Como É um Teste de Esforço Físico?

Esforço físico, por definição: ação de forçar o corpo e os músculos. É o que acontece quando fazemos atividades que exigem bastante do nosso corpo, como carregar peso, subir muitos lances de escada, subir uma ladeira bem inclinada, correr, nadar, jogar futebol e quando praticarmos qualquer tipo de exercício físico.

O que ocorre durante o esforço físico? As fibras dos músculos se esforçam para realizar a tarefa que demandamos a elas, e quanto mais força elas fazem, mais oxigênio elas consomem. Esse oxigênio é transportado pela corrente sanguínea e ao abastecerem as fibras musculares, os pulmões começam a trabalhar num ritmo bem acelerado e por consequência o coração também acelera, bombeando o sangue com mais força. Esse é o motivo pelo qual a frequência respiratória e os batimentos cardíacos aumentam durante a prática de exercícios ou quando fazemos algum esforço físico.

Temos um limite, como saber?

Se fizermos uma corrida e ficarmos ofegantes, significa que não temos condicionamento físico para aquela atividade. O que fazer? Começar aos poucos e buscar exercícios que ajudam a melhorar o condicionamento físico.

Mas antes de tudo, antes de começar a praticar exercícios físicos, uma coisa é importante: uma criteriosa avaliação médica, pois se a nossa capacidade física não suportar determinados exercícios, isso acaba prejudicando nosso coração.

O esforço excessivo pode trazer problemas também a jovens e crianças, por isso os pais devem ter o cuidado de não incentivá-los a ser “sempre melhor que o colega” em esportes, pois isso acabará fazendo com que ele se esforce intensamente para superar o colega ou um amigo, o que pode acabar gerando um esforço físico além do que o corpo dele aguenta. Gestantes devem ter muito cuidado, pois o esforço físico muito intenso pode causar um aumento no tônus uterino, que pode acabar levando a um parto prematuro.

Para sabermos o nosso limite, o médico irá indicar que se faça um teste de esforço físico, chamado teste Ergométrico.

O que é o teste de esforço físico – o teste ergométrico?

É um teste que avalia amplamente o funcionamento cardiovascular, quando a pessoa é submetida a esforço físico progressivo, e é feito em uma esteira, ou às vezes em uma bicicleta ergométrica.

É o registro da atividade do coração durante um esforço físico, através de um eletrocardiograma, que também avalia o comportamento da pressão arterial e a aptidão física.

Como é feito um teste de esforço físico?

O teste ergométrico é realizado por um médico especializado, em uma sala equipada com a aparelhagem adequada e com algumas medidas de precaução, como ter um equipamento para desfibrilação em caso de emergência – parada cardiorrespiratória. Não se assuste, é precaução, pois é raro que algo do tipo aconteça.

A pressão arterial e os batimentos cardíacos são medidos primeiramente, em repouso. Depois são colocados eletrodos no paciente, estes ligados a um eletrocardiograma. O paciente então começa a caminhar na esteira e começa a ser feito com o protocolo escolhido.

Durante o teste de esforço, perguntas vão sendo feitas ao paciente com relação aos sintomas e respostas ao esforço, como cansaço, falta de ar, dor no peito, fadiga nas pernas, sensação de perder os sentidos, desmaio, tonturas, entre outras – o paciente vai  quantificando, com valores de 1 a 10. Após a primeira parte do esforço, há um descanso de 5 minutos e novamente a pressão arterial e os batimentos cardíacos são medidos.

O exame dura aproximadamente uma hora e é interrompido caso o paciente fique muito cansado ou apresente exaustão, caso apresente sintomas cardiovasculares anormais ou muita alteração no ritmo cardíaco.

O resultado é rápido – aproximadamente 30 minutos após o teste, já fica disponível ao paciente.

Complicações

Os riscos de complicações graves – como arritmias, parada cardíaca ou infarto – são muito baixos, estima-se que sejam na proporção de 1 a cada 20 mil exames. Mas não há motivos para deixar de fazer o exame por receio de complicações, uma vez que há o acompanhamento pelo médico especialista e há todos os recursos disponíveis e ao alcance para um atendimento imediato caso seja necessário.

Neste artigo falamos do teste de esforço físico como uma avaliação para o começo da prática de exercícios físicos. Essa é uma de suas funções, pois ele é feito para que se verifique a saúde cardiorrespiratória do paciente e se há alguma complicação e se alguma doença é detectada, ou como acompanhamento de pacientes que já tiveram problemas cardíacos e que estão em tratamento, recuperando-se da complicação.

Uma nota importante: a recomendação para uma avaliação antes de começar uma atividade física é porque algumas doenças cardiovasculares têm uma fase assintomática, e se a pessoa está nessa fase e ocorrer o esforço físico, a pessoa se exercitar muito acima da sua capacidade, pode haver consequências graves – por isso que às vezes ouvimos a expressão “morte súbita”, onde a pessoa não apresentava nenhum sintoma de que tivesse complicações, mas esforçou-se demais e o coração não aguentou.

Você já fez um teste de esforço físico? Como foi, você se sentiu muito cansado de acordo com a intensidade? Quais foram seus resultados? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (7 votos, média: 4,43 de 5)
Loading...

2 comentários em “Como É um Teste de Esforço Físico?”

  1. Muito bom o artigo, obrigado por dividir informações tao importantes para a saúde das pessoas.
    Só senti falta da informação sobre qual especialidade médica orienta ao teste de esforço físico. Seria um cardiologista, um clínico geral, onde realiza? Seria no próprio consultório deles ou existem clínicas especializadas para receber os pacientes com um pedido médico em mãos?

  2. Fiz hj teste ergométrico. Fiquei mto cansada, o medico disse q e falta de exercício, não consegui terminar..minha pulsação foi a160 bpm

Deixe um comentário