Para que serve a prata coloidal – Faz mal?

Especialista da área:
atualizado em 19/01/2021

Já te indicaram a prata coloidal para algum problema de saúde? Veja aqui para que serve a prata coloidal e entenda se ela faz mal ou bem para a saúde. 

  Continua Depois da Publicidade  

A prata coloidal é uma suspensão de partículas de prata bem pequenas em um solvente – que pode ser a água ou outro líquido. Ela é conhecida por suas propriedades antibacterianas e, por isso, é muito usada para:

  • Desinfetar instrumentos usados pelo dentista;
  • Esterilizar equipamentos médicos;
  • Tratar feridas na pele.

Aliás, aproveite para conferir quais os melhores produtos para cicatrização de feridas.

Algumas pessoas também têm usado a prata coloidal de forma oral, mas será que isso é seguro para a saúde?

Entenda mais sobre os usos e riscos da prata coloidal.

Para que serve a prata coloidal

aplicação da prata para desinfecção

A ação bactericida da prata permite que ela seja usada em diversos processos industriais úteis para a saúde humana, como por exemplo:

  • Desinfecção de frutas e legumes;
  • Esterilização de materiais de uso médico e ortodôntico;
  • Remoção de impurezas da água.

No entanto, existe uma controvérsia sobre a ingestão da prata coloidal, já que a maioria dos cientistas concorda que apenas o seu uso externo é seguro.

Muita gente procura a prata coloidal por acreditar que ela pode prevenir ou ajudar no tratamento de doenças, como por exemplo:

Supostamente, a prata coloidal funciona como um remédio natural que estimula o sistema imunológico e, por isso, ajuda a tratar diversas doenças. Mas nenhum desses possíveis efeitos é comprovado.

Há inclusive algumas fake news de que a prata coloidal pode ser útil no combate ao coronavírus, mas não existem provas.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, a FDA (agência americana que regulamenta alimentos e remédios) afirma que além de não ter comprovação científica sobre os benefícios da prata coloidal, ela pode fazer mal.

De acordo com o National Center for Complementary and Integrative Health, as pessoas podem até mesmo colocar a saúde em risco ao usar a prata coloidal em prol de um benefício que não foi comprovado por pesquisas científicas.

Assim, se você tem alguma condição de saúde para tratar, pergunte ao seu médico quais são suas opções de tratamento ao invés de apostar todas suas fichas na prata coloidal.

Riscos

Apesar do efeito antibacteriano do suplemento de prata coloidal, ele não é capaz de eliminar uma infecção após a ingestão.

Além disso, a prata é um metal que não existe naturalmente no corpo humano. Assim, quando a prata se acumula no organismo, podem ocorrer efeitos colaterais muito ruins.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a prata coloidal a longo prazo pode causar efeitos como:

  • Fadiga;
  • Alteração da cor da pele (argiria);
  • Cardiomiopatia;
  • Toxicidade;
  • Amnésia;
  • Fala incoerente.

De fato, o uso oral da prata coloidal tem diversos riscos para a saúde. Um dos mais notáveis é a argiria, uma condição causada pelo acúmulo de prata no organismo.

Quando usada a longo prazo, a suspensão leva ao acúmulo de sais de prata que se depositam na pele, nos olhos, nas gengivas e nos órgãos internos. Esse excesso de prata é tóxico e pode deixar a pele com tom azulado ou acinzentado.

  Continua Depois da Publicidade  

Outro problema de usar a prata coloidal por via oral é que ela pode prejudicar a absorção de certos remédios, como por exemplo:

Quando a prata é segura?

creme de prata coloidal na pele

O uso na pele de pomadas e géis contendo prata coloidal podem trazer alguns benefícios. De fato, elas são consideradas mais seguras do que a suspensão para uso oral.

Alguns exemplos de benefícios do uso da prata na pele são:

  • Cicatrização de feridas;
  • Auxílio no tratamento contra a acne;
  • Combate a infecções;
  • Tratamento e prevenção de conjuntivite em recém-nascidos.

De acordo com um estudo publicado em 2007 na revista International Wound Journal, curativos com prata têm uma barreira mais eficaz contra infecções quando comparado com outros tipos de curativos para a pele.

Além disso, é comum encontrar a prata coloidal como um ingrediente em produtos cosméticos para o tratamento da acne e também em colírios.

Sendo assim, o uso tópico por período curto e em pequenas quantidades não representa risco à saúde.

Por outro lado, o uso oral de prata coloidal como um suplemento oral de uso contínuo não é recomendado devido aos possíveis efeitos colaterais e falta de comprovação científica de seus benefícios.

Existem formas muito mais seguras e eficazes para cuidar do seu sistema imunológico, como ter uma boa alimentação e praticar atividades físicas regularmente.

Por fim, caso você acredite que seu corpo está precisando de mais nutrientes, procure um nutricionista ou médico para te orientar.

Fontes e Referências Adicionais

Você já usou suplementos de prata coloidal? Pretende usar para que aproveite algum benefício? Então, comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dr. Alexandre Seraphim

Dr. Alexandre Seraphim é Nutrologista - CRM 52.978779. Formou-se médico pela Universidade do Grande Rio e é pós-graduado em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia. Possui diversos cursos na área de emagrecimento, hipertrofia e medicina ortomolecular que o qualificam ainda mais como um grande especialista da área. Atualmente, exerce sua especialidade em uma clínica localizada na Barra da Tijuca e também em Bangu, ambas no Rio de Janeiro. Para mais informações, entre em contato com ele em sua conta oficial no Instagram (@dr.alexandre.seraphim).

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário