Colágeno

Como Tomar Colágeno – Em Cápsulas, Em Pó, Cuidados e Dicas

Mais do que um suplemento, o colágeno é uma proteína presente em abundância no nosso corpo. Ela pode ser encontrada nos músculos, nos ossos, nos vasos sanguíneos, nos tendões, na pele e até no sistema digestivo.

O colágeno é muito benéfico, já que ele ajuda a fortalecer todas as estruturas mencionadas acima, além de dar mais elasticidade e firmeza para a pele.

Apesar de o colágeno ser produzido naturalmente pelo nosso organismo, tal produção tende a cair conforme vamos envelhecendo, dando lugar às rugas e à flacidez na pele, além de problemas nas articulações e tendões.

Cuidados básicos com a alimentação ajudam a preservar a produção de colágeno em bons níveis, mas em alguns casos pode ser interessante utilizar suplementos para aumentar a oferta de colágeno para o organismo.

Mas você sabe como tomar colágeno da forma certa? Como um suplemento, o colágeno pode ser tomado em cápsulas ou em pó. Além disso, existem vários tipos de colágeno e cada um tem um objetivo específico.

Que tal conhecermos as diferenças entre os tipos de suplementos disponíveis e aprender algumas dicas de como tomar colágeno?

Colágeno

O colágeno é uma proteína complexa que contém 19 aminoácidos essenciais e não essenciais em sua composição. O consumo de alimentos ricos em colágeno facilita a absorção de aminoácidos importantes como a arginina, a glutamina, a prolina e a glicina.

– Arginina

A arginina é quebrada em óxido nítrico no organismo, que é um composto muito importante para a saúde do coração. Tal aminoácido ajuda a melhorar a circulação e a fortalecer o sistema imunológico, além de melhorar a libido masculina.

– Glutamina

Um dos aminoácidos mais abundantes e importantes para o nosso corpo, a glutamina ajuda a prevenir a perda de massa muscular e a evitar dores articulares. Além disso, estudos mostram que o aminoácido pode melhorar a saúde mental e prevenir o desenvolvimento de problemas relacionados à ansiedade, à concentração, à tensão e à insônia.

– Prolina

A prolina compõe cerca de 15% da composição do colágeno. Esse aminoácido atua principalmente protegendo os vasos sanguíneos, melhorando a saúde das articulações e, assim, fortalecendo o sistema cardiovascular.

– Glicina

Um terço da composição do colágeno é composto por glicina. Ela é importante para garantir a função celular, além de promover o crescimento muscular e a produção de energia durante os exercícios físicos.

Algumas pessoas podem apresentar uma depleção nos níveis de colágeno no organismo devido principalmente ao processo natural de envelhecimento, aos maus hábitos como a exposição excessiva ao sol e o hábito de fumar e à má alimentação, como uma dieta rica em açúcar e pobre em nutrientes.

Em alguns casos, problemas genéticos, bem como problemas digestivos, podem afetar a produção de colágeno, sendo importante o uso de suplementos dietéticos para suprir essa falta.

Além disso, o colágeno pode trazer diversos benefícios para a saúde. Alguns deles são:

  1. Pele, unhas e cabelos mais bonitos e saudáveis;
  2. Redução de dores nas articulações;
  3. Suporte ao sistema imunológico;
  4. Aumento da massa muscular;
  5. Níveis mais altos de energia;
  6. Fortalecimento das articulações, dos ossos e dos dentes;
  7. Saúde do fígado;
  8. Proteção da saúde cardiovascular.

Tipos de Colágeno

A vasta combinação de aminoácidos torna possível a existência de diversos tipos de colágeno. Os cientistas acreditam que existam pelo menos 16 tipos diferentes de colágeno no corpo humano, mas a grande maioria consiste nos tipos 1, 2 e 3.

– Colágeno Tipo 1

O colágeno do tipo 1 é o mais abundante no organismo, representando até 90% de todo o colágeno presente no corpo.

Ele é considerado o colágeno mais forte que participa da estrutura dos tendões, dos ligamentos, da pele e de alguns órgãos como no trato gastrointestinal. Ele também ajuda na formação óssea e atua fortalecendo a pele, dando a ela elasticidade, além de auxiliar na cicatrização de feridas.

– Colágeno Tipo 2

Esse tipo de colágeno está presente principalmente nos tecidos conectivos, já que ele ajuda a construir a cartilagem do corpo. A saúde das articulações depende muito desse tipo de colágeno, pois ajuda a prevenir problemas como a artrite e outras condições de saúde relacionadas com dores articulares.

– Colágeno Tipo 3

Assim como o colágeno do tipo 1, o colágeno do tipo 3 é encontrado na pele e em outros órgãos. Sua principal função é dar elasticidade e firmeza para a pele. Ele também contribui para a formação de vasos sanguíneos e de alguns tecidos que revestem o coração.

A deficiência nesse tipo de colágeno tem relação com um risco maior de ruptura de vasos sanguíneos e morte precoce.

Como tomar colágeno

Nos alimentos, o colágeno está presente em fontes proteicas como carnes, frangos, peixes e ovos. A carne bovina e os ovos, por exemplo, são abundantes em colágeno do tipo 1 e do tipo 3. Já o frango apresenta boas quantidades de colágeno do tipo 2, enquanto o peixe é composto majoritariamente de colágeno do tipo 1.

Os suplementos de colágeno mais populares são aqueles na forma hidrolisada. Isso significa que as longas cadeias de aminoácidos do colágeno foram quebradas em porções menores que são solúveis em água, o que aumenta a biodisponibilidade e facilita a absorção pelo organismo.

Colágeno em cápsulas

O colágeno hidrolisado pode ser encontrado na forma de cápsulas, que devem ser tomadas de acordo com as instruções geralmente presentes no rótulo do produto ou segundo as recomendações de um nutricionista.

– Como tomar colágeno em cápsulas

Como o colágeno em cápsulas deve passar pelo estômago sem ser quebrado pelo ácido estomacal, é importante que o estômago esteja vazio para que a cápsula não se “perca” no meio dos alimentos que você acabou de comer e acabe sendo degradada junto com eles.

Assim, é indicado tomar o suplemento cerca de 2 ou 3 horas após alguma refeição, preferencialmente antes de dormir, para que o corpo tenha tempo de absorver os aminoácidos adequadamente.

Normalmente, são usadas de 2 a 3 cápsulas por dia.

Colágeno em pó

As possibilidades de uso do colágeno em pó são muitas. Por estar disponível na forma de pó, ele pode ser adicionado em água ou em receitas como smoothies, vitaminas e até mesmo em sopas, caldos ou refogados.

A principal vantagem de usar colágeno em pó tem relação com a versatilidade do produto, que pode ser adicionado em qualquer coisa que você quiser.

– Como tomar colágeno em pó

O colágeno em pó é muito simples de usar. O produto vem normalmente com um scoop para medir a quantidade a ser usada. Normalmente, 1 scoop de colágeno é adicionado as suas receitas.

É importante misturar bem para garantir que o colágeno foi dissolvido na bebida ou incorporado à sua receita, o que garante uma melhor absorção.

Cuidados e dicas

1. Tenha uma dieta balanceada e rica em nutrientes

Não basta tomar o suplemento de colágeno ou aumentar a quantidade de alimentos ricos em colágeno na dieta. Outros nutrientes são importantes para dar suporte à ativação do colágeno no organismo, tais a vitamina C, o cobre, o manganês, as antocianidinas e a prolina. Isso porque o colágeno em suplementos hidrolisados é dividido em pequenas cadeias de aminoácidos que precisam ser “coladas” novamente dentro do organismo para que o suplemento faça o efeito desejado, o que só é possível se o indivíduo seguir uma boa dieta rica em nutrientes que suportem esse mecanismo.

2. Use colágeno hidrolisado

Sempre que puder, opte por versões de colágeno hidrolisado, que aumentam a biodisponibilidade e facilitam a digestão do suplemento. Provavelmente, a palavra “peptídeos” estará presente na embalagem, significando que existem pequenas cadeias de aminoácidos no suplemento que são absorvidas facilmente.

3. Seja paciente

Não importa o tipo de colágeno que você usar, os resultados nunca serão instantâneos. Além de seguir as orientações, os resultados só costumam ser visíveis depois de 3 a 4 meses de uso.

4. Use a dose recomendada

Se um nutricionista não te indicou a quantidade a ser usada, a dose mais comum é de 2 a 3 cápsulas diárias contendo 400 miligramas de colágeno.

Lembre-se de que nenhum suplemento substitui uma alimentação saudável e equilibrada. Em caso de dúvidas, procure um nutricionista que possa propor um plano de alimentação saudável para suprir todas as suas necessidades nutricionais com segurança.

Referências Adicionais:

Você já sabia como tomar colágeno? Já foi receitado por um médico suplementação de colágeno? Pretende incorporar agora? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*