Lipocavitação Funciona Mesmo?

Especialista:
atualizado em 10/09/2019

Você certamente já deve ter ouvido falar sobre alternativas não invasivas para lipoaspiração, como a lipocavitação. Mas o que você realmente conhece sobre ela? Depois de várias sessões, você vai ver o resultado? Ou esse tratamento será um desperdício de dinheiro e tempo? Hoje, nós vamos conhecer um pouco mais sobre o procedimento e definir se a lipocavitação funciona mesmo ou não.

O que é a lipocavitação?

A lipocavitação é um procedimento não cirúrgico de redução de gordura indicado para pessoas com sobrepeso e obesidade, que utiliza o ultrassom para retirar gordura localizada de locais em que haja acúmulo da substância. O tratamento também pode ser chamado de “lipo sem cirurgia”.

O método tem o objetivo de diminuir a celulite e gordura no abdômen, quadris, flancos, braços, coxas e joelhos e pode retirar até 80% da gordura localizada.

Como funciona?

A lipocavitação funciona envolvendo a aplicação de ondas ultrassônicas nas células de gordura, que por sua vez são quebradas e entram na corrente sanguínea. O processo acima descrito é diferente de outros métodos como a lipoaspiração por uma razão simples e importante: lipoaspiração envolve a introdução de uma solução que faz com que as células se rompam e depois elas são retiradas cirurgicamente. Na aplicação da lipocavitação, nenhuma técnica tão invasiva é necessária, pois as células de gordura são quebradas por ondas de ultrassom e depois removidas pelo organismo para a corrente sanguínea.

Na lipocavitação as ondas ultrassônicas emitidas pelo aparelho penetram nas células de gorduras e as fazem implodir, direcionando-as para a corrente sanguínea e linfática. Contudo, para que a gordura extra que foi implodida seja totalmente eliminada do organismo, deve-se fazer atividades físicas em até 4 horas após o procedimento, pois é a única forma do sangue não realocar a gordura no próprio corpo, e eliminá-la.

Estes exercícios devem ser feitos para impedir quaisquer problemas futuros como o aumento do colesterol ruim nos dias seguintes ao procedimento estético ou o acúmulo de gordura indevido, além de eliminar as chances de doenças cardíacas ou até mesmo de um acidente vascular cerebral.

Este exercício deve ser um treino moderado a pesado, apenas uma caminhada leve ou exercícios de movimentação corporal não vão eliminar a gordura da corrente sanguínea. Para evitar riscos, é preciso investir em exercícios aeróbicos que utilizem cerca de 80% da sua frequência cardíaca máxima, a fim de conseguir queimar toda a gordura que esteja na corrente sanguínea.

Os exercícios mais indicados são: spinning, aeróbica, natação e corrida na esteira, por cerca de uma hora, por exemplo. Se não forem seguidas as recomendações após cada sessão de lipocavitação, a gordura localizada será retirada de uma área e realocada, posteriormente, em outro local.

Outra dica para evitar qualquer risco é a aplicação de uma sessão de drenagem linfática logo após os exercícios, pois é uma forma de ajudar na eliminação das toxinas e gordura geradas pela lipocavitação.

Quais são as vantagens em relação a outros métodos?

A principal vantagem é que podemos escolher as áreas específicas do corpo que queremos trabalhar. Pode-se dizer que é uma tecnologia que permite que nos concentremos sobre a celulite de forma seletiva.

É doloroso o processo de lipocavitação?

A lipocavitação funciona mesmo sem causar dor, mas pode causar desconforto no local da aplicação.

É normal ouvir um ligeiro zumbido nos ouvidos?

Sim, alguns usuários podem detectar um ligeiro zumbido durante a sua aplicação e isso se dá por conta das ondas de ultrassom e da quebra das células de gordura, mas não são todas as pessoas que têm este sintoma.

Ela pode ser usado em todas as partes do corpo?

Ela não pode ser aplicada a todas as partes do corpo. Sob nenhuma circunstância pode ser aplicada na cabeça ou no rosto, pescoço, seios, tórax, umbigo, antebraço, articulações, órgãos genitais, costas, tornozelos ou nas glândulas linfáticas.

Será que lipocavitação pode reduzir peso e volume?

A lipocavitação elimina aglomerados de gordura, que têm peso, consequentemente, há perda de volume do corpo.

Antes do procedimento

Quem se prepara para receber a aplicação de lipocavitação no corpo deve realizar exames de colesterol, triglicerídeos e ultrassonografia de fígado para identificar se não há contraindicações em relação ao procedimento.

Depois de quantas sessões vou começar a ver os resultados?

O paciente perceberá que a lipocavitação funciona mesmo após quatro a oito sessões. No entanto, os efeitos podem variar, dependendo das características do indivíduo e da quantidade de gordura no local de realização do procedimento.

Quanto tempo devo esperar entre as sessões?

É aconselhável esperar 72 horas entre cada sessão, pois apesar de ser indolor a aplicação, a quantidade de gordura eliminada para o sangue precisa ser retirada do organismo com os exercícios praticados posteriormente e também há o tempo para a recuperação do organismo.

Será que a celulite reaparece depois do procedimento de lipocavitação?

Como não podemos garantir que a celulite não irá reaparecer, é recomendado que o paciente tenha uma dieta equilibrada e pratique exercício físico regularmente.

Há efeitos colaterais?

Se você é saudável, lipocavitação não tem efeitos colaterais relatados, no entanto, em algumas pessoas, pode produzir uma vermelhidão da pele que pode durar cerca de 2 horas.

Quanta água devo beber?

É essencial hidratar-se duas horas antes da aplicação de lipocavitação. Também é aconselhável beber mais água depois de terminar a sessão. A quantidade recomendada é de pelo menos 2 litros durante esses períodos, uma vez que isso ajuda a eliminar toxinas.

Quando é desaconselhável a utilização de lipocavitação?

  • Se estiver grávida ou durante a lactação;
  • Se estiver submetido a tratamentos de fertilidade;
  • Se você tiver qualquer tipo de doença cardíaca, se você sofre de problemas de pele, osteoporose, fibromialgia, tumores malignos, hipertensão, colesterol elevado, esteatose hepática (acúmulo de gordura no fígado) diabetes ou problemas renais;
  • Se utilizar implantes ou próteses metálicas.

Qual o preço da lipocavitação?

O preço da lipocavitação pode variar de região para região e depende do tamanho da área a ser tratada. Uma área de aproximadamente 10 cm pode custar de R$ 100 a R$ 150 por sessão em São Paulo.

Você conhece alguém que tenha feito o procedimento e afirmado que a lipocavitação funciona mesmo? Você tem muita vontade de fazê-la? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (512 votos, média: 3,74 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário

9 comentários em “Lipocavitação Funciona Mesmo?”

  1. Ola boa tarde,sou Esteticista e amo os resultados da Lipocavitaçao,após as sessoer ja vemos grandes diferenças e as clientes amam….

  2. Eu fiz há 3 anos e pretendo fazer mais, embora não tenha engordado. Com 5 sessões de lipo e 5 de manthus eu perdi 5 cm na região mais gorda e 3 em outras . Cada sessão dava pra ver um pouco de resultado. Do manthus eu não gostei, as vezes não perdia nada com ele.