Repelente natural – 12 melhores soluções caseiras

Especialista da área:
atualizado em 11/12/2020

Ter contato com a natureza é ótimo para a saúde e para o bem estar, mas onde há muito verde há também os mosquitos. Conheça então as melhores opções de repelente natural que não agridem a pele e que podem ser preparados por você mesmo para se proteger.

  Continua Depois da Publicidade  

Picadas de mosquito incomodam bastante e podem causar até mesmo uma reação alérgica na pele de algumas pessoas. Mas alguns repelentes do mercado também podem causar irritação, principalmente em quem tem sensibilidade na pele.

Assim surge o interesse por produtos naturais, que além de serem mais seguros para a pele, não causam danos ao meio ambiente.

Repelente natural

Óleo repelente natural

A fim de manter os mosquitos distantes usando ingredientes que não danificam a pele, o uso tópico de repelentes naturais pode ser uma ótima saída.

A maioria deles é preparada pela combinação de óleos essenciais com água ou com óleos transportadores e eles podem servir tanto como repelente tópico quanto como repelente natural para ambientes.

1. Citronela

Essa mistura de ervas é um óleo essencial que atua como repelente de mosquitos. Muitos repelentes encontrados na farmácia contêm citronela em sua composição e também é possível encontrar velas e incensos que prometem repelir os insetos.

De acordo com estudo do Journal of Malaria, a formulação da citronela é importante para conferir eficácia ao repelente. Sendo assim, é preciso usar citronela de fontes confiáveis, pois só assim ela será capaz de proteger sua pele contra os mosquitos por até duas horas.

Além disso, em altas concentrações, a citronela pode irritar a pele. O óleo essencial de citronela pode ser encontrado em lojas de produtos naturais e no comércio online.

2. Eucalipto-limão

O óleo de eucalipto-limão é uma excelente escolha de repelente natural. Aliás, até mesmo o Centers for Control Disease and Prevention aprovou o óleo de eucalipto como um ingrediente eficaz para repelir mosquitos.

Uma pesquisa publicada em 2014 no Journal of the American Mosquito Control Association avaliou que uma mistura com 32% de óleo de eucalipto-limão foi capaz de oferecer mais de 95% de proteção contra mosquitos por três horas, incluindo portadores de malária e febre amarela.

  Continua Depois da Publicidade  

Como usar: misture uma parte de óleo de eucalipto-limão com dez partes de óleo de girassol ou de extrato de Hamamelis. Embora seja eficaz, evite usar essa receita em crianças com menos de 3 anos de idade.

3. Manjericão

De acordo com publicações do Malaria Journal, o manjericão tem efeito repelente. Alguns estudos mostraram que apenas o fato de manter uma planta de manjericão em um vaso oferece até 40% de proteção contra um tipo de mosquito transmissor da malária.

Enquanto isso, uma análise feita em paralelo em laboratório atestou que o óleo essencial de manjericão pode fornecer até 100% de proteção contra o mosquito da febre amarela e que tal proteção pode durar por mais de 6 horas.

Como usar: você pode aplicar o óleo de manjericão topicamente sobre a pele ou ter uma planta de manjericão em casa, que além de te oferecer um tempero fresquinho para suas receitas, também protege sua casa contra mosquitos.

4. Capim-limão

Esta erva de sabor cítrico que é muito popular no preparo de chás pode ser também uma opção de repelente natural.

Isso porque em uma pesquisa publicada em 2015 da revista Acta Tropica, foi demonstrado que a combinação de óleo essencial de capim-limão com azeite de oliva ofereceu uma proteção de 98,8% contra mosquitos domésticos que habitam o hemisfério sul.

Aliás, confira outros benefícios do capim-limão e saiba aproveitar ao máximo suas propriedades.

5. Eucalipto

O óleo de eucalipto, quando misturado com óleo de coco, apresenta cerca de 93% de eficiência como repelente natural por até quatro horas. Ademais, o aquecimento de folhas de eucalipto também pode oferecer aproximadamente 72% de proteção contra mosquitos por até duas horas.

  Continua Depois da Publicidade  

6. Catnip

Catnip é uma erva da família da hortelã que pode repelir mosquitos. A saber, uma pesquisa publicada em 2014 no periódico científico Parasitology Research confirmou que o óleo extraído da planta é capaz de repelir mosquitos comuns por duas ou três horas.

De acordo com pesquisadores da Iowa State University Research Foundation, EUA, o catnip chega a ser até 10 vezes mais eficaz do que o DEET, ingrediente com alto poder repelente usado em muitos produtos artificiais.

7. Lavanda

As flores de lavanda, quando esmagadas, produzem um óleo cuja fragrância pode repelir mosquitos, o que foi comprovado em um estudo publicado em 2002 no Journal of the American Mosquito Control Association.

Como usar: esmague as flores de lavanