Sensor Freestyle Libre – Como Funciona, Benefícios e Dicas

Especialista:
atualizado em 21/01/2019

Os avanços para o tratamento e controle da diabetes tipo 1 e tipo 2 cresceram absurdamente, desde a invenção da insulina em 1921. No entanto, alguns métodos continuam sendo muito incômodos e invasivos, como o monitoramento dos níveis de açúcar, que requer incontáveis ​​punções para tirar sangue.

Com o objetivo de eliminar esse procedimento, muitos produtos foram lançados recentemente para monitorar os níveis de glicose no sangue, entre eles está o sensor Freestyle Libre. Ele é um sistema de monitoramento de glicose, fabricado pela Abbott Diabetes Care Inc. e sua principal diferença, quando comparado aos demais, é não precisar realizar picadas no dedo duas vezes por dia para calibrar as leituras, ou seja, o sensor Libre requer calibração zero.

Obtenha mais informações sobre o sensor Freestyle Libre, saiba como ele funciona, seus benefícios e também algumas dicas.

Sensor Freestyle Libre – Como funciona?

Freestyle Libre é um sensor de monitoramento de glicose. Ele é um dispositivo portátil que permitem medir e visualizar a concentração de glicose no sangue continuamente, por vários dias. Através dessas informações é possível melhorar o conhecimento sobre flutuações e dinâmica da glicose, revelando episódios hipoglicêmicos e hiperglicêmicos para tomar decisões de gerenciamento.

O sensor Freestyle Libre foi aprovado em setembro de 2017  pela FDA e é considerado o primeiro dispositivo de monitoramento de glicose que não requer testes com punção digital para calibração, pois o dispositivo vem calibrado de fábrica.

As duas partes fundamentais para realizar esse processo é um sensor e um leitor e cada um realiza uma função específica.

– Sensor

Ele contém uma fina agulha maleável, e é inserido no tecido subcutâneo. Sua finalidade é medir um sinal elétrico proporcional à concentração de glicose presente no líquido intersticial a cada minuto. Diferente do que muitas pessoas pensam, o sensor não fica em contato com o sangue.

O modelo Freestyle Libre tem um sensor redondo que deve ser aplicado na parte posterior superior do braço com um dispositivo simples e descartável que o acompanha, chamado “aplicador”. Quando o sensor é aplicado, um pequeno filamento estéril e flexível é inserido sob a pele e ele permanece fixo no local por causa de uma camada adesiva.

– Leitor

Ele é um dispositivo portátil, que recebe o sinal do sensor e o visualiza em um monitor. Através desse aparelho é possível realizar a leitura da glicose das últimas horas, assim como uma “fotografia” daquele momento e a sua tendência.

Os dados dos últimos meses também são armazenados, sendo assim o diabético consegue fazer uma análise mais ampla, para entender as oscilações mais comuns. Particularmente, esse dispositivo vem sendo alvo de muitos investimentos. Recentemente a Abbott lançou o aplicativo FreeStyle LibreLink para iPhone 7 (ou posterior) e Android. O FreeStyle LibreLink permite que os usuários do seu sensor leiam seus dados de açúcar no sangue diretamente em um smartphone, dispensando o dispositivo de leitura portátil separado.

Benefícios

O principal benefício obtido com o uso do sensor é manter controlado os níveis de glicose e evitar problemas relacionados, preservando assim a saúde, mas existem também outras vantagens.

  1. O sensor é fácil de aplicar, se comparado a outros monitores de glicose: O Freestyle Libre Abbott é vendido inicialmente como um kit, que inclui um aplicador de sensor. Esse objeto ajuda a introduzir o sensor na pele de forma mais rápida, precisa e indolor.
  2. Discreto: O sensor Libre é pequeno, seu tamanho é muito semelhante a uma moeda de 1 real. Geralmente ele é aplicado na parte posterior superior do braço, um local que pode ser facilmente coberto pela roupa, impedindo que ele fique visível, caso essa seja a sua preferência.
  3. Duração prolongada: Os materiais que são usados permitem que o usuário faça todas as atividades com ele. Por exemplo, a pessoa pode tomar banho, nadar, praticar exercícios físicos e dormir sem precisar remover o sensor em nenhum momento. O sensor Freestyle Libre foi desenvolvido para ser resistente à água e sua duração é de até 14 dias.
  4. Não precisa de calibragem: O sensor Libre já vem calibrado de fábrica, isso significa que não existe a obrigatoriedade de se submeter às “picadas” no dedo para checar os níveis de açúcar no sangue, como acontece com outros modelos.
  5. Leitor com tecnologia de leitura rápida e que permite inserir informações: O leitor é capaz de capturar as informações em apenas 1 segundo. Então, para fazer a leitura da glicose, basta aproximar o sensor e o leitor, um processo que pode ser feito através da roupa, sem dor e com muita rapidez.

A leitura entrega informações atualizadas da glicose, assim como o histórico glicêmico das últimas 8 horas e uma seta de tendência mostrando se a glicose está subindo, baixando ou mudando lentamente para que o usuário verifique se precisa ficar atento ou interferir de alguma forma.

O leitor armazena os dados por 90 dias e fornece um panorama completo da glicose do paciente ao longo de três meses. Dessa forma, é possível tomar conhecimento das oscilações, assim como em quais momentos ela mais acontece, e essas informações podem ajudar a equipe médica a fazer as adaptações necessárias no tratamento. Além disso, permite adicionar notas de alimentos e doses de insulina que foram administradas durante o uso.

Dicas

Mudar a forma de acompanhar os seus níveis de glicose no sangue pode exigir um período de adaptação, assim como a administração de muitas situações novas que podem acontecer. Visando acelerar esse processo, trouxemos aqui algumas dicas valiosas.

1. Aplique o sensor Libre em um local plano

Encontre uma região plana, o mais alto possível na parte interna do seu braço para posicionar o seu sensor. Isso é importante porque assim o sensor correrá menos riscos de sofrer uma colisão, com pessoas ou objetos, pois se isso acontecer pode remover o sensor. Encontrar um local plano também pode aumentar a sua fixação e evitar que ele descole precocemente nas bordas.

2. Inicie o uso do sensor à noite, antes de ir para a cama

As primeiras 24 horas podem apresentar uma incompatibilidade com os níveis reais de glicose. Considerando este ponto, se você inserir o sensor antes de dormir, ele terá o tempo necessário para se estabelecer em um período onde os níveis costumam ser um pouco mais estáveis. Outra opção é aplicar o sensor e iniciar após 12 ou 24 horas.

3. Use um adesivo externo para reforçar a aderência

O adesivo pode descolar, principalmente nos dias mais quentes e também após períodos de transpiração excessiva, como acontece durante os exercícios. Se você perceber que isso também acontece com o seu sensor, é possível encontrar no mercado alguns adesivos externos para reforçar a aderência de seu sensor e evitar que ele saia antes do tempo.

4. Seja cauteloso antes de tomar uma decisão

Se você está acostumado a realizar a punção digital para fazer a leitura da glicose, ao trocar para o monitoramento com um sensor de leitura rápida, você pode ver a todo instante o que está acontecendo com os seus níveis, inclusive depois das refeições e durante as atividades cotidianas.

Então, não esqueça que é normal existirem oscilações. Por exemplo, logo após o almoço é possível que seu leitor sinalize uma seta de tendência ascendente informando que a glicose está se movendo para um determinado caminho, mas possivelmente ela mudará quando a insulina começar a funcionar. Então, é preciso ser paciente e cauteloso antes de tomar antes de tomar uma decisão.

5. Não fique obcecado com as pequenas variações

É importante frisar que você não obterá a mesma leitura de dois equipamentos diferentes, considerando principalmente que um sensor realiza a leitura do líquido intersticial, enquanto um medidor usa o sangue.

Ter pequenas variações é normal e quanto maior o seu nível de açúcar no sangue, maior será a diferença entre os números obtidos com o seu medidor. Sendo assim, se você sofre com altos níveis, veja com o seu médico como essa condição deve ser considerada quando você estiver usando um sensor.

6. Mudança de ambientes pode causar oscilações momentâneas nas leituras

Mudanças de temperatura e iluminação que acontecem quando você sair do chuveiro quente para um local mais frio, ou passa de um local escuro para um claro, tendem a provocar mudanças momentâneas, embora não seja uma regra. Se isso acontecer, faça uma nova leitura novamente depois de alguns minutos para tomar qualquer ação mediante os resultados.

7. Respeite o tempo de 6 minutos depois de realizar intervenções de tratamento

O fato de o sensor Freestyle Libre medir o fluido intersticial sob a pele, que é diferente do sangue na ponta dos dedos trás uma leitura “atrasada” se os métodos forem comparados. Isso é especialmente importante quando os níveis de glicose estão se movendo rapidamente, então se você acabou de tratar uma hipoglicemia, saiba que será necessário aguardar mais alguns minutos para o seu leitor alcançar os dados. Se precisar entender prontamente se a medicação ingerida fez efeito, ou se os sintomas que você experimenta não coincidem com a leitura do sensor, realize uma punção digital.

8. Em caso de dúvidas ou problemas, sempre procure ajuda do fabricante

Se o seu sensor soltou antes do tempo, desligou ou se as leituras estão fora de sintonia, busque ajuda do fabricante para entender como proceder. Certamente ele terá um serviço à disposição para te auxiliar e recomendar a melhor solução.

Onde comprar?

O sistema de monitoramento de glicose FreeStyle Libre é indicado para pessoas com diabetes (independente do tipo), a partir de 4 anos de idade. Ele não precisa de receita médica, mas para adquirir é necessário primeiro efetuar seu cadastro no site da FreeStyle Libre (freestylelibre.com.br).

O interessado será direcionado para um parceiro conveniado para realizar a compra. Ele, por sua vez, exige que o cliente concorde com o compartilhamento de seus dados, conforme assinalado ao ingressar no site e após estar previamente cadastrado poderá adquirir somente um leitor.

As compras são realizadas com o CPF informado no ato do cadastro, e cada cliente poderá adquirir até 2 sensores em sua primeira compra e até 4 sensores a partir da segunda compra. Para garantir o uso responsável e adequado do sensor FreeStyle Libre, a segunda compra de sensores só poderá ser realizada 10 dias após a compra anterior.

O kit inicial custa R$ 599,70, e é composto por um leitor e dois sensores que duram até 14 dias cada. Para continuar usando é preciso comprar novos sensores, e eles podem ser encontrados em kits com duas unidades, que custam R$ 239,90, porém é possível também realizar a compra de quatro unidades ou seis, e os valores podem sofrer variação conforme a promoção e componentes presentes no kit.

Usar o sensor FreeStyle Libre te permite conhecer as oscilações de seus níveis de glicose no sangue em todos os horários do dia, e ter acesso a informações para que você possa realizar as intervenções necessárias, sem precisar recorrer as punções digitais. Através dos dados obtidos também é possível ajudar o seu médico a definir o protocolo de tratamento mais adequado, garantindo o correto gerenciamento da doença e a sua qualidade de vida.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar no sensor Freestyle Libre? Já foi receitado pelo seu médico para tratar a diabetes? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 4,25 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário