Esse Hábito de Sono Pode Diminuir As Suas Chances De Engravidar

Especialista:
atualizado em 30/01/2020

Você utiliza o seu celular como lâmpada durante a noite ou a sua TV para te acalmar antes de dormir? Você deve parar com isso agora mesmo.

Esses hábitos não só arruinam a qualidade do seu sono e te deixam com olheiras que nem todo corretivo do mundo é capaz de cobrir, mas um novo estudo mostra que a luz durante a noite também pode realmente aumentar o risco de infertilidade.

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, Estados Unidos, Universidade de Osaka, Japão e da Agência de Ciência e Tecnologia, também dos Estados Unidos, analisaram a forma de como a exposição à luz artificial durante a noite afeta a fertilidade das ratas, e descobriram que não só o escuro é importante como também a idade dos animais.

Quando expostos a luzes de padrões tradicionais durante o dia e a noite, as ratas mais velhas que se aproximavam da menopausa foram capazes de engravidar em 71% dos casos, mas quando eram expostas à luz artificial durante a noite, esse número caiu para 10%.

A variação da luz também interrompeu a fertilidade de ratas mais jovens, mas não tão drasticamente.

Então, o que a luz durante a noite tem a ver com a fertilidade?

A conexão entre a luz e a fertilidade tem a ver com o ritmo circadiano do seu corpo, o conhecido “relógio biológico”, que controla uma variedade de funções biológicas, incluindo o ciclo menstrual da mulher.

Em geral, o ato de dormir tem sido demonstrado frequentemente como algo que melhora a fertilidade tanto nos homens como nas mulheres, mas este estudo mostra que a melatonina – hormônio que ajuda a regular o ciclo do sono – é um fator crucial nessa melhoria.

A melatonina é produzida pela glândula pineal, que está localizada no cérebro, perto dos centros de visão.

Quando seus olhos vêem uma luz minguante ou o escuro, eles assumem que a noite está chegando e levantam a produção deste hormônio, que enfraquece antes de dormir.

Além de fazer com que as pessoas se sintam sonolentas, a melatonina também modula os receptores de estrógeno e progesterona, os dois principais hormônios que influenciam na fertilidade.

Muita luz artificial durante a noite, como TVs ou monitores/telas digitais ligadas, retarda a produção da melatonina bem na hora que ela deveria estar no seu topo mais elevado, induzindo a insônia e bagunçando os hormônios reprodutivos femininos, explica o estudo.

E apesar de o estudo ter sido feito com camundongos, os cientistas acreditam que os resultados podem ser aplicados para as mulheres da espécie humana, em especial àquelas com idade superior a 30 anos, quando os seus níveis de fertilidade irão começar a diminuir.

Esses efeitos nocivos podem ser revertidos

Se você tem o costume de pegar no sono com o celular no seu travesseiro, não se preocupe, pois os pesquisadores descobriram que os efeitos nocivos em relação à fertilidade eram facilmente revertidos ao estabelecer um cronograma de noite saudável.

No caso de a mulher estar tentando engravidar há algum tempo, colocar o seu ciclo circadiano “em dia” pode ser de extrema ajuda, disse Gene Block, Ph.D., CEO da Universidade da Califórnia em Los Angeles e co-autor do estudo.

Ele aconselha seguir alguns passos, como desligar todos os aparelhos eletrônicos pelo menos uma hora antes de dormir, estabelecer horários regulares para as refeições e evitar trabalhar por turnos ou horários que levam ao sono irregular rotativo.

E quando se trata de exatamente o quanto de “olhos fechados” é necessário para se tornar uma perfeita “fazedora de bebês”, um estudo recente feito na Coréia, diz que é de sete a oito anos, e que você pode começar fazendo isso hoje à noite mesmo.

Você tem o costume de ficar muito tempo no celular ou vendo TV antes de pegar no sono? Está tendo dificuldades para engravidar e acha que isso pode ser um motivo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

 

Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário