Metilsulfonilmetano (MSM): para que serve, efeitos colaterais, dosagem e dicas

Especialista da área:
atualizado em 14/12/2021

O suplemento conhecido como metilsulfonilmetano, ou MSM, é um composto de enxofre que vem ganhando cada vez mais espaço, e promete auxiliar no tratamento de alguns problemas de saúde relacionados à dor e inflamação. 

Ele pode ser encontrado naturalmente em alimentos, tanto de fontes animais quanto vegetais, além de ser possível encomendar em farmácia de manipulação.

  Continua Depois da Publicidade  

Assim, neste artigo vamos conhecer um pouco mais sobre este suplemento, seus efeitos benéficos, possíveis efeitos colaterais e formas de usar o metilsulfonilmetano.

Veja também: 6 suplementos para quem já passou dos 35 anos

O que é metilsulfonilmetano (MSM)?

msm metilsulfonilmetano
O MSM é um suplemento popular na indústria

O MSM, também conhecido como dimetilsulfona ou DMSO2, é um suplemento contendo enxofre orgânico bastante popular na indústria, utilizado por pessoas em busca de formas mais naturais de aliviar problemas como dores articulares e inflamações.

Ele possui ação anti-inflamatória e antioxidante, além de agir na manutenção da síntese do colágeno, prevenindo o aparecimento de rugas e cicatrizes na pele.  

Porém, seu mecanismo exato de ação ainda não foi completamente entendido, e mais estudos são necessários para definir tanto os seus efeitos quanto a forma de uso mais adequada.

  Continua Depois da Publicidade  

As principais fontes de metilsulfonilmetano incluem:

  • Leite de vaca;
  • Maçã, cereja e tomates;
  • Fígado de frango;
  • Alfafa, acelga, repolho e brócolis;
  • Beterraba;
  • Milho;
  • Café.

Contudo, a quantidade de metilsulfonilmetano presente nestes alimentos é bem pequena, o que faz com que o consumo através de suplementos seja mais eficiente.

Para que serve o MSM?

Os compostos de enxofre, como o MSM, são indicados para quem possui problemas nas articulações e tecidos conjuntivos ou para as pessoas que desejam fortalecer seus músculos, unhas e cabelos. Além disso, o MSM parece melhorar algumas funções neurológicas e reduzir a intensidade da dor.

Por isso, a seguir listamos os benefícios mais interessantes deste suplemento:

1. Efeito antioxidante

O MSM apresenta uma excelente ação antioxidante, capaz de proteger as células contra os efeitos dos radicais livres.

Além disso, ele potencializa os efeitos de outros antioxidantes da dieta como a vitamina C, vitamina E, coenzima Q10 e o selênio.

  Continua Depois da Publicidade  

Doenças autoimunes

2. Ação anti-inflamatória

Diversos estudos demonstraram que o MSM possui efeitos anti-inflamatórios, devido à inibição da produção de citocinas inflamatórias e ao aumento dos níveis de glutationa.

Assim, o suplemento pode ser útil no tratamento de problemas inflamatórios, como:

  • Artrite e dor nas articulações: Um estudo realizado em 2006, publicado na revista científica Arthritis Today, mostrou uma melhoria significativa nos sintomas relacionados a osteoartrite no joelho em pessoas que utilizaram o MSM por 12 semanas;
  • Alergias: Durante processos alérgicos, algumas citocinas inflamatórias são liberadas no organismo, e são as responsáveis por boa parte dos sintomas comuns das alergias, como coceira, congestão nasal e tosse. Assim, o MSM pode ajudar a controlar esses sintomas, uma vez que ele inibe a liberação dessas substâncias;
  • Doenças autoimunes: O efeito anti-inflamatório também pode ser útil no tratamento de doenças autoimunes, uma vez que nesses casos o sistema imunológico está super ativo, causando inflamações em várias partes do corpo.

Veja também: Inflamação – o que é, tipos, sintomas, causas e tratamentos

Artrite

3. Atuação em problemas digestivos

Estudos preliminares, feitos com modelos animais, têm demonstrado que o MSM pode atuar como um protetor da mucosa gástrica, além de contribuir para a sua regeneração.

Isso se deve às propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes do suplemento, embora ainda sejam necessários mais estudos para descobrir se este efeito também pode beneficiar seres humanos.

4. Tratamento de problemas de pele

Alguns estudos demonstraram que o MSM pode ser benéfico para a pele, devido a alguns de seus efeitos. São eles: 

  Continua Depois da Publicidade  

  • Redução da inflamação e do dano oxidativo às células da pele
  • Estímulo à produção de colágeno
  • Fortalecimento da queratina, uma proteína que está presente no cabelo, unhas e pele.
pele vermelha

5. Recuperação muscular

Outro efeito do MSM é na muscular após exercícios. Isso ocorre porque o suplemento reduz a inflamação e o estresse oxidativo que atingem os músculos após sessões mais extenuantes de exercícios.

Assim, o MSM ajuda a reduzir a sensação de dor muscular e nas articulações, acelerando a recuperação física.

6. Proteção contra doenças cardiovasculares

O metilsulfonilmetano parece contribuir para a prevenção e o tratamento de doenças cardiovasculares e também ajudar no controle da hipertensão arterial pulmonar, devido aos seus efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes.

Entretanto, os estudos sobre esses efeitos ainda estão no início, e foram realizados apenas com modelos animais. Assim, ainda é necessário aguardar resultados de pesquisas com humanos para afirmar os seus benefícios.

7. Outros efeitos

Além dos benefícios citados acima, o MSM pode ainda contribuir para o tratamento e a redução de sintomas de outros problemas de saúde, uma vez que ele age diretamente na inflamação. Assim, ele parece beneficiar pessoas que sofrem de:

  • Cistite intersticial
  • Hemorroidas
  • Acne
  • Fadiga.

Efeitos colaterais

A pesquisa clínica de MSM ainda é limitada em humanos, e por isso nem todos os efeitos colaterais são totalmente conhecidos. Porém, alguns desses efeitos já foram relatados, como:

  • Náusea
  • Diarreia, observada em alguns estudos em cerca de 5% dos pacientes
  • Dor de cabeça, principalmente com o uso de doses mais altas
  • Fadiga
  • Reação alérgica
  • Inchaço gastrointestinal, também associado ao uso de doses altas.

Dosagem

Dosagem

O MSM pode ser encontrado como suplemento isolado, ou combinado com outras substâncias, como a glucosamina e a condroitina, que também ajudam na saúde das articulações.

Quanto à dose, ela deve ser definida por um profissional habilitado, de acordo com os objetivos do tratamento e características da pessoa. Mas, de forma geral, a dosagem recomendada é de 2 a 6 gramas por dia, divididos em 2 ou 3 doses diárias.

Além disso, não é recomendado começar o tratamento com uma dose muito alta, ou seja, com doses acima de 5 gramas, pois isso pode aumentar os riscos de efeitos colaterais.

Por fim, a eficácia e segurança do composto não foi testada em crianças e mulheres grávidas ou amamentando. Portanto, o uso de MSM para esses grupos é contraindicado.

Dicas e cuidados

Apesar de ser considerado um suplemento de uso seguro, alguns cuidados devem ser tomados, como:

  • Não utilize o MSM por conta própria, e procure sempre a orientação de um profissional de saúde para definir a melhor forma de uso para o seu caso.
  • Sempre respeite o prazo de validade indicado na embalagem, para evitar efeitos desagradáveis e garantir os benefícios potenciais do suplemento.
  • Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto, devido ao risco de reações anafiláticas.
  • Por fim, o produto deve ser mantido fora do alcance das crianças, para evitar a ingestão acidental.
Fontes e referências adicionais

Você já tomou algum suplemento com o composto metilsulfonilmetano (MSM)? Quais foram os resultados e qual era a indicação do seu médico? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (226 votos, média 4,02)
Loading...
Sobre Dr. Alexandre Seraphim

Dr. Alexandre Seraphim é Nutrologista - CRM 52.978779. Formou-se médico pela Universidade do Grande Rio e é pós-graduado em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia. Possui diversos cursos na área de emagrecimento, hipertrofia e medicina ortomolecular que o qualificam ainda mais como um grande especialista da área. Atualmente, exerce sua especialidade em uma clínica localizada na Barra da Tijuca e também em Bangu, ambas no Rio de Janeiro. Para mais informações, entre em contato com ele em sua conta oficial no Instagram (@dr.alexandre.seraphim).

Deixe um comentário

36 comentários em “Metilsulfonilmetano (MSM): para que serve, efeitos colaterais, dosagem e dicas”