Oxandrolona – O Que é, Para Que Serve, Ciclo e Efeitos Colaterais

Pessoas fisicamente ativas e atletas sempre estão buscando apoios para um melhor desempenho nas atividades e melhor composição corporal. Dentre os produtos utilizados, podemos destacar a Oxandrolona, que beneficiar pessoas que buscam ganhar e perder peso.

É difícil encontrarmos um produto que atinja públicos diversos. É afirmado que a Oxandrolona emagrece e que também auxilia na recuperação de peso perdido, ou seja, são exatamente essas contraditórias afirmativas que exigem um estudo mais aprofundado sobre os efeitos do medicamento.

É fundamental sabermos as propriedades contidas nos suplementos, para que os conhecimentos possibilitem um uso mais seguro e com garantia de eficiência e ciência dos riscos. A partir de agora você poderá entender melhor quais são os benefícios e funcionalidades oferecidas pela Oxandrolona.

O que é?

O medicamento também pode ser conhecido como Anavar. A Oxandrolona é utilizada para ajudar pessoas a recuperar peso perdido devido a complicações de saúde, as quais podemos destacar como infecções, trauma, cirurgias e afins.

Afirma-se que a Oxandrolona é um esteroide anabolizante. É dito que ela se assemelha aos hormônios masculinos produzidos pelo corpo. No início, o Anavar ou Oxandrolona era recomendado para tratamentos voltados para anemias e infertilidade. Atualmente, a melhor forma de conseguir o medicamento com dosagens que ofereçam benefícios é a partir da manipulação.

Para que serve?

O medicamento serve para melhorar o desempenho atlético e aparência física, o que leva diversas pessoas a pensar que  Oxandrolona emagrece, apesar de ainda necessitarmos de estudos mais aprofundados para confirmar essa eficiência.

Afirmar que Oxandrolona emagrece pode ser algo incorreto, pois esse benefício só pode ser adquirido através da adoção de uma dieta com restrição calórica voltada para a redução de percentual de gordura. O medicamento favorece apenas o crescimento de massa magra, o que contribui, porém, de forma indireta para o emagrecimento, já que os músculos influenciam no funcionamento do metabolismo basal.

A Oxandrolona pode oferecer efeito de reforço muscular, ou seja, contribui para que você tenha um melhor desempenho durante as atividades físicas, com mais força. Oferece baixo efeito anabólico, não provoca retenção de líquidos e quando comparada a outros esteroides, oferece menos efeitos colaterais. No entanto, traz riscos sérios e que podem até ser fatais.

Como tomar Oxandrolona?

Você pode tomar o medicamento por via oral. Normalmente o consumo é feito duas ou quatro vezes por dia, mas pode ser dosado de forma particular a ser indicado por um médico. Recomenda-se o consumo junto com alimentos ou leite, para que não ocorra dores no estômago. Você pode tomar a Oxandrolona por via oral ou injetável. As dosagens são recomendadas de acordo com as particularidades individuais e reações do organismo.

Consumidores de Oxandrolona tomam o medicamento com regularidade, para que obtenham o máximo de benefício, mas a ingestão do mesmo é recomendada apenas para curtos períodos, e é exatamente por isso que diversas pessoas optam por ciclos.

Ciclo

A Oxandrolona pode ser caracterizada como uma droga que necessita de altas dosagens para poder oferecer resultados notáveis. As dosagens variam de pessoa para pessoa, pois são recomendadas de acordo com as necessidades e objetivos particulares. Seu consumo é feito por meio de ciclos, onde se pode obter benefícios mais notáveis, quando referentes ao crescimento de massa muscular.

Mulheres são as mais adeptas do medicamento. Elas podem obter um pequeno crescimento de massa muscular e aumento na resistência física durante seus treinos. As dosagens pequenas oferecem riscos menores.

O ciclo de Oxandrolona pode ser combinado com testosterona, trenbolona, stanozolol e boldenona, mas ambos não podem ser feitos por via oral. Os ciclos são fundamentais para a garantia de reconhecimento dos resultados oferecidos pelo esteroide. As mulheres apenas podem consumir junto com stanozolol em forma injetável e nandrolona para atletas avançados.

Os ciclos de Oxandrolona podem ser atribuídos da seguinte forma:

  • Homens podem tomar de 30 a 100 mg por dia, já mulheres podem adequar o consumo de 10 a 30 mg por dia;
  • A versão em comprimidos pode ser consumida de 8 a 12 comprimidos diários para homens e de 4 a 6 comprimidos para mulheres.

Efeitos colaterais

O consumo de Oxandrolona pode ocasionar diversas consequências, como o aumento de probabilidade de doenças cardíacas, acidente vascular cerebral, ruptura de tendões e ligamentos, doença hepática, desenvolvimento ósseo inadequado em adolescentes e outros efeitos secundários.

O consumo do medicamento ainda pode ocasionar náuseas, vômitos, dores de cabeça, diminuição de libido e até queda de cabelo. Caso você identifique alguns desses sintomas, interrompa o uso imediatamente.

Se a Oxandrolona for indicada por um médico, é indispensável que você comunique essas reações, pois há pessoas que utilizam esse medicamento, mas não têm efeitos colaterais.

Em homens, os efeitos colaterais mais comuns são o inchaço no peito e ereções frequentes e prolongadas. Já em mulheres, pode-se identificar o crescimento de cabelos no rosto e no corpo, irregularidades nos períodos menstruais, rouquidão e engrossamento da voz. Casos de reações alérgicas são raros, no entanto, não são descartadas.

Contraindicações

Pessoas com diabetes não devem consumir Oxandrolona, pois o medicamento pode ocasionar diminuição dos níveis de açúcar na corrente sanguínea. Caso ocorra a diminuição desses níveis, é fundamental que o médico seja comunicado. Criança e idosos também não devem se submeter a tratamentos com Oxandrolona, pois pode ocasionar consequências à saúde dos ossos. Gestantes e mulheres em fase de amamentação devem se manter longe, pois pode prejudicar a formação do feto e principalmente comprometer a composição do leite materno.

Dieta e exercícios físicos

É fundamental que você reavalie as atitudes escolhidas para modificar suas medidas corporais. O mais seguro é escolher tratamentos naturais e que não ofereçam efeitos secundários. Busque praticar exercícios físicos para auxiliar na queima de calorias diárias e principalmente para desfrutar de benefícios também para a sua saúde. A dieta é fundamental para mudanças corporais, independente do uso de Oxandrolona ou não.

Você conhece alguém que tenha feito ciclo de Oxandrolona e obtido bons resultados? Tem vontade de experimentar, mesmo sabendo dos possíveis efeitos colaterais? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1.173 votos, média: 3,79 de 5)
Loading...

537 comentários em “Oxandrolona – O Que é, Para Que Serve, Ciclo e Efeitos Colaterais”

  1. Nunca tomei,Quero muito usar mas por pouco tempo, porém estou na dúvida por causa dos efeitos colaterais.

  2. Gostaria de saber de quanto em quanto tempo
    Tipo termina um pacote
    Espero quanto tempo pra tomar o próximo

  3. Comecei a tomar faz 2 dias 30 mg fracinado em 3 vezes ao dia, mais junto estou tomando vários suplementos para combater as reações que ele pode causar.

  4. Meu ginecologista passou 20 dias de 10mg e mais 20 dias de 20mg, mandei manipular , malho a muitos anos ,nos 20 primeiros dias consegui 3 kg

    • Opa Lucas, tudo bem? Tenho 16 anos e sou uma garota, já tentei todos os métodos possíveis para engordar, porém não funciona por genética, gostaria de saber se tomando uma dosagem menor os efeitos colaterais tem chances menores de ocorrer, grata desde já 🙂

  5. ALGUEM PODE ME RESPONDER ESTOU TOMANDO OXONDROLONA AS 15 DIAS E AGORA COMEÇOU A ME DAR DOR NOS TESTICULOS E NA BEXIGA??

  6. Olá, estou tomando faz 3 semanas, mas confesso que não sei se é para mim. Quem me receitou foi meu endócrino, porém, a barriga está extremamente inchada e sei que é normal, o problema é a dor no estômago que estou sentindo, está incomodando MUITO e estou pensando em parar de tomar durante um tempo…

    • Sara boa tarde.
      Eu tomei durante 3 meses, mas meu endócrino receitou um pool de lactobacilos para evitar esse desconforto.
      Não podemos passar de três meses usando.
      Agora ela retirou a oxa e estamos fazendo um tratamento de reposição de testosterona.
      Grande abraço.
      Sandra

    • Eu estava tomando ha 15 dias e comecei a sentir dor no estômago e resolvi parar e fazer exame. Resultado: meu fígado estava inflamado. Não sei se é o seu caso, mas deveria fazer exame TGO e TGP para verificar o fígado.

Deixe um comentário