5 Passos Para Perder Peso Sem Gastar Dinheiro

Especialista:
atualizado em 30/01/2020

Entre as diversas justificativas que as pessoas utilizam para não darem maior atenção e cuidar melhor do próprio corpo encontra-se a falta de dinheiro. A ideia de que comprar comidas diferentes das quais está acostumado ou ter que se matricular na academia sai muito caro e que existem outras áreas da vida que já demandam certo gasto e não podem ser deixadas de lado acaba servindo como motivo para não melhorar a alimentação e aderir a um método de emagrecimento.

Entretanto, engana-se quem pensa que somente quem possui dinheiro sobrando na conta bancária é que pode emagrecer. Na realidade, com criatividade, dedicação e uma forcinha da tecnologia dá sim para emagrecer.

Para comprovar isso, no artigo de hoje nós trazemos uma lista com cinco passos que te ajudam a perder peso sem precisar gastar muito dinheiro. Confira a seguir:

1. Comece um diário alimentar

9aboaforma

Para começar, pegue aquele bloco de anotações que está encostado na sua casa e ninguém usa ou passe em uma papelaria e compre um caderninho ou agenda. Pode ser daqueles mais simples mesmo, que não são tão caros. Passe a anotar tudo o que você come nele. Esse será o seu diário alimentar.

Com ele, você não somente poderá ter uma noção melhor de tudo o que come durante um dia, como poderá refletir melhor sobre os seus hábitos alimentares, entender porque comeu ou deixou de comer alguma coisa, identificar o que pode estar te atrapalhando a ter uma boa forma e trabalhar essas áreas.

Por exemplo, se antes de ir a uma reunião importante do trabalho você não resiste a pegar um docinho na padaria da esquina ou costuma comer um salgado a mais na cantina da faculdade em dias de prova, temos um sinal de que você pode estar comendo por impulso, para descontar um nervosismo.

No entanto, é preciso ressaltar aqui que para o diário alimentar ser realmente útil para você, é fundamental ser honesto e anotar com sinceridade tudo o que consumiu durante cada dia. 

2. Aprenda a ler as tabelas nutricionais

9bboaforma

Sabe aquele quadradinho cheio de letrinhas que você encontra nas embalagens de todos os produtos alimentícios que compra, a chamada tabela nutricional? Pois bem, as informações contidas ali são de ouro para quem deseja controlar o peso.

Isso porque além de fornecer dados sobre as quantidades de colesterol, fibras, gordura, proteínas, carboidratos, vitaminas, sódio e outras substâncias, a tabela nutricional também informa quantas calorias por porção você ingere ao comer o alimento. E para quem não quer exagerar no consumo diário de calorias, isso não pode passar batido.

Entretanto, não basta apenas dar uma olhadinha nessa quantidade de calorias e já consumir o produto. É preciso ler com atenção o que a tabela diz, para não se confundir. É que na embalagem geralmente vem escrito o número de calorias presentes em uma porção e não no pacote todo.

Então, se não tomar cuidado você corre o risco de achar que, por exemplo, as 150 calorias por uma porção equivalente a uma xícara por exemplo, valem pelo conteúdo inteiro de um pacote. Aí você acabará ingerindo mais calorias e tendo dificuldade para manter a boa forma, sem nem saber porque isso está acontecendo.

Essa informação referente ao tamanho da porção ainda pode servir como base para te ajudar a aprender a controlar a quantidade de comida que você come, que é justamente o nosso terceiro passo.

3. Controle o tamanho das suas porções

9cboaforma

Você não quer fazer muitas mudanças no cardápio porque acha que isso vai encarecer a conta do supermercado no final do mês? Então, aprenda a controlar as suas porções e coma uma quantidade menor de comida, que seja suficiente para você se satisfazer, e você conseguirá inclusive economizar um pouco.

Comece fazendo um teste para primeiramente identificar o tamanho das porções que você costuma consumir. Funciona da seguinte maneira: por exemplo, no café da manhã, pegue o seu cereal e encha a tigela com a quantidade que habitualmente come. Na sequência, pegue outra tigela e preencha com o tamanho de uma porção indicada pela embalagem do produto.

Você provavelmente se surpreenderá com a diferença que encontrará entre as duas tigelas. Assim, para controlar a porção dos alimentos que ingere, passe a usar a quantidade indicada na embalagem dos produtos. Quando essa informação não for disponível, tente diminuir o tamanho dos pratos que utiliza ou experimente simplesmente servir uma quantia menor de comida.

4. Use um aplicativo gratuito para contar as suas calorias

9dboaforma

A tecnologia facilita muita coisa na vida da gente hoje em dia e manter a boa forma é uma delas. É possível baixar um aplicativo gratuito no celular que ajuda a fazer a contagem de calorias do que você ingere em um dia.

Exemplos de aplicativos que não cobram nada e servem como contadores de calorias são o Fat Secret e o MyFitnessPal. Além de poder agrupar tudo o que você se ingeriu em um dia, eles ainda informam o número de calorias presentes em diversos alimentos, caso você não tenha a embalagem do produto em mãos com o dado no momento.

