Desvendado o Segredo Para Pessoas Mais Velhas Sentirem-se Jovens e Viverem Mais

Especialista:
atualizado em 29/01/2020

Muitos estudos sugerem que se sentir mais jovem pode realmente ajudar a viver mais tempo. Agora, novas pesquisas apontam para uma maneira de manter esse estado de espírito jovem, pelo menos para idosos: sentir-se no controle de sua vida.

“Nos dias em que você se sente no controle suas percepções – se sente mais controlado por si mesmo – você tende a se sentir mais jovem”, diz Jennifer Bellingtier, pesquisadora de pós-doutorado em psicologia da Universidade Friedrich Schiller, na Alemanha, na recente convenção anual da American Psychological Association (APA).

A pesquisa de Bellingtier envolveu o levantamento de 116 adultos com idades entre 60 e 90 anos, e 106 adultos com idades entre 18 e 36 anos, todos os dias durante nove dias. A cada dia, os participantes foram questionados com quantos anos eles sentiam naquele dia, e quão em controle de sua vida e de suas ações eles se sentiam naquele dia.

Pesquisas anteriores mostraram que é comum experimentar flutuações na “idade subjetiva” ou de quantos anos você tem. Isso se manteve verdadeiro para as pessoas no estudo: ambos os grupos experimentaram mudanças em sua idade subjetiva no dia a dia. Mas no grupo mais antigo, essas flutuações foram correlacionadas com a sensação de controle, diz Bellingtier.

Nos dias em que se sentiam mais no controle de suas vidas, as pessoas tendiam a se sentir mais jovens. No grupo de pessoas mais jovens, as mudanças pareciam estar ligadas a aspectos como níveis de saúde e estresse.

O poder de se sentir no controle pode ser ambíguo, diz Bellingtier. Um senso de controle pode impulsionar a saúde mental e reduzir a idade subjetiva, motivando as pessoas a fazerem escolhas saudáveis. “Quando você se sente mais controlado, você se sente mais jovem, e então você sente que pode realizar mais coisas”, diz Bellingtier. “Você sente que suas ações são importantes”. Isso poderia motivar uma pessoa a sair de casa e fazer exercícios ou fazer melhores escolhas nutricionais, diz ela.

Ambas as mudanças ambientais e internas poderiam melhorar o senso de controle de uma pessoa mais velha, diz Bellingtier. Como isso poderia se dar na prática?

Uma casa de repouso, por exemplo, poderia permitir que os idosos selecionassem suas próprias opções de comida e horário de refeição, em vez de exigir um cardápio fixo e a hora do jantar. Em um nível pessoal, até mesmo algo tão simples quanto pensar criticamente sobre todas as atividades diárias que uma pessoa exerce – desde o momento em que ela se levanta até os livros que decide ler – pode ajudá-la a se sentir fortalecida e mais capaz de realizar as coisas.

Sentir-se mais jovem do que a sua idade real também tem sido associado a um menor risco de demência e melhor saúde mental, e estudos sugerem que a idade subjetiva pode ser tão importante para a sua saúde quanto a idade cronológica.

Mas sentir-se no controle pode não ser a única maneira de se sentir mais jovem. Outra pesquisa apresentada na conferência da APA descobriu que a atividade física – especificamente a caminhada – foi associada a uma idade subjetiva mais baixa entre adultos com idades entre 35 e 69 anos. A interação social também pode ajudar adultos mais velhos a se sentirem mais jovens.

Você se sente mais jovem do que a sua idade real? Já acordou algum dia pensando nisso, tendo controle total sobre suas atividades? Acha que isso é importante mesmo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário