Ginástica Natural – O Que é, Benefícios, Exercícios e Dicas

Especialista:
atualizado em 16/01/2020

Se você não gosta de academia, pesos ou aparelhos, a ginástica natural pode ser a saída para você. Sem utilizar equipamentos, a Ginástica Natural trabalha o corpo todo ao combinar posturas da yoga e do jiu-jitsu, aliadas aos movimentos de alguns animais.

A proposta da ginástica natural é deixar você em forma com movimentos naturais, utilizando somente o peso do próprio corpo. Isso minimiza o risco de lesões e trabalha o corpo como um todo, além de não exigir coordenação para fazer os movimentos ensaiados da ginástica tradicional.

Além de ajudar você a mandar embora aqueles quilinhos a mais (o verão está chegando!), a ginástica natural irá deixá-lo mais disposto e energizado para encarar o dia-a-dia.

A ginástica natural pode ser praticada por pessoas de qualquer peso ou idade, e independentemente do seu nível de condicionamento físico.

O que é a Ginástica natural

Desenvolvida nos anos 90 pelo professor de Educação Física Álvaro Romano, a Ginástica natural nasceu a partir de seu desejo de criar uma modalidade que englobasse movimentos naturais e permitisse trabalhar não somente o corpo, mas também o lado mental dos praticantes. Seu objetivo final era uma ginástica que não precisasse de aparelhos, movimentos complicados e que deixasse seus praticantes bem física e mentalmente.

Álvaro criou a ginástica natural a partir da observação de como os animais interagem com o ambiente ao seu redor, fazendo movimentos harmônicos e que não causam lesões. Os movimentos da ginástica natural foram desenvolvidos para trabalhar não somente o corpo, mas também a mente e a consciência corporal. Você emagrece e relaxa ao mesmo tempo, o que torna a ginástica natural uma atividade completa. Alguns movimentos imitam as acrobacias dos macacos, outros as passadas dos felinos, e até alguns movimentos de solo do jiu-jitsu são incorporados à pratica.

Benefícios da Ginástica Natural

Dependendo da intensidade da prática, você pode queimar até 600 calorias em uma única hora de exercício. Mas as vantagens não param por aí, pois existem muitos outros benefícios da ginástica natural:

  • Não necessita de máquinas ou equipamentos – somente o peso do próprio corpo.
  • Você pode praticar a ginástica natural independentemente da sua idade ou peso.
  • Melhora a flexibilidade, equilíbrio e agilidade.
  • Trabalha o corpo e a mente ao mesmo tempo, além de aumentar a consciência corporal.
  • Pode ser praticada ao ar livre, na praia, no quintal, na sala (ou seja, praticamente em qualquer lugar).
  • Além de fortalecer a musculatura, você irá melhorar sua postura corporal.
  • Podemos dizer que, se combinada a uma dieta balanceada, a ginástica natural emagrece mesmo, pois oferece exercícios de alta intensidade e resistência. E de quebra você ainda pode ganhar uma barriguinha sarada, já que a ginástica natural trabalha muito bem a musculatura abdominal.

Exercícios

Como os movimentos da ginástica natural foram desenvolvidos a partir da combinação de diferentes modalidades, a prática permite trabalhar praticamente todos os músculos do corpo em uma única sessão.

Para quem não gosta de musculação, a ginástica natural pode ser uma ótima opção, pois permite fortalecer a musculatura sem utilizar equipamentos – o que inclusive reduz o risco de lesões associadas ao levantamento de peso.

Existem três níveis de intensidade na ginástica natural: iniciante, intermediário e avançado. Segundo o professor Álvaro, os iniciantes começam com atividades mais leves, concentrando na flexibilidade e no alongamento. Com a evolução dos treinos, o foco passa a ser na força e na velocidade, com exercícios mais intensos.

Veja nos vídeos abaixo alguns dos exercícios da ginástica natural:

https://www.youtube.com/playlist?list=PL_BIKeqE0khvWIUdBrt4pLYmQUIXu9QA6

Observação importante: não tente fazer na primeira aula tudo que você viu nos vídeos. Muitos dos movimentos apresentados são feitos por profissionais com muitos anos de prática. 

Dicas

Para obter todos os benefícios da ginástica natural, é importante que você siga essas dicas:

  • Para evitar lesões, não comece a prática sem aquecimento. Alongue e faça movimentos suaves para deixar a musculatura pronta para a atividade.
  • Procure um profissional: há academias que oferecem aulas de ginástica natural, e o professor Álvaro Romano também realiza cursos periodicamente.
  • Comece com os exercícios de ginástica natural mais simples, aumentando a dificuldade à medida que seu condicionamento físico e flexibilidade forem aumentando.
  • Se estiver se exercitando em casa ou ao ar livre, tome cuidado com superfícies escorregadias.
  • Devido ao alto impacto de alguns movimentos, grávidas devem evitar a ginástica natural, sobretudo nos estágios mais avançados da gravidez.
  • Para obter melhores resultados com a ginástica natural, a recomendação é de se exercitar de 2 a 3 vezes por semana, sempre respeitando os limites do seu corpo.

Cuidados com a prática de ginástica natural

Alguns exercícios oferecem impacto às articulações, e devem portanto ser praticados com cuidado. Se você tem algum histórico de lesão na coluna ou nos joelhos, evite algumas posturas que possam lhe trazer desconforto.

E, como em qualquer outra atividade física de alta intensidade, a hidratação é fundamental. Procure beber água durante a prática, pois a hidratação vai ajudá-lo a manter o pique durante a aula. E por falar em pique, não exagere na intensidade dos exercícios, exigindo demais do seu corpo. Respeite seus limites e avance com moderação, pois de nada adianta você queimar 800 calorias em uma aula e depois ter que ficar sem se exercitar por uma semana devido a uma lesão, não é mesmo?

Liberte o animal que existe dentro de você e mande embora aqueles quilinhos indesejados!

Você conhece alguém que pratique a ginástica natural? Já tinha ouvido falar nessa prática? Comente abaixo se você tem vontade de experimentá-la!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (15 votos, média: 3,60 de 5)
Loading...
Sobre Francisco Santana

Francisco José Santana é personal trainer, formado pela Univer Cidade RJ 2007, com certificação CORE360º treinamento funcional, Certificação Internacional FNS I e II em avaliação funcional, especializações em suplementação nutricional esportiva, Crosstraining - Scientific Sport, Cineantropometria aplicada, Primeiras ações em emergência, Prevenção de Doenças Laborais, Musculação, Ginástica Corretiva, Spinning (Johnny G), Técnica de Tecidos Moles - Miofacial, e Inteligência Emocional - ASICC

Deixe um comentário

6 comentários em “Ginástica Natural – O Que é, Benefícios, Exercícios e Dicas”

  1. Estou impresionada con essa modalidade que eu nao conhecia. Por detestar ambiente de academia, estou interesada. Onde posso praticar aqui no RJ?
    Tem no bairro da Tijuca?

  2. Ola, é possivel fazer uma aula rxperimental, gostaria de saber melhor os bemeficios para o surf.
    Sou estudante de massoterapia.

  3. Bom dia, quero praticar ginastica natural, gostaria de saber se tem algum lugar
    aqui na zona sul do rio de janeiro onde eu possa praticar.

  4. Já pratiquei essa ginástica natural a muito tempo, mas o prof saiu da academia, e não tivemos mais essa chance, existe alguma local aonde posso ter essas aulas em SP ?

  5. Olá, aonde eu posso praticar ginástica natural aqui no Rio de janeiro?
    Não conhecia e vi um documentário no canal Off e me interessei.
    Obrigado

  6. Alguns exercícios de ginastica natural são do yoga que existe há séculos,” saudação ao sol” é um deles.