Esse tipo de registro ajuda a controlar a alimentação e conhecer melhor a própria rotina durante as refeições. 

5. Corte as calorias provenientes das bebidas

9eboaforma

Uma vez que você começou a traçar os alimentos que consome e o número de calorias que ingere, você pode chegar a conclusão que precisa diminuir a quantidade dessas calorias consumidas. Um jeito mais simples e menos doloroso de fazer isso é reduzindo a quantia das calorias obtidas por meio de bebidas.

Por exemplo, ao tomar um copo de 200 ml de suco de laranja (94 calorias) e uma xícara de café com açúcar (29 calorias) pela manhã e um copo de 200 ml de coca-cola (85 calorias) durante o almoço, uma pessoa já ingere 208 calorias antes do fim do dia.

Agora vamos supor que essa pessoa resolva tomar mais uma xícara de café no final da tarde e uma dose de 150 ml de vinho tinto (125 calorias) no jantar. Então ela terá consumido um total de 362 calorias líquidas ao longo do dia.

O número pode não parecer tão alto, mas se imaginarmos que ela poderia ter ficado apenas no cafézinho durante o café da manhã, tomado água (0 calorias) no almoço e chá verde (2 calorias) no jantar, o número total de calorias líquidas consumidas ao longo do dia (31) seria bem menor.

Você já deu essa desculpa de que não tem dinheiro o suficiente para entra numa dieta e perder peso? O que mais te bloqueia atualmente para isso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (11 votos, média: 3,55 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

13 comentários em “5 Passos Para Perder Peso Sem Gastar Dinheiro”

  1. Olá boa noite, tenho 23 anos e estou 18 kg acima do meu peso ideal, a mais ou menos 8 meses mudei a alguns aspectos da minha alimentação, como arroz e macarrão para integral e acrescentei muitas verduras no meu dia dia, porem não obtive nenhum resultado aparente, tive melhoras no meu triglicerídios e no meu colesterol, assim como açúcar no sangue também. Contudo não emagreci e esta guinei no meu peso atual, poderiam me dar dicas para conseguir perder esses quilinhos? Tenho uma rotina diária muito exaustiva e com isso acabo não tendo tempo e nem disposição para fazer uma academia ou qualquer outro exercício.

  2. Oi pessoal tenho 23 anos e estou 14kg acima do peso, é muito difícil emagrecer mas esse ano que se inicia vamos nos libertar de tudo q nós faça mal, comei hoje minha dieta estou super bem sei q agora vai pensamento positivo e muita força de vontade.

  3. Estou com 39 anos e 85 kg e 1,63 ??
    Preciso emagrecer sem gastar, quero diminuir no açúcar (não como muito doce, mas adoro um café forte e bem docinho)
    Percebo que quando consumo pão, macarrão, bolachas etc, com farinha branca, eu fico meio mal, demora pra passar aquela coisa pesada do estômago, fico fadigada também.
    Gostei da idéia do diário alimentar, vou experimentar!

  4. Acho extremamente complicado ficar contando calorias ingeridas. Parece uma coisa meio neurótica..
    Por outro lado, não se falou dos exercícios físicos, importantíssimo para quem quer emagrecer.
    O diário alimentar é excelente idéia!

  5. Eu tenho muita dificuldade para emagrecer por que sou gulosa. Embora eu não coma frango e nem carne vermelha eu adoro coisas gordurosas como empadas, enrolado de queijo e presunto, pão, biscoito. Não resisto a uma comida gosotosa. Eu preciso emagrecer de verdade mas não consigo resistir as delicias.

  6. o que realmente me atrapalha é que como por ansiedade e mesmo que eu consiga me controlar por alguns dias, rapidamente paro com esse controle pois acabo pensando ” Pra que vou continuar com isso? Não vou conseguir mesmo! Ao menos comer eu posso…..” coisa desse tipo. Creio que eu precise de um ansiolitico, mas não queria partir pra esse lado.
    Enfim, além de uma falta imensa de vontade de me exercitar, tem esse fator que me faço pensar que não conseguirei

  7. Sabe, eu sempre encho a cabeça de idéias, mas acabo perdendo as no meio do caminho.Sei que preciso emagrecer, entrar em forma …para recuperar minha autoestima, mas também pela saúde que clama na minha idade…tenho 48 anos.
    Penso que tenho que colocar os pensamentos negativos pra baixo, parar de ser preguisosa e usar meu tempo livre para me cuidar.A gente sempre acha uma desculpa para tudo, e a idade só avança…o tempo só passa…Vamos pensar diferente ? Quem topa ?

    • Eu realmente não tenho dinheiro para essas lamentações caras e saudáveis… Mas também não tenho ânimo para as atividades físicas… eu acordo cedo, penso vou caminhar… Mas só fica no pensamento… percebo que não sinto fome, mas como, meu Deus nao sei mais o que devo fazer… sei que preciso mudar e fazer algo, mas não tenho coragem de nada.

  8. Meu caminho é este, sempre coloco em minha cabeça que nao tenho dinheiro para seguir uma dieta ( e realmente nao tenho), tambem vem a falta de animo para atividade fisica. Nao sei mais o que faço.