Comer Muito Fast Food Pode Trazer Dificuldades para Engravidar, Diz Estudo

Especialista:
atualizado em 29/01/2020

As mulheres que comem menos frutas e mais fast food são menos propensas a engravidar dentro de um ano e mais propensas a sofrer infertilidade, de acordo com um novo estudo.

  Continua Depois da Publicidade  

Para o estudo, publicado no periódico médico “Human Reproduction“, pesquisadores analisaram dietas de 5.598 mulheres na Austrália, Nova Zelândia, Reino Unido e Irlanda.

A equipe, liderada pela professora Claire Roberts, do Instituto Robinson de Pesquisa da Universidade Adelaide, na Austrália, descobriu que as mulheres que comem fast food quatro ou mais vezes por semana tendiam a demorar quase um mês a mais para engravidar do que as que comiam raramente ou nunca.

Fast food foi definido como itens comprados em redes de restaurantes de fast food, não incluindo itens de fast food comprados em supermercados, como pizza pronta.

As mulheres que comiam frutas três ou mais vezes por dia aumentaram as chances de engravidar rapidamente. Aquelas que comiam frutas menos de uma a três vezes por mês levaram meio mês a mais para engravidar, descobriu o estudo.

Os pesquisadores determinaram que as mulheres que comiam a menor quantidade de frutas aumentaram seu risco de infertilidade de 8% para 12% e as mulheres que comeram fast food quatro ou mais vezes por semana aumentaram seu risco de 8% para 16%. Infertilidade é definida como não ser capaz de engravidar depois de um ano.

“Recomendamos que as mulheres que querem engravidar devem alinhar sua ingestão de alimentos às recomendações dietéticas para a gravidez”, disse a primeira autora, Jessica Grieger, em um comunicado. “Nossos dados mostram que o consumo frequente de fast foods atrasa o tempo para a gravidez”.

Comer verduras e peixes verdes não parecia afetar o tempo de fertilidade.

É importante ressaltar, porém, que o estudo foi baseado na lembrança do que as mulheres entrevistadas comeram no mês anterior ao início de suas gestações dos primeiros filhos as informações sobre a dieta do pai não fizeram parte do estudo – ambos os fatores poderiam ter conclusões impactantes. A equipe planeja estudar melhor os padrões alimentares e sua ligação com a gravidez.

É possível, também, que outros fatores externos tenham afetado os resultados da pesquisa. Mas os estudiosos afirmam que há amplas evidências de que a dieta da mulher afeta suas chances de ficar grávida.

  Continua Depois da Publicidade  

Você pretende engravidar e vai diminuir a sua ingestão de fast food por conta dos resultados dessa pesquisa? Já imaginava que esse tipo de dieta atrapalha a fertilidade? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas, educadores físicos. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário