Melanoma na unha – Sintomas e tratamento

Especialista da área:
atualizado em 11/01/2021

Uma mancha escura na sua unha pode ser um sinal de melanoma. Veja então quais são os sintomas de melanoma na unha e qual é o tratamento correto.

  Continua Depois da Publicidade  

O melanoma na unha ou melanoma subungueal é um tipo de câncer de unha que se desenvolve na matriz ungueal – que nada mais é do que uma fina camada que protege a pele abaixo da unha.

Esse melanoma que afeta a unha é muito menos comum do que o melanoma na pele. Mas justamente por ser uma condição rara, muita gente não reconhece os sintomas da doença em seu estágio inicial e demora para buscar atendimento médico.

Aliás, confira o que as suas unhas tem a dizer sobre a sua saúde e comece a prestar mais atenção nelas hoje mesmo.

Confira também o vídeo em que nossa nutricionista fala mais sobre a relação das unhas com a nossa saúde:

A fim de evitar confundir um melanoma na unha com um hematoma qualquer, confira aqui quais são os sintomas dessa doença e como é o tratamento.

Sintomas de melanoma na unha

Embora o nome seja o mesmo, os sintomas do melanoma na pele são muito diferentes do melanoma na unha. Os principais sintomas do melanoma subungueal são:

  • Faixa vertical de cor marrom claro ou escuro na unha;
  • Pigmentação escura na unha que aumenta e alcança a pele ao redor;
  • Unha que se separa do leito ungueal;
  • Faixa escura na unha que se expande pela unha;
  • Hematoma na unha que não cicatriza ou que não sobe conforme a unha cresce;
  • Unhas frágeis e rachadas;
  • Sangramento no local da mancha;
  • Nódulo debaixo da unha, que pode ou não ter uma faixa de pigmentação.

Além dos sintomas acima, é importante notar que geralmente o melanoma afeta uma unha de cada vez.

Por isso, muita gente pode confundir o melanoma subungueal com uma infecção fúngica que está se espalhando entre os dedos. Assim, é importante buscar um bom diagnóstico antes de achar que se trata apenas de um hematoma ou da presença de um fungo no local.

Tratamento de câncer na unha

melanoma na unha

O tratamento do melanoma subungueal é cirúrgico, mas antes disso é preciso confirmar o seu diagnóstico.

  Continua Depois da Publicidade  

Para isso, o médico vai remover uma amostra do tecido para fazer uma biópsia.

Caso o resultado dê positivo, o único tratamento disponível atualmente é a remoção cirúrgica da unha inteira e do tecido canceroso abaixo dela.

Em casos mais graves e avançados, o médico pode sugerir a amputação do dedo e sessões de radioterapia e quimioterapia para reduzir o risco de metástase. 

Mas de acordo com um estudo publicado em 2014 na revista Plastic and Reconstructive Surgery, a amputação não parece ser a melhor opção e os autores do estudo sugerem fazer a cirurgia de remoção da unha e do tumor ao invés de amputar o dedo.

Se houver necessidade, o médico também pode prescrever a quimioterapia e a radioterapia para complementar o tratamento.

Fatores de risco e prevenção

Infelizmente, não existe uma causa específica para o desenvolvimento do melanoma subungueal e por isso não é fácil prevenir a doença. No entanto, a maioria dos casos parece se desenvolver após uma lesão ou trauma.

Além disso, embora não seja uma regra o melanoma na unha parece afetar mais:

  • Adultos com mais de 50 anos de idade;
  • Idosos com pele escura;
  • Pessoas com um histórico de trauma nos dedos das mãos ou pés;
  • Unhas dos polegares das mãos;
  • Unhas dos dedões dos pés;
  • Quem tem uma doença autoimune.

Sendo assim, o ideal é ficar atento e ir até um dermatologista se observar:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Mancha na unha que demora para melhorar;
  • Alterações ou crescimentos anormais na unha;
  • Mancha que aumenta de tamanho ou que aparece em outros dedos.

Segundo a renomada revista científica New England Journal of Medicine, uma pessoa chega a esperar mais de 2 anos desde o primeiro sintoma de melanoma na unha até obter o diagnóstico do câncer – o que dificulta ou até inviabiliza o tratamento. 

Aliás, em qualquer tipo de câncer, quanto mais rápido o diagnóstico é feito, maior é a chance de cura.

Portanto, não hesite e procure um dermatologista ainda que você pense que se trata apenas de um hematoma que está demorando para melhorar, pois quanto antes o melanoma for detectado e tratado, melhor é o prognóstico

Fontes e Referências Adicionais

Você já teve um hematoma na unha? Se sim, demorou quanto tempo para cicatrizar? Comente!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas, educadores físicos. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário