A Dieta dos Carboidratos Bons: Como Funciona, Cardápio e Dicas

Especialista:
atualizado em 17/12/2019

Ele é apontado como o principal vilão das dietas hoje em dia, mas ainda existe muita polêmica com relação às dietas que cortam carboidratos. A maior parte dos médicos e nutricionistas não irá recomendar uma dieta sem carboidratos e sim uma dieta dos carboidratos bons. A dieta das proteínas traz resultados rápidos em termos de redução de peso corporal mas é muito questionável com relação a saúde, segundo muitos profissionais. Além disso, muitos especialistas argumentam que outro grande problema de restringir tão fortemente os carboidratos na dieta é que isso não é sustentável a longo prazo. E dessa forma, quando você voltar a comer carboidratos e maior quantidade você ganhará todo peso que perdeu.

Grande parte dos especialistas defende que nosso corpo somente pode se manter saudável com uma alimentação equilibrada e sem restringir de forma radical alguns nutrientes. O que devemos fazer é escolher os melhores alimentos e adequar os seus benefícios às metas a serem conquistadas. A dieta dos carboidratos bons é uma alternativa que contradiz todas as afirmações e a popularidade negativa que criaram sobre o nutriente. Já que essa dieta promete reduzir até 2 quilos por semana, a partir de agora você entenderá que pode sim perder peso comendo carboidratos, basta escolher os mais saudáveis, os bons.

Devemos saber escolher os carboidratos bons

A fama criada envolvendo os carboidratos é completamente equivocada, muitas pessoas relacionam as propriedades do nutriente com alimentos gordurosos e ricos em açúcar, mas todos devemos saber que podemos encontrar carboidratos bons e ruins. É evidente que para uma dieta saudável, devemos optar pelo primeiro. A ideia é priorizar o consumo de carboidratos complexos, pois a digestão desses é mais lenta, assim, a conversão para glicose ocorre em um período maior. É importante que você entenda que os carboidratos são as fontes mais importantes para seu corpo ter energia para você realizar as tarefas do dia a dia, então vamos conhecer os alimentos que podem se tornar o impulso extra que você precisava para conquistar a boa forma desejada.

Carboidratos Bons (Complexos)

  • Grãos integrais
  • Todos os legumes
  • Chia
  • Linhaça
  • Batatas
  • Arroz integral
  • Lentilha
  • Feijão
  • Aveia

Carboidratos Ruins

Abaixo você conhecerá os carboidratos que realmente podem se tornar vilãos da sua dieta, assim, é importante evita-los.

  • Biscoitos recheados
  • Frituras
  • Alimentos industrializados
  • Refrigerantes
  • Bebidas alcoólicas
  • Pão Branco
  • Arroz branco
  • Doces em geral
  • Achocolatados

Como funciona a dieta dos carboidratos bons?

Um dos princípios fundamentais da dieta dos carboidratos bons é limitar ou consumir muito pouco açúcar. A dieta pode se tornar ainda mais eficiente, se você adicionar alimentos ricos em fibras e diversos nutrientes que possam contribuir para o funcionamento regular da flora intestinal, o que pode proporcionar uma melhor eliminação de toxinas indesejáveis ao seu organismo.

É importante que você valorize o consumo de carboidratos complexos, pois esses podem manter você saciado por um período maior, já que necessitam de um tempo maior para chegarem à corrente sanguínea. Além disso, esses carboidratos não provocam rápida liberação de insulina no corpo, o que ajuda a não engordar.

É importante que você adeque sua alimentação aos tipos mais saudáveis de carboidratos, pois eles podem reduzir a probabilidade e diabetes ou doenças prejudiciais à sua saúde. A dieta dos carboidratos bons também pode auxiliar no controle dos níveis de açúcar no sangue e taxas de colesterol.

É importante que você saiba que o consumo restrito de carboidratos por um longo período de tempo pode comprometer diversas funcionalidades e seu organismo, assim resultando em consequências à sua saúde. Assim, atente para casos de hipoglicemia e reações adversas que são possíveis diante do consumo limitado desse nutriente.

Vale ressaltar que você deve atentar para as medidas de consumo, você pode sim comer carboidratos complexos eventualmente, mas deve analisar a quantidade consumida, já que o consumo excessivo pode resultar em gorduras para seu corpo.

Recomenda-se que metade da sua refeição seja constituída por carboidratos. Não podemos optar por dietas sem fundamentos e com proibições que podem comprometer a sua saúde, dessa forma, ao preparar sua refeição, reserve 40% a 50% de seu prato para os carboidratos complexos.

Cardápio para a dieta dos carboidratos bons:

– Café da manhã

  • 1 pote e iogurte desnatado ou grego
  • 1 colher (de sopa) de linhaça
  • 1 colher (de sopa) de aveia em flocos
  • 1 fruta de baixo índice glicêmico (morango, maçã com casca, pêssego, pera, etc)

– Lanche da manhã

  • 200 ml de chá branco ou chá verde
  • 1 pote de iogurte desnatado ou grego
  • 1 colher (de sopa) de Chia

– Almoço

  • Salada à vontade
  • 2 colheres (de sopa) de arroz integral
  • 1 filé de peito de frango, peixe grelhado ou carne sem gordura

– Lanche da tarde

  • 1 fatia de pão integral
  • 1 polenguinho
  • 200 ml de chá verde
  • 1 fruta de baixo índice glicêmico (ex: morango, melão, maçã)

– Janta

  • Salada à vontade
  • 50 gramas de ricota light
  • 2 fatias de peito e peru
  • 2 fatias de pão integral

– Ceia

  • 200 ml e chá verde
  • 1 taça e gelatina

Dicas

– Beba pelo menos 2,5 litros de água por dia.

– Beba chás, eles podem induzir à queima de calorias continuamente, já que podem auxiliar para a termogênese, assim contribuindo para o melhor funcionamento do metabolismo basal.

– Não consuma carboidratos simples principalmente no período noturno.

– Priorize alimentos saudáveis e limite os industrializados.

– Não permaneça muito tempo sem fazer refeições, pois pode acarretar consequências como mais ansiedade e até agravar casos de compulsão alimentar.

– Dietas com limitações ou proibições de consumo de carboidratos não devem ser adotadas por um grande período de tempo, pois pode prejudicar à sua qualidade de vida atual e posteriormente.

– O ideal é que inicie uma dieta com a orientação de um profissional da saúde. É importante que seja realizada uma avaliação para um reconhecimento de suas necessidades. Essa é a melhor forma de iniciar uma dieta com maior probabilidade de resultados positivos. O acompanhamento médico também é importante para que modificações possam ser feitas, caso haja uma inadequação à reeducação alimentar estabelecida.

– Antes de buscar dietas da moda, busque as alternativas naturais, elas podem ser mais saudáveis e podem oferecer menos prejuízos à sua saúde. Adeque-se a uma alimentação com quantidades apropriadas de cada nutriente, mas não se esqueça de praticar exercícios físicos. É importante que você movimente o seu corpo, pois assim, você garantirá que algumas calorias extras sejam eliminadas.

Você já fez uma dieta que limitou os carboidratos? O que achou? E o que acha da dieta dos carboidratos bons? Faz mais sentido para você? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 4,38 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

1 comentário em “A Dieta dos Carboidratos Bons: Como Funciona, Cardápio e Dicas”

  1. excelente reportagem, muito boa essa dieta dos carboidratos bons. Nunca concordei em cortar os carboidratos das dietas.