Filé Mignon Engorda? Calorias, Receitas Light e Dicas

Especialista:
atualizado em 28/04/2020

Confira se filé mignon engorda, quantas calorias tem esse corte de carne e aproveite para conhecer receitas light e dicas para o seu consumo.

O filé mignon é um corte suculento de carne bovina, que fica localizado na parte superior e traseira do animal. Por ser oriundo de uma região de pouco movimento do animal, ele tem bastante maciez, tanto que é considerado um dos cortes mais macios do boi.

Este corte é classificado ainda dentro dos tipos de carne vermelha magra, que pode ser preparado grelhado, assado e ser utilizado em receitas de medalhões, escalope, estrogonofes, ensopados, rosbifes e picadinhos, por exemplo. Aproveite para conhecer receitas de filé mignon light para incorporar em sua dieta.

Mas antes, você sabe se esse corte de carne bovina pode atrapalhar a vida de quem luta contra a balança de alguma forma? Ou vale a pena adicioná-lo na dieta?

Será que o filé mignon engorda?

O primeiro passo que vamos dar para tentar entender se o filé mignon engorda é verificar a quantidade de calorias que esse corte pode apresentar.

Por exemplo, uma porção de 100 g do filé mignon da marca Swift apresenta 114 calorias, ao mesmo tempo em que 110 g de iscas de filé mignon acebolado da marca Liv Up carregam 187 calorias e o medalhão de filé mignon da marca Pão de Açúcar é composto por 142 calorias em 100 g.

Esses valores servem somente como uma estimativa, já que não submetemos os produtos a análises nutricionais, apenas reproduzimos as informações de suas marcas.

Além disso, como cada uma pode ter um teor calórico diferente, você deve checar a tabela nutricional presente na embalagem do seu filé mignon para saber quantas calorias ele tem por porção.

De qualquer maneira, o que os números acima nos indicam é que é possível inserir o corte bovino em uma refeição focada no emagrecimento ou na manutenção de um peso saudável. Por outro lado, é necessário tomar cuidado para não exagerar na dose, pois assim poderá haverá uma ingestão excessiva de calorias.

Também é preciso prestar atenção nos acompanhamentos do filé mignon dentro da refeição: uma coisa é comer uma porção moderada da carne, ao lado de arroz integral, feijão e salada. Outra bem diferente é fazer um prato com um bife de filé mignon ao lado de batata frita e uma quantia generosa de macarrão com molho gorduroso, não é mesmo?

A questão das proteínas

Incluir uma quantidade comedida e consciente de filé mignon no prato do almoço pode ser útil para quem tem o objetivo de emagrecer ou não engordar, graças à presença de proteínas na composição do alimento.

Uma porção de 100 g do filé mignon da marca Swift apresenta 18 g de proteínas, ao mesmo tempo em que 110 g de iscas de filé mignon acebolado da marca Liv Up carregam 25 g do nutriente e o medalhão de filé mignon da marca Pão de Açúcar é composto por 22 g de proteínas em 100 g.

De acordo com o site MedlinePlus, portal dos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos, as proteínas fornecem energia ao organismo e podem contribuir com o controle do peso porque auxiliam o corpo a se manter saciado e satisfeito com as refeições.

Alternativa para o churrasco

O filé mignon faz parte do grupo de carnes que recebem sinal verde para serem consumidas em um churrasco, graças ao fato de ser um corte magro e possui uma quantidade menor de gorduras saturadas.

Especialistas recomendam preferir carnes mais magras como o filé mignon no lugar das mais gordas como cupim, costela, picanha, linguiças, ovelha e coração de galinha.

Isso é uma boa notícia para quem quer cuidar do peso sem deixar de aproveitar um churrasquinho com os amigos ou a família, não é mesmo? Entretanto, é claro que não dá para exagerar no consumo do filé mignon e é preciso ser forte para resistir às outras tentações que certamente passarão pelo churrasco.

Aproveite para conhecer algumas receitas de espetinho de churrasco light que podem envolver o filé mignon e outras carnes magras.

Além de saber se o filé mignon engorda

Quem deseja e/ou necessita emagrecer ou manter um peso saudável precisa lembrar que não é um único alimento que determina qual será o tamanho da silhueta. Ou seja, para atingir esses objetivos é necessário certificar-se de que toda a dieta seja saudável, controlada, equilibrada e nutritiva.

Até porque não vai adiantar muita coisa preparar um almoço fit com filé mignon e se encher de sorvete e salgadinho no lanche da tarde, não é verdade?

Para encontrar uma dieta apropriada para a sua saúde e os seus objetivos, conte com o auxílio de um bom nutricionista, que saberá indicar um programa alimentar que te auxilie a emagrecer ou manter o peso, ao mesmo tempo em que fornece todos os nutrientes e a energia que o seu organismo exige para funcionar corretamente.

Tenha em mente que este artigo serve unicamente para informar e jamais pode substituir as recomendações profissionais e qualificadas do nutricionista.

Receitas light com filé mignon

1. Receita de salada caesar adaptada com tirinhas de filé mignon

Ingredientes:

  • 180 g de filé mignon cru sem gordura;
  • 1 pitada de sal;
  • ½ colher de sopa de suco de limão;
  • 1 pé de alface romana fatiada;
  • ¼ de colher de chá de pimenta-do-reino moída;
  • 2 colheres de chá de azeite de oliva extra virgem;
  • 1 ½ colheres de sopa de maionese light;
  • 1 dente médio de alho picado;
  • ½ xícara de cebola cortada em fatias fininhas;
  • Óleo em spray.

Modo de preparo:

Untar uma frigideira antiaderente com óleo em spray. Salpicar filé mignon com pimenta e sal; Levar a frigideira ao fogo alto. Adicionar a carne na panela e cozinhar cada lado do filé mignon por quatro minutos. Transferi-lo para uma tábua e deixar descansar ali por cinco minutos.

Enquanto isso, preparar o molho: misturar bem o azeite, o suco de limão, a maionese e o alho em uma tigela. Depois, em uma tigela maior, misturar o molho obtido com a alface e a cebola; Cortar o filé mignon em tirinhas fininhas e acrescentar na salada.

2. Receita de salada de alface com pepino e filé mignon

Ingredientes:

  • ½ pepino sem as sementes e cortado em palitos;
  • 1 pimenta dedo-de-moça sem as sementes e cortada em rodelas finas;
  • 1 punhado de folhas de hortelã;
  • 1 pé de alface da sua preferência;
  • 2 bifes (de 150 g cada) de filé mignon cortados em tiras;
  • Sal a gosto;
  • Pimenta-do-reino moída na hora a gosto;
  • 1 dente de alho picado;
  • 1 colher (sopa) de suco de limão.

Modo de preparo:

Em uma tigela ou vasilha, misturar o alho com o suco de limão. Adicionar os palitos de pepino e a pimenta dedo-de-moça. Reservar; Picar a hortelã e a alface e acrescentar ao recipiente; Temperar as tiras de filé mignon com sal e pimenta-do-reino. Grelhar cada lado das tiras da carne em uma frigideira antiaderente bem aquecida;

Depois que desligar o fogo, esperar o filé mignon amornar e colocar no recipiente para misturar com os outros ingredientes.

Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar que filé mignon engorda? Costuma consumir esse corte de carne na sua dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário