Quelante de Ferro Natural – 4 Melhores Opções

Quelante de ferro natural pode ser uma ótima opção para agregar ao tratamento de excesso de ferro no organismo. Saiba quais são e como funcionam.

O ferro é um mineral essencial que o corpo precisa para criar glóbulos vermelhos e transportar oxigênio para os músculos e outros tecidos.

  Continua Depois da Publicidade  

Embora esse mineral seja muito importante para a saúde, sua sobrecarga no organismo pode causar inúmeras complicações, e quando isso acontece, normalmente os tratamentos são feitos com quelantes de ferro.

Existem alguns sintomas do excesso de ferro no sangue e se você sente algum ou alguns deles, é necessário fazer um exame de ferro para checar, e caso necessário, seguir o tratamento indicado pelo seu médico.

O que causa o excesso de ferro

O excesso de ferro no organismo é um problema para as pessoas que são geneticamente predispostas à absorção excessiva de ferro no trato digestivo e aquelas que dependem de transfusão de sangue devido a talassemia.  

O distúrbio mais comum de sobrecarga de ferro é a hemocromatose hereditária, que leva ao acúmulo de ferro nos tecidos e órgãos, e quando não tratada, com o tempo aumenta o risco de câncer, artrite, problemas hepáticos, insuficiência cardíaca e diabetes.

Pessoas com talassemia que dependem de transfusão de sangue sabem que essas transfusões causam quantidades maiores de ferro no corpo, e como não existe uma maneira fisiológica de remover o excesso de ferro do corpo, é necessário usar medicamentos conhecidos como quelantes de ferro.

Problemas do excesso de ferro

Se o ferro não for removido do corpo, ele será armazenado em diversos tecidos, e quando o armazenamento é excessivo, pode causar:

  • Doenças do fígado como por exemplo doença hepática gordurosa não alcoólica;
  • Doenças nas células ósseas, por exemplo osteopenia e osteoporose;
  • Doenças nas artérias, por exemplo, arteriosclerose;
  • Doenças cardíacas, por exemplo, insuficiência cardíaca;
  • Doenças no pâncreas, por exemplo diabetes
  • Doenças no sistema endócrino, por exemplo, doenças da tireoide e distúrbios hormonais;
  • Doenças no cérebro, por exemplo Alzheimer;
  • Doenças no sistema nervoso, por exemplo, neuropatia periférica;
  • Câncer.

O que são quelantes de ferro

Os quelantes de ferro são pequenas moléculas que se ligam fortemente aos íons metálicos. Alguns quelantes são moléculas simples facilmente fabricadas, já outros, são proteínas complexas produzidas por organismos vivos.

A propriedade chave compartilhada por todos é que o íon metálico ligado ao quelante é quimicamente inerte, e consequentemente, um dos papéis importantes dos quelantes é desintoxicar íons metálicos e evitar envenenamentos.

Por exemplo, o EDTA, um quelante de ferro facilmente fabricado, é usado para tratar pacientes com hipercalcemia extrema e que correm risco de vida, enquanto que o desferrioxamina é usado para remover o excesso de ferro que se acumula com transfusões de sangue crônicas.

Muitos quelantes são usados tanto pela química como na indústria, e apenas alguns dele são clinicamente úteis, pois a maioria apresenta efeitos colaterais perigosos.

  Continua Depois da Publicidade  

Embora os medicamentos de quelação de ferro sejam absolutamente vitais para a saúde e a longevidade de uma pessoa com talassemia dependente de transfusão, é importante saber que existem alguns alimentos integrais e naturais que quelam ou bloqueiam a absorção de ferro no corpo.

Veja agora uma lista com os principais quelantes de ferro naturais.

1. Açafrão

O açafrão também chamado de curcumina é um ingrediente ativo presente em remédios herbais e na dieta das pessoas, principalmente em forma de tempero.

Trata-se de um limpador de radicais livres, doador de hidrogênio e exibe atividade pró e anti-oxidante.

Ele é notavelmente atóxico e exibe grande promessa como agente terapêutico e está presente atualmente em ensaios clínicos em humanos para uma variedade de condições, incluindo mieloma múltiplo, câncer de pâncreas, síndromes mielodisplásticas, câncer de cólon, psoríase e doença de Alzheimer.

Suas propriedades químicas são consistentes com a atividade quelante de ferro, e uma pesquisa observou que as células hepáticas tratadas com curcumina exibiam sinais de depleção de ferro, ou seja, a diminuição dos depósitos de ferro.

A curcumina, ou açafrão, também atua como um quelante de ferro in vivo, principalmente nos casos mais leves quando presente na dieta.

Ele também reprimiu a síntese de hepcidina, um peptídeo que desempenha um papel central na regulação do equilíbrio sistêmico do ferro.

2. Proteína de soja

Foi demonstrado que o consumo de proteína de soja em pó preparado comercialmente com fitato nativo após 6 semanas reduziu os estoques de ferro, avaliados pelas concentrações séricas de ferritina em mulheres na pós- menopausa, que tendem a sofrer com o excesso de ferro no organismo.

A proteína de soja tem importantes benefícios para a saude e um dele é ser considerada um quelante de ferro natural.

3. Sementes de uva

O extrato de semente de uva contém vários polifenóis, incluindo ácido gálico, catequina, galato de epigalocatequina (EGCG) e proantociandinas.

Esse extrato possui atividade antioxidante já que os seus compostos têm a capacidade de eliminar os radicais livres e quelar metais, como o ferro, e por isso é considerado um quelante de ferro natural.

  Continua Depois da Publicidade  

Segundo um estudo realizado pelo Departamento de Biologia do Câncer da Escola de Medicina da Universidade de Wake Forest na Carolina do Norte, Estados Unidos, a atividade quelante de ferro do EGCG foi comparada à do DFO – Deferoxamina, medicamento muito utilizado como quelante de ferro.

Embora seja considerado um quelante de ferro natural, os pesquisadores dizem que o efeito do extrato de semente de uva e do EGCG tanto na absorção de ferro através da dieta como no de complexos ferro-polifenol ainda precisam ser mais bem avaliados.

4. Chá verde e chá preto

Os flavonoides que são extraídos das folhas de chá, que são as catequinas presentes nos chás verdes e as teaflavinas dos chás pretos, atuam diretamente como “sequestradores” dos radicais livres e exercem efeitos antioxidantes.

O composto polifenólico mais abundando do chá verde é o EGCG, e além de eliminar os radicais livres, possuem propriedades bem estabelecidas de quelação de metais.  Além disso, o chá verde fornece varios beneficios para a saúde.

Os polifenóis desses chás que foram secos e purificados demonstraram ter um efeito protetor profundo nos glóbulos vermelhos.

Ainda que mais estudos sejam necessários, esses são os principais quelantes de ferro naturais demonstrados cientificamente.

Você pode adicionar um quelante de ferro natural em sua dieta, porém lembre-se sempre de consultar o seu médico antes de fazer qualquer alteração e não deixe de tomar os remédios prescritos sem conversar com ele.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já conhecia o quelante de ferro natural? Pretende experimentar? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Felipe Santos e Dra. Patrícia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário