Chá de Amora Emagrece Mesmo?

Especialista:
atualizado em 12/12/2019

Até esse momento, não há dados científicos suficientes para demonstrar que o chá de amora emagrece, que tem uma influência efetiva sobre a queima de gordura ou perda de peso. Existem alguns estudos que sugerem uma relação com a perda de peso e vamos explorar isso neste artigo.

O que sabemos efetivamente é que o chá de folha de amora é uma bebida natural, livre de cafeína, com vitaminas e minerais. É usado como coadjuvante no tratamento de algumas enfermidades. É produzido a partir de suas folhas, podendo ser encontrado, além da amora comum, também na versão para chá de amora branca.

Propriedades do Chá de Folha de Amora

Na Medicina Tradicional Chinesa (MTC) o chá de amora era largamente utilizado para flatulência, desintoxicar o fígado e melhorar a visão. Outros de seus usos incluem aliviar os sintomas da gripe e tosse, curar tontura e disenteria, equilibrar as funções hepáticas, fortalecer a visão e rejuvenescer a pele. As folhas da amoreira contêm fitoesteróis, que são agentes redutores do colesterol.

Valor Nutricional da Amora

1 xícara de amora crua contém 86% de água; 75 calorias; 1g de proteína; 1g de gordura; 0,2g de ácido graxo saturado; 0,1g de ácido graxo monoinsaturado; 0,1g de ácido graxo poliinsaturado; 18 g de carboidrato; 45 mg de cálcio; 30mg de fósforo; 0,8mg de ferro; 282mg de potássio; 240 (UI) de vitamina A; 0,04mg de tiamina; 0,06mg de riboflavina; 0,6mg de niacina; 30mg de ácido ascórbico, 18 aminoácidos, antioxidantes e alcalóides. Lembrando ainda que a amora contém duas vezes mais fibras do que o chá verde.

O chá de amora branca possui praticamente as mesmas propriedades.

Chá de Amora Emagrece mesmo?

Vamos aos fatos: o que se tem, comprovadamente até hoje, são alguns estudos, sem muito aprofundamento. Passaremos a discutir, a seguir, os prós e os contras.

A Favor do Chá de Folha de Amora

Os laboratórios defensores da amora divulgam a tese que chá de amora emagrece, baseados em estudos sobre sua folha, que contém propriedades poderosas que estabilizam a insulina e ajudam a manter o peso. Um estudo clínico realizado pela Universidade de Minnesota indicou que as folhas da amoreira têm um ingrediente ativo chamado desoxinojirimicina, ou DNJ. Ela inibe uma enzima no trato intestinal, que está diretamente envolvida na digestão dos carboidratos.

Segundo o Dr. Ray Sahel, nutricionista, essa enzima impede que os alimentos ricos em amido, tais como pão, arroz, massas, batatas e farináceos virem glicose em seu organismo.

E completando, alguns estudos, incluindo o “Journal of Agricultural and Food Chemistry”, mostram que o chá de folha de amora ajuda a suprimir os níveis de açúcar no sangue após as refeições.

Em alguns casos, foi observado que a amora inibe a retenção de líquidos, permitindo, dessa forma, que as pessoas desinchem. Por esse motivo fica a impressão do emagrecimento, mas nesses casos trata-se apenas de uma drenagem corporal.

Contra o Chá de Amora

Na verdade, ninguém está contra o chá. O que será divulgado a seguir, é uma brevíssima compilação de pesquisadores que são contra a divulgação de que o chá de amora emagrece.

O pesquisador Mitchell Mundra, em sua pesquisa “Diabetes Care”, indica que o chá, seja ele de amora comum ou amora branca, equilibra os níveis de açúcar no sangue, bem como reduz os níveis de glicose e impedem a absorção de sacarose.

No entanto, nada indica efetivamente que o chá de amora emagrece! Em seu estudo, ele salienta a possível ajuda do chá para os diabéticos; no entanto, isso precisa ser alvo de pesquisas mais relevantes.

Como todo chá, esse também é diurético, o que significa urinar mais, sendo assim, o organismo se desintoxica, mas isso é somente uma característica dos chás, de maneira geral.

Os defensores do chá mencionam a presença de fibras, o que proporcionaria sensação de saciedade e regulariza o intestino. Por outro lado, seus opositores questionam essa afirmação com a seguinte indagação: quantos quilos de chá teria que ser consumido, diariamente, para que essas fibras realmente surtissem o efeito esperado, uma vez que a folha, a real fonte dessas fibras, não será ingerida?

O “Natural Medicines Comprehensive Database”, em seus relatos sobre produtos naturais, não tem quase nenhuma informação sobre esse tema, simplesmente porque nenhuma prova científica foi publicada, de modo que correspondesse às suas rigorosas exigências de qualidade.

Possíveis Efeitos Colaterais

O chá de amora, por exemplo, pode ter um efeito levemente laxativo, fazendo com que a pessoa vá mais vezes ao banheiro. No entanto, esse efeito pode variar de pessoa para pessoa.

Beber chá de amora emagrece, mas em excesso pode causar hipoglicemia, tendo como efeito a visão turva, fome, tonturas, dores de cabeça, suor excessivo, tremores e confusão mental.

As pessoas que tomam medicamentos para o controle do diabetes devem evitar o consumo excessivo de chá de folhas de amora, devido ao risco de aumento de hipoglicemia, a não ser que haja indicação médica.

Doentes renais crônicos devem consultar um nefrologista antes de começarem a tomar o chá.

Como Preparar Chá de Folhas de Amora (preta ou branca)

O preparo do chá é simples. Leve ao fogo um litro de água com 5 folhas grandes, devidamente lavadas. A temperatura ideal é entre 80º e 90º, ou seja, quando pequenas bolhas vão surgindo no fundo da chaleira e se avolumando, antes que a água comece a ferver. Dessa forma, evita-se que as folhas se queimem no processo. Deixar em infusão por alguns minutos. Tomar 3 a 4 xícaras por dia nos intervalos das refeições.

Os organismos respondem de maneira diferente diante das mesmas substâncias. Para quem quiser experimentar o chá de amora para emagrecer, se possível, dê preferência às folhas de amora orgânicas, cultivadas e processadas sem pesticidas e fertilizantes artificiais. Quando possível, o chá de folhas inteiras, que conservam todos os seus elementos, incluindo óleos essenciais, totalmente preservados. A erva, quando processada, desidratada, perde muito de suas propriedades, apresentando qualidade inferior.

Concluindo

Quando órgãos idôneos internacionais nada dizem em relação a determinado alimento, isso não significa que ele não tenha propriedades benéficas ao nosso organismo, mas o que se pode concluir é que faltam estudos mais criteriosos para que se possa afirmar que chá de amora emagrece.

Vídeo: 

Gostou das dicas?

Você acredita que chá de amora emagrece, mesmo não havendo confirmações científicas do fato? Já provou esse chá, acha que seria válida a tentativa? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (124 votos, média: 4,01 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

31 comentários em “Chá de Amora Emagrece Mesmo?”