Acne

Vitamina D para Acne Funciona?

Presente em alimentos como gema de ovo, fígado, cogumelos, grãos e peixes de água salgada, a vitamina D também é fornecida ao nosso organismo por meio da exposição ao sol.

Segundo a Escola Médica da Universidade de Harvard nos Estados Unidos, a vitamina D é conhecida por ajudar a construir ossos fortes por meio do aumento da absorção de cálcio e fósforo por parte do organismo. O nutriente também atua no sistema nervoso, no sistema muscular e no sistema imunológico. Mas será que também existem benefícios da vitamina D para acne e pele no geral?

O National Institutes of Health’s Office of Dietary Supplements (Agência de Suplementos Alimentares dos Institutos Nacionais de Saúde, tradução livre) recomenda que as pessoas adultas consumam 600 unidades internacionais ou 15 microgramas de vitamina D diariamente.

A acne

Antes de analisarmos propriamente se há importância da vitamina D para acne ou não, vamos entender do que se trata essa condição tão incômoda.

Pois bem, a acne é desenvolvida quando secreções oleosas que vêm das glândulas sebáceas tampam as pequenas aberturas dos folículos capilares (poros obstruídos). Quando as aberturas são largas, essas obstruções aparecem na forma de manchas pequenas e lisas com o centro escurecido.

Já quando as aberturas permanecem pequenas, o que se tem são obstruções na forma de protuberâncias pequenas e com cor de carne. Ambos os tipos podem tornar-se inflamações inchadas e macias, espinhas, caroços mais profundos ou nódulos.

A condição geralmente começa durante a puberdade entre as idades de 10 e 13 anos e costuma ser pior em pessoas que possuem a pele oleosa. A acne dos adolescentes usualmente dura de cinco a 10 anos e normalmente vai embora durante a faixa inicial dos 20 anos de idade.

O problema atinge ambos os sexos, ainda que os meninos adolescentes tenham mais tendência a apresentar os casos mais severos.

E engana-se quem pensa que a acne atinge somente aqueles que estão passando pela puberdade: aproximadamente 20% dos casos da condição ocorrem em adultos e as mulheres são mais propensas do que os homens a ter formas leves a moderadas de acne dos 30 anos para a frente.

E então, a vitamina D para acne funciona?

Segundo informações, a vitamina D não é listada como um dos fatores de risco oficiais para a acne.

Entretanto, um estudo realizado por pesquisadores da Turquia indicou que pessoas que tinham a acne nódulo-cístic tinham risco de sofrer com sintomas mais severos e tinham baixos níveis de vitamina D.

Outra pesquisa – conduzida por cientistas da Coréia do Sul – apontou que pessoas com acne tiveram a melhora expressiva dos seus sintomas quando tomaram suplementos orais de vitamina D.

A vitamina D é dotada de propriedades antimicrobianas e portanto, se a acne for provocada por um crescimento excessivo de bactéria, o uso tópico de vitamina D pode acalmar os sintomas.

Entretanto, são necessários mais estudos científicos para confirmar como esse processo poderia funcionar. Portanto, só use a vitamina D para acne depois de conversar com o dermatologista.

A vitamina D possui propriedades anti-inflamatórias e ter níveis apropriados do nutriente no organismo pode auxiliar a enfrentar os sintomas inflamatórios da acne.

Tomar suplementos de vitamina D também poderia ser uma alternativa para o tratamento da acne recorrente que aparece vermelha e inflamada. No entanto, novamente, antes de utilizar o produto para essa finalidade, você precisa consultar o dermatologista.

Por outro lado

Vale registrar que, a mestra em nutrição Keren Price escreveu um artigo onde listou as melhores vitaminas para a acne e não apontou a vitamina D como uma delas.

Cuidados com os suplementos de vitamina D

Antes de começar a utilizar qualquer produto tópico ou suplemento de vitamina D para acne ou qualquer outra finalidade, é fundamental conversar com o médico. No caso de uma questão de pele como a acne, você precisa consultar-se com um dermatologista para que ele avalie o grau do seu quadro e determine qual o tratamento indicado e se isso inclui a vitamina D ou não.

Tenha sempre em mente que este artigo serve unicamente para informar, porém, jamais pode substituir o diagnóstico ou a prescrição do médico.

A consulta médica também é necessária para conferir se o produto ou suplemento em questão não é contraindicado para você ou não pode interagir com um remédio, suplemento ou planta medicinal que você esteja utilizando e saber qual a dosagem apropriada e segura para a sua saúde. Até porque o excesso de vitamina D pode trazer problemas para o organismo.

Como uma vitamina solúvel em gordura, a vitamina D pode acumular no tecido adiposo em níveis perigosos, caso seja ingerida em excesso. Consumir muita vitamina D pode resultar em muito cálcio no sangue, o que, por sua vez, provoca fadiga ou problemas renais.

A ingestão de vitamina D em excesso também pode provocar efeitos colaterais como náusea, vômito, prisão de vente, fraqueza, ritmos cardíacos anormais e confusão mental.

Tomar muita vitamina D ao longo do tempo também pode resultar em problemas como calcificação de tecidos e danos aos órgãos.

Referências Adicionais:

Você já utilizou algum tipo de produto tópico de vitamina D para acne? Conhece alguém que tenha usado e tido bons resultados? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*