por enquanto. Mas tais afirmações ousadas valem mais investigações.

As estimativas variam entre os países, mas cerca de 30 milhões de mortes por ano em todo o mundo são classificadas como “evitáveis” – aquelas causadas por fatores sobre os quais podemos fazer algo, como obesidade, tabagismo, dieta pobre e assim por diante.

Cortar esse número em um terço seria uma conquista enorme.

E de acordo com pesquisadores da Harvard Medical School, mudar para uma dieta vegetariana poderia ter um papel maior nisso do que se imaginava anteriormente.

“Acabamos de fazer alguns cálculos olhando para a questão de quanto poderíamos reduzir a mortalidade mudando para uma dieta saudável, mais baseada em vegetais, não necessariamente totalmente vegana, e nossas estimativas são de que cerca de um terço das mortes poderiam ser evitadas”, disse um membro da equipe, Walter Willett, conforme relatado pelo The Telegraph.

Como mencionamos anteriormente, ainda não há um artigo científico sobre isso, e outros cientistas ainda não analisaram os números produzidos por Willett e seus colegas.

Mesmo assim, outros participantes da conferência concordaram que uma dieta vegetariana poderia fazer mais para deter mortes evitáveis ​​do que estudos anteriores sugeriram.

Em suma, uma dieta mais saudável tem um efeito indireto sobre quase todos os outros aspectos da saúde do corpo.

David Jenkins, da Universidade de Toronto, no Canadá, também esteve no evento e apresentou uma pesquisa sobre a dieta de uma espécie de gorilas – rica em caules, folhas e frutas.

Quando a mesma dieta foi recriada para humanos, levou a uma queda de 35% no colesterol em apenas duas semanas.

Então, o que faz com que essas dietas sejam tão boas para nós?

Os nutrientes em uma dieta vegetariana adequadamente gerenciada são conhecidos por reduzir a pressão arterial, reduzir o risco de ataque cardíaco e baixar o índice de massa corporal (IMC).

Ao mesmo tempo, estudos mostraram que comer carnes vermelhas aumenta o risco de câncer.

Acrescente a isso o benefício ambiental de não ter o gado para cuidar e gerenciar, e os benefícios de uma dieta sem carne rapidamente começam a se acumular.

Ao mesmo tempo, os vegetarianos também precisam ser cuidadosos com sua dieta – especialmente para garantir que consumam proteína, cálcio, ferro e vitamina B12, nutrientes normalmente fornecidos por carnes. Então, definitivamente não é um caso de uma dieta ser perfeita para todos os seres humanos.

O que esta última pesquisa sugere é que cortar a carne poderia ser melhor para nós do que jamais imaginamos – pelo menos em termos de evitar uma morte prematura.

“Acredito que as pessoas imaginam que uma dieta saudável tem apenas um efeito modesto e uma dieta vegetariana pode ajudar você a perder um pouco de peso”, disse Neal Barnard, presidente do Physicians Committee for Responsible Medicine. “Mas quando essas dietas são construídas corretamente, acho que são extremamente poderosas.”

Você já se imaginou fazendo uma dieta vegetariana? Acredita que conseguiria segui-la pelo bem da sua saúde? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário