Como Perder Barriga em 1 Semana

Especialista:
atualizado em 12/12/2019

Para muitas pessoas não há nada pior no corpo do que aquela barriguinha indesejada. A famosa “pança de chopp” e de alimentos não saudáveis é um problema e tanto para eles que, ao se verem nesse estado, podem perder a confiança em si mesmos.

Porém, a boa notícia é que existem boas maneiras de se perder peso e melhor ainda, existem maneiras de se perder peso em um curto período de tempo. A maioria das dietas que ensinam como perder barriga em 1 semana fazem você passar fome e se sentir completamente insatisfeito, mas o que traremos para você agora irá matar a sua fome, promover o emagrecimento e melhorar sua saúde ao mesmo tempo. Está pronto? Então, vamos lá!

Elimine açúcar e amido

Esses dois alimentos são verdadeiros vilões quando o assunto é emagrecimento. Isso porque os dois promovem o aumento da secreção de insulina, que é o principal hormônio de armazenamento de gordura no corpo. Quando o nível de insulina no organismo diminui, a gordura sai das reservas de armazenagem e é queimada no lugar dos carboidratos para promover mais energia. Além disso, a redução de insulina faz com que o excesso de sódio e água seja eliminado para fora do corpo juntamente de outras toxinas presentes no organismo. Isso contribui para redução do peso e inchaço. É possível perder muitos quilos em 1 semana com essa dieta, devido à eliminação de água e gordura do corpo.

Coma proteínas, legumes e gordura

Nessa dieta de baixo consumo de carboidratos, também conhecido como dieta paleolítica, a ideia é a de consumir uma proteína em cada refeição, assim como uma fonte de gordura e um legume. Se possível, incluir essa refeição inclusive no café da manhã para potencializar os resultados. Realizando as refeições com essa orientação o consumo de carboidratos não ultrapassará de 20 a 50 gramas por dia, que é o recomendado para uma dieta saudável.

O que comer?

Para saber como perder barriga em 1 semana, entenda quais são as opções de proteína para se consumir: carne, frango, cordeiro, porco, peixes, frutos do mar e ovos, basicamente. Esses alimentos auxiliam no emagrecimento porque a proteína é o principal macronutriente que contribui no aumento do metabolismo, gerando assim a redução do peso.

Já os legumes que podem ser consumidos são: brócolis, couve flor, espinafre, couve, couve de Bruxelas, repolho, alface, pepino, aipo e outros da preferência. Não tenha receio das porções, você pode caprichar na quantidade de legumes sem ultrapassar a quantidade de carboidratos necessários ao dia. Com a inserção de proteína e legumes na dieta você terá todas as fibras, vitaminas e minerais necessários, portanto não há a necessidade de integrar grãos à dieta.

As gorduras também podem integrar a dieta. Na verdade, ela é fundamental para o seu sucesso, uma vez que reduzir o carboidrato e também a gordura é a receita para o fracasso. No lugar dos carboidratos, recomenda-se o consumo de gorduras. Você pode utilizar o óleo de coco para cozinhar seus pratos, pois é rico em triglicerídeos da cadeia média e por isso pode aumentar o metabolismo rapidamente. Geralmente, as pessoas evitam gordura porque inclusive alguns médicos relacionam o alto consumo de gordura com os riscos de doença cardíaca, o que não passa de mito.

Exercícios como aliado

A alimentação é importante e fundamental para o processo de emagrecimento, mas a prática de exercícios é também essencial para queimar gordura. O ideal é frequentar uma academia ou realizar alguns exercícios até mesmo em casa de 3 a 4 vezes na semana. Você pode obter uns halteres e levantar alguns pesos. Apenas faça os exercícios que já está acostumado, caso contrário, o ideal é pedir orientação de um profissional de Educação Física que saiba te passar como perder barriga em 1 semana.

Ao levantar pesos e realizar atividades aeróbicas você irá perder calorias e evitar que seu metabolismo caia, o que costuma ser um efeito colateral da perda de peso. Com a dieta low carb você pode, inclusive, ganhar músculos ao mesmo tempo que perde gordura corporal. Se preferir realizar outras atividades como corrida, caminhada ou natação não há nenhum problema, o importante é se mexer.

Exceção de carboidratos

Se para você é muito difícil abrir mão de comer mais carboidratos, pois está acostumado a consumir pães, arroz, massas e outros alimentos, você pode tirar um dia para os carboidratos. Nesse único dia da semana você poderá comer mais carboidratos, mas nada de abusos. Escolha um dia de sua preferência e se dê a liberdade de comer batatas, quinoa, frutas, aveia, arroz, enfim, faça um cardápio balanceado e prefira os carboidratos mais saudáveis como os citados acima e menos indigestos. Lembre-se de escolher apenas um dia para essa extravagância, mais do que isso você irá comprometer toda a dieta. Os carboidratos são de certa forma importantes, pois regulam os hormônios leptina e tireoide.

Tabela nutricional

Uma diferença importante da dieta paleo é que você não precisa ficar olhando a tabela nutricional de cada alimento que for consumir, mesmo porque os seus pratos serão sempre proteínas, legumes e gordura, certo? Apenas no dia do consumo de carboidratos você pode ficar mais atento aos números. Porém, se fizer muita questão de estabelecer um controle mais rigoroso, você pode usar certas calculadoras como a Cron-O-Meter, que é uma ferramenta gratuita e muito simples de ser usada. Lá você poderá se ater aos valores de carboidratos para que não ultrapassem 50 gramas ao dia.

Dicas gerais

Recapitulando, se você quer saber como perder barriga em 1 semana é preciso saber reduzir o consumo de carboidratos, comer proteína, gorduras e legumes em todas as refeições e realizar exercícios de 3 a 4 vezes por semana. Para potencializar ainda mais os resultados você pode consumir líquidos como água, chá e café, que costumam acelerar o metabolismo e também dar certa sensação de saciedade.

Você pode usar pratos menores do que os convencionais para te forçar a pegar menos porções. Lembre-se de dormir bem de 6 a 8 horas por dia, pois uma noite mal dormida está associado ao ganho de peso. Evite passar por situações de estresse, que aumentam o cortisol no organismo e podem acumular mais gordura corporal. Além disso, estresse e noites mal dormidas aumentam a ansiedade, o que é um fator diretamente relacionado ao aumento do consumo de comidas calóricas.

Outros benefícios

A dieta low carb também melhora a saúde em outros aspectos como a redução do açúcar no sangue, podendo assim evitar doenças como a diabetes; os triglicerídeos diminuem; redução do colesterol ruim; aumento do colesterol bom e melhora da pressão arterial.

Além disso, pesquisas indicam que dietas com baixo carboidratos são mais fáceis de seguir do que dietas com baixa gordura, por isso você irá sofrer menos com os impactos. A redução de peso dependerá do biotipo de cada pessoa e o do metabolismo, mas se você aprender como perder barriga em 1 semana com essas dicas, algum resultado é garantido. Boa sorte!

Que aspectos você ainda precisa melhorar em sua vida para que aprendar como perder barriga em 1 semana e consiga este objetivo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 4,13 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário