Lorcaserina Emagrece Mesmo?

Especialista:
atualizado em 22/05/2019

Uma ajuda extra para perder peso sempre soma na conquista do peso ideal. Os esforços não são poucos e devemos confessar que quando uma dieta equilibrada e exercícios físicos não oferecem o efeito esperado, surge um sentimento de frustração. É exatamente para intensificar a conquista de perda de peso que diversas pessoas se submetem a tratamentos com remédios para emagrecer.

Afirma-se que o Lorcaserina emagrece e ainda pode oferecer diversos benefícios para a saúde. Evidentemente que sempre há prós e contras, e é exatamente para isso que iremos estudar as propriedades e efeitos positivos e negativos que o Lorcaserina pode proporcionar. Dessa forma, você avaliará se vale a pena emagrecer com esse medicamento ou não.

O que é Lorcaserina?

Ele é um medicamento de uso comum de pessoas obesas e que desejam perder os quilos a mais. A causa para o emagrecimento ainda não foi comprovada, afirma-se que o remédio influencia diretamente no funcionamento do cérebro, assim aumentando o sentimento de saciedade e então reduzindo o apetite.

Esse remédio se enquadra entre os remédios chamados de agonistas do receptor de serotonina. O uso desse medicamento pode oferecer benefícios a pessoas que convivem com o sobrepeso ou obesidade e já oferece consequências a qualidade de vida dessas pessoas.

Como o Lorcaserina emagrece?

O uso de Lorcaserina para emagrecer é indicado para uso de pessoas obesas, que possuem dificuldade para perder peso e já estão sentindo os prejuízos à saúde devido aos quilos a mais. Afirma-se que é capaz de auxiliar na perda de 5% do peso das pessoas e é muito eficiente para que o cérebro funcione a fim de controlar o apetite, o que resulta na ingestão de porções menores, menos calóricas, ocasionando o emagrecimento eficiente. Os resultados do tratamento com Lorcaserina podem ficar evidentes a partir da 12ª semana de uso. As doses de 10 mg a 20 mg diariamente podem ser responsáveis pela perda de 1,8 a4 quilos.

O Lorcaserina emagrece agindo diretamente no receptor de serotonina. Quando estes são influenciados, induzem à sensação de saciedade e reduzem o apetite. Não há comprovações completas sobre os efeitos de Lorcaserina. Ainda há pesquisas que afirmam que ele pode agir como bloqueador de gorduras, o que auxiliaria o organismo a não absorver a gordura contida nos alimentos consumidos em sua dieta para perda de peso.

O consumo unicamente do Lorcaserina em um momento irá estagnar os resultados, o que poderá se tornar frustrante. Independente do peso e dos objetivos, o consumo do remédio é indicado para ser conciliado com uma dieta equilibrada e exercícios físicos regulares, principalmente porque eles podem ser capazes de reduzir a probabilidade de ocorrência de efeitos colaterais.

Quem pode usar?

O Lorcaserina pode ser ingerido por pessoas que possuam IMC acima de 27. O uso é indicado principalmente para as pessoas que já estão sofrendo com consequências do sobrepeso, como pressão arterial alta, diabetes, colesterol alto e muito mais.

Efeitos colaterais do Lorcaserina

Tomar o Lorcaserina para emagrecer pode se tornar viciante, principalmente em casos reservados em que os efeitos não ocorrem como a maioria dos exemplos divulgados. Caso não perca peso como o esperado, não aumente as doses sem a orientação de um médico.

Está certo que tomar Lorcaserina emagrece, mas também pode oferecer efeitos colaterais como boca seca, constipação, tonturas, náuseas, oscilações de humor, depressão, sentimentos e pensamentos suicidas, contração dos músculos, redução da frequência dos batimentos cardíacos, febre e fadiga.

As reações alérgicas podem ser iniciadas com inchaços, comichões, tonturas e dificuldade para respirar. É fundamental que nesses casos você procure seu médico para fazer uma avaliação do caso e até suspender o consumo do remédio.

O Lorcaserina ainda pode reduzir os níveis de açúcar na corrente sanguínea, o que pode acarretar uma hipoglicemia.

Contra indicações

O lorcaserina não pode ser consumido por gestantes e mulheres em fase de amamentação, pois há afirmativas de que ele pode oferecer consequências à formação do feto e alterar a composição do leite materno.

O tratamento com o medicamento para emagrecer também deve ser evitado por diabéticos, pois ele pode reduzir os níveis de açúcar na corrente sanguínea, o que resultará em prejuízos à sua saúde.

Acompanhamento médico

O uso de Lorcaserina deve se indicado por um médico. Ele será indispensável para o reconhecimento do caso e para a avaliação das reais necessidades do paciente. O acompanhamento de um profissional da saúde não é importante apenas no início do tratamento, mas é imprescindível durante, já que você estará exposto a diversos efeitos colaterais que podem resultar em consequências à sua saúde atualmente e no futuro.

Dieta

Antes de optar pelo uso de medicamentos para emagrecer, faça tentativas com todos os métodos naturais. A sua prioridade deve ser alterar suas refeições e sempre escolher cardápios mais saudáveis possíveis, para que os alimentos contribuam para a queima de gorduras. Não pense que tomar Lorcaserina emagrece sem necessidade de dietas. Muito pelo contrário, o próprio profissional da saúde indicará que você incorpore hábitos saudáveis à sua rotina atual.

Exercícios físicos

As atividades físicas podem manter o metabolismo basal mais acelerado, o que contribui para a queima de calorias. O médico indicará a prática de exercícios físicos junto com o tratamento de Lorcaserina. O seu objetivo será queimar mais colorias que ingerir diariamente, e seus principais aliados para queimar o que você comer serão os exercícios físicos regulares.

Onde comprar

No Brasil, o remédio emagrecedor similar ao Lorcaserina é o Xenical, ele também possui o Orlistate como princípio ativo. Você pode comprar o medicamento em farmácias, mas é necessário apresentar o pedido de indicação médica.

Você conhece alguém que já tenha usado e afirme que Lorcaserina emagrecer? Para você, seria preferível fazer o uso desse medicamento? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (790 votos, média: 3,81 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário