Suco Detox para Gestante Faz Mal? Dicas e Cuidados

A descoberta de uma gravidez pode ser um momento de muita alegria e surpresa para uma mulher e toda a sua família. Ao mesmo tempo, a chegada de uma criança exige toda uma pressão e envolve uma série de mudanças na vida da futura mamãe.

Durante a gestação, a mulher passa por mudanças em seu corpo e suas emoções, por exemplo. Nesse período, ela também precisa ter um cuidado especial com sua saúde e alimentação, já que além de sustentar o próprio organismo, também precisa nutrir a vida que se desenvolve em seu ventre. Por exemplo, será que é uma boa ideia ingerir suco detox para gestante? Traz benefícios ou pode fazer mal para a mão ou o bebê? É o que vamos conferir em detalhes abaixo.

O que são sucos detox?

Os sucos detox são bebidas que podem ser preparadas com frutas, vegetais, ervas e chás. O suco apresenta componentes que favorecem a limpeza do organismo, principalmente do fígado, potencializando a remoção de toxinas que sobrecarregam o organismo.

Uma boa definição que encontramos diz que ele recebe este nome, pois o fígado é o órgão mais importante no processo de desintoxicação, conhecido também por detox. Ele transforma as toxinas que captamos do meio ambiente (ar poluído, alimentos contaminados com agrotóxicos e com aditivos alimentares, medicamentos, entre outros) em substâncias que são eliminadas pela urina, fezes e bile.

Entretanto, os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos declaram que não existem muitas evidências de que o detox pode realmente remover substâncias maléficas do organismo. A professora doutora da Universidade de Boston e especialista em nutrição e alimentação saudável Joan Salge Blake explicou que não há ciência que sugira que é preciso fazer um detox no corpo.

“O seu organismo é mais esperto do que isso. Você tem órgãos detox embutidos (no corpo), o fígado e os rins limpam qualquer resíduo que precise sair do corpo”, completou Salge Blake.

Entretanto, se os sucos detox forem preparados e armazenados de uma maneira que as propriedades de seus ingredientes sejam preservadas, qualquer pessoa, inclusive a gestante, pode aproveitar os nutrientes da bebida, quando o suco for feito com alimentos liberados para a gestação, obviamente.

Nutricionistas afirmam que é possível que a grávida inclua sucos de frutas e vegetais como parte de seu plano alimentar saudável. No mesmo sentido, já que as frutas e os vegetais são ricos em nutrientes, adicionar uma variedade desses alimentos na dieta fornece boa parte das vitaminas, minerais e fibras que a futura mamãe e seu bebê necessitam.

A ingestão de frutas e vegetais no suco detox para gestante ainda previne a prisão de ventre, que é um sintoma comum da gravidez.

Cuidados com a higiene e segurança dos sucos

Alertamos, entretanto, para os sucos frescos prensados e engarrafados não pasteurizados para as gestantes.

Essas bebidas não recebem o tratamento para matar micróbios que fazem mal, como o Toxoplasma, um parasita que pode ser encontrado em frutas e vegetais que não foram lavados e pode provocar perda de audição, retardo mental e cegueira em bebês, informa a Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA, sigla em inglês) dos Estados Unidos, agência de saúde do país.

A FDA recomenda ainda que as gestantes só consumam sucos pasteurizados, ou seja, que passaram pelos processos necessários para que as bactérias maléficas morram, já que as grávidas têm um risco maior de sofrer com doenças de origem alimentar.

Como nunca podrmos ter plena certeza de que os fabricantes de suco são tão rigorosos em relação à limpeza de seus alimentos e equipamentos quanto deveriam, o melhor é que a gestante prepare os próprios sucos em casa.

Entretanto, a mulher deve certificar-se de que os ingredientes escolhidos são de boa procedência, higienizá-los corretamente e limpar bem as máquinas usadas para fazer os sucos, antes e depois do seu preparo.

De olho nos ingredientes que podem e não podem ser consumidos durante a gravidez 

Como citamos acima, alguns sucos detox podem ser preparados com ervas e chás. Existe uma preocupação em relação ao consumo de chás de ervas durante a gestação porque faltam pesquisas que demonstrem como a maioria das ervas pode afetar um feto em desenvolvimento.

Por questões de segurança, o suco detox para gestante não deve ser composto por ervas e chás ou deve ser preparado apenas com as ervas e chás liberados para o período da gravidez. Para saber quais você pode utilizar durante a gravidez, converse com o seu médico.

De acordo com a Associação Americana de Gravidez, os vegetais são seguros para a gravidez e uma parte necessária de uma dieta equilibrada. Entretanto, a organização ressaltou que é essencial que eles sejam bem lavados para evitar justamente uma exposição à toxoplasmose, como já falamos acima.

Segundo a instituição, a toxoplasmose pode contaminar o solo onde os vegetais são cultivados. No mesmo sentido, afirmam que, para a maior parte das grávidas saudáveis, qualquer fruta pode ser consumida, desde que seja lavada adequadamente. Além do risco da contaminação com a toxoplasmose, frutas e vegetais não lavados podem conter resíduos de pesticidas.

Entretanto, nos casos em que a grávida sofre algum tipo de complicação ou desenvolve a diabetes gestacional, o médico pode limitar a quantidade e o tipo de fruta que a paciente pode comer para manter os níveis de açúcar no sangue dentro de um nível saudável.

É por isso que cada futura mamãe precisa ter uma lista disponibilizada por seu médico com as comidas e bebidas que ela pode e não pode consumir durante a gestação, tendo em vista as particularidades do seu caso.

Nada de seguir dietas restritivas de suco detox durante a gestação 

Sabe aquelas dietas em que a pessoa não come nada ou come pouco e só bebe suco detox? Se elas já podem ser perigosas para quem não está grávida, durante a gestação elas realmente são proibidas.

A gestante precisa de uma dieta recheada de nutrientes para suportar não somente a sua saúde, como também a saúde do seu bebê. O que não acontece em um jejum com suco detox.

Essas dietas podem ter o objetivo de emagrecer, dar um impulso de energia ou desintoxicar. Entretanto, a perda de peso não é recomendada durante a gravidez.

A dieta e o ganho de peso adequado são ambos fatores para uma gravidez saudável. Quando você está grávida, precisa certificar-se de consumir calorias suficientes para suportar um ganho de peso saudável na gravidez e o crescimento adequado do neném.

Além da quantidade suficiente de calorias, é essencial que a futura mamãe coma uma variedade de alimentos de todos os grupos alimentares para receber os nutrientes para si própria e para o seu bebê, ou seja, não dá para comer apenas frutas e vegetais.

Pesquisas sugerem que bebês que não recebem a nutrição adequada no ventre da mãe sofrem mudanças permanentes em seu metabolismo e fisiologia, que podem desencadear doenças no futuro de suas vidas.

O suco detox para gestante está liberado? Ou será que a bebida faz mal?

É fundamental que toda grávida conte com o acompanhamento do médico durante toda a gestação, para saber detalhadamente quais cuidados deve tomar durante o período e como anda a sua saúde e a saúde do seu bebê.

Dentre esses cuidados, que o médico recomenda, estão as precauções que uma futura mamãe deve tomar em relação às comidas e às bebidas que consome.

Por isso, logo que descobrir a gestação, é essencial que a mulher pergunte ao médico o que pode e o que não pode comer e beber em cada etapa da gravidez, para que possa planejar sua dieta e refeições com calma.

O que queremos enfatizar com tudo isso? Que, em primeiro lugar, a grávida deve consultar o seu médico para saber se o suco detox para gestante não faz mal. Até porque nenhum artigo pode substituir a determinação médica, já que serve somente para informar.

Você já experimentou algum tipo de suco detox para gestante? O seu médico liberou o consumo desse tipo de bebida durante a gravidez? Quais ingredientes foram permitidos e usados? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 4,20 de 5)
Loading...

Deixe um comentário