Publicidade

 

Cápsulas

Glucosamina Engorda?

Glucosamina é um suplemento para as juntas e articulações do corpo que promete lubrificá-las, facilitando o deslizamento das mesmas, combater e prevenir a artrite e a artrose e trazer um efeito anti-inflamatório natural. O produto ainda pode ser utilizado para prevenir a degradação do colágeno do tipo II, que é uma proteína que contribui com a garantia da saúde das articulações.

Publicidade

Naturalmente presente no organismo, a glucosamina é encontrada em grandes concentrações nas articulações e cartilagens. Ela é utilizada pelo corpo para a produção de glicosaminoglicanos. Esses compostos de nome complicado contribuem justamente para a lubrificação das articulações.

Como nem sempre a produção natural da glucosamina é suficiente para suprir as necessidades do organismo em relação à substância, especialmente para pessoas quem possuem o hábito de levantar grandes cargas ou realizam os mesmos exercícios repetidas vezes e devido ao fato de que os níveis do composto caem com o passar dos anos, pode ser preciso fazer uso de suplementos para oferecer ao corpo a quantia que ele requer.

Glucosamina engorda? 

Quem se preocupa com a boa forma e não deseja engordar certamente fica preocupado e com dúvidas a respeito de um novo medicamento ou suplemento que precisa tomar, por ter medo de que ele possa trazer a reação de ganho de peso.

E em relação ao suplemento citado acima, será que glucosamina engorda? A resposta é não. Não é possível afirmar que glucosamina engorda tendo em vista que esse não é um dos efeitos colaterais que o produto pode apresentar.

Além disso, ele não apresenta reações adversas como desaceleração do metabolismo, aumento do apetite, cansaço, fraqueza ou fadiga, que podem direta ou indiretamente causar um acréscimo na ingestão de calorias ou uma diminuição na quantidade de calorias gastas, fatores que estão associados ao aumento do peso.

Entretanto, caso você engorde enquanto utiliza o suplemento, a recomendação que deixamos é que procure o seu médico para descobrir o que está acontecendo e se o ganho de peso está mesmo associado ao consumo de glucosamina ou se ele está associado a outros fatores como uma dieta inadequada, calórica e desequilibrada, acompanhada de um quadro sedentarismo, por exemplo.

O suplemento glucosamina funciona? 

Uma pesquisa realizada no ano de 2010 analisou outros 10 estudos que avaliaram os resultados da suplementação com o produto em relação à diminuição das dores articulares e no que se refere à prevenção da redução do espaço articular.

Publicidade

Denomina-se espaço articular a distância em se encontram os ossos de determinada articulação. Quando essa distância é menor do que o normal, tem-se o indício de que a cartilagem está danificada.

A pesquisa em questão concluiu que apesar do suplemento glucosamina realmente trazer uma diminuição nas dores das articulações, essa redução não pode ser considerada suficiente para ser classificada como clinicamente relevante.

Em outras palavras, por mais que o produto amenize as dores, ele não é entendido como bom o bastante para ser utilizado no tratamento de doenças.

Por outro lado, outros estudos mostraram que esse tipo de suplementação pode aliviar casos leves a moderados de osteoartrite nos joelhos, uma doença das articulações que é caracterizada pelo desgaste das cartilagens acompanhado de alterações nas estruturas ósseas encontradas próximas.

Além disso, de acordo com a Academia Americana de Cirurgiões Ortopédicos (AAOC, sigla em inglês), tomar suplementos de glucosamina pode diminuir o estreitamento das articulações associado ao envelhecimento, o que resulta em danos menores à cartilagem.

A substância pode ser utilizada juntamente com outro composto, a condroitina, que já foi associada à melhoria da dor e da função articular em pessoas diagnosticadas com osteoartrite. Acredita-se que a associação entre a glucosamina e a condroitina possa potencializar os efeitos em relação ao controle dos sintomas da osteoartrite.

De qualquer maneira, a melhor forma de saber se o suplemento funciona ou não para o seu caso é consultar o seu médico de confiança antes de comprar o produto. É ele que conhece o seu problema, acompanha o seu tratamento e saberá definir qual suplemento ou medicamento é mais benéfico para a sua situação.

Efeitos colaterais e contraindicações

Não são conhecidos efeitos colaterais graves em decorrência do uso do suplemento glucosamina quando a utilização é realizada dentro das doses recomendadas. Entretanto, pode ser que problemas como desconfortos gastrointestinais, perturbação no estômago, azia, sonolência, dor de cabeça, náusea, diarreia, inchaço, prisão de ventre e erupção cutânea sejam desenvolvidos após o uso do produto.

Publicidade

Pessoas que sofrem com alergia a mariscos devem ter cuidado a fazer uso do suplemento, visto que ele é fabricado a partir da extração da glucosamina dos mariscos.

Além disso, para os diabéticos, é possível que a substância agrave o quadro de resistência à insulina. Por conta disso, recomenda-se que os indivíduos diagnosticados com diabetes que também utilizam o suplemento tenham a precaução de fazer análises regulares de sangue como forma de verificar se o produto não agravou a resistência à insulina.

Para ter segurança em relação ao uso do produto, o melhor a se fazer é consultar-se com um médico e verificar com ele se você pode ou não utilizar a glucosamina, principalmente se você sofrer com algum tipo de condição de saúde como doença dos rins, doença do coração, pressão arterial alta, distúrbios do sangue ou qualquer outro problema de saúde ou estiver fazendo uso de algum tipo de medicamento.

Isso é importante para que você não comece a usar o suplemento por conta própria e sofra com algum problema por não saber identificar que ele não é apropriado para a sua saúde.

Como tomar o suplemento glucosamina? 

Geralmente recomenda-se ingerir o suplemento três vezes ao dia em doses de 500 mg por vez. No entanto, a dosagem ideal deve ser prescrita pelo médico. Há ainda a orientação por parte de especialistas que o suplemento seja consumido em conjunto com a alimentação como forma de evitar que ocorra uma perturbação no estômago.

Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)

Publicidade

Você conhece alguém que tenha tomado e afirme que o suplemento de glucosamina engorda? Também tem a necessidade desta suplementação? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 3,25 de 5)
Loading...


RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

2 comentários

  1. Tenho feito uso desde o meados de 2016, indicado por reumato, e me fez um bem enorme. Sentia dores BEM DESAGRADÁVEIS E CONSTANTES no joelho, no dedo do pé e na coluna e só diminuiam com relaxantes musculares. Na ressonância feita da coluna, uma osteoartrite, além dos demais itens que deixo de citar aqui. Dormia e acordava com dores. Posso dizer que esse médico acertou na mosca.

  2. Tinha dores muito fortes no quadril em razão de diversos problemas, inclusive uma fratura que gerou problemas ñ as cartilagens. A prescrição de glucosamina e condroitina diminuiu muitas dores. De quebra, parei de ter dores lombares que me incomodavam muito

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

×