Homem Perde Quase 25 kg e Ganha Aposta no Escritório

Especialista:
atualizado em 12/05/2015

Cada pessoa possui uma motivação diferente para emagrecer. Alguns querem ter um corpo mais bonito para exibir no verão, outros pensam na saúde e há aqueles que simplesmente querem se sentir bem consigo mesmo. Mas para o auxiliar de escritório paulista Edmilson Silveira da Silva Junior, que mora atualmente em Recife, Pernambuco, de 27 anos de idade, o grande estímulo para a perda de peso foi ganhar um dinheirinho extra.

É que no final do ano de 2013, em meio ao clima de resoluções e promessas de ano novo, ele e mais seis colegas de trabalho decidiram que era hora de mudar de vida e começaram uma competição de perda de peso, que valia uma aposta em dinheiro. Funcionava assim: eles se pesavam a cada 15 dias e aquele que tivesse engordado era obrigado a pagar determinada quantia que ia para uma caixinha. No final da brincadeira, quem tivesse emagrecido mais levava toda a grana arrecadada para casa.

Para conseguir cumprir a promessa, Edmilson fez então algumas mudanças importantes em sua rotina. Ele trocou o carro pela bicicleta e passou a pedalar para ir ao trabalho. Com o tempo, passou a fazer tudo pedalando. “De segunda, quarta a sexta-feira, eu e um amigo íamos até Olinda de bike”, contou o auxiliar de escritório.

Na alimentação, ele passou a reduzir a quantidade que comia. O paulista substituiu quatro pães por apenas um torrado e trocou três colheres de arroz por somente uma.

No começo, Edmilson enfrentou algumas dificuldades, já que além da mudança ser radical e ele ter sofrido com recaídas, os colegas de trabalho não colaboravam muito ao levar guloseimas para o escritório – por conta da competição que estava acontecendo entre eles – mesmo sabendo que ele amava a guloseima, mas não devia comer.

“Era cada um por si. Uma amiga, por exemplo, às vezes levava salgadinho porque sabia que eu gostava. Mas eu saía da sala para não comer”, recordou.

Quando se aproximou a época do final da aposta, com as três últimas pesagens, o clima ficou ainda mais tenso e Edmilson conta que cada um deles levava comida para o trabalho, tentando sabotar os outros competidores.

Mas no final das contas deu tudo certo para ele. O auxiliar de escritório perdeu 25 kg, foi o campeão do emagrecimento e ficou com os R$ 480,00 arrecadados durante a brincadeira. O que ele fez com o dinheiro? Pagou a matrícula do filho de três anos na escola e comprou algumas coisas para o menino.

Sobre o processo de perda de peso, o paulista deixou um importante recado: “Tudo depende da gente, se você não tomar o primeiro passo, você não vai conseguir”.

Outra dica dele é manter a mente ocupada e assim evitar as crises e ansiedades. Edmilson explicou que quando ficava ansioso comia, mas hoje procura fazer alguma coisa como ler, estudar, sair com a esposa ou brincar com o filho quando isso acontece.

O paulista também disse que é importante encontrar alguma atividade física que agrade e começar a se mexer. “Eu me encontrei na bicicleta. Mas cada um vai para o caminho que for melhor”, ressaltou.

No final das contas, não foi só o dinheiro

9bboaforma

Apesar de ter sido estimulado por conta da premiação, Edmilson confessou que teve diversos outros benefícios, além de um dinheiro a mais no bolso. Com os quilos a menos, ele se sentiu mais disposto para jogar futebol e brincar com filho, consegue dormir melhor e tem mais facilidade quando precisa comprar roupas, já que saiu do tamanho 52 para o 44.

Mesmo já tendo emagrecido bastante, atualmente está com 105 kg, e não deseja parar por aqui. Ele tem a intenção de chegar aos 88 kg – o seu peso ideal – e para isso já começou a correr e deseja entrar para uma academia depois que emagrecer mais.

E como a competição do escritório onde trabalha já está acontecendo novamente, quando voltar de férias Edmilson quer participar mais uma vez da brincadeira. “Para atingir minha meta”, completou confiante.

Você já participou de alguma aposta parecida de quem perdia mais peso com seus amigos ou familiares? Como foram os resultados? Se não, você acha que isso seria um interessante estímulo a mais? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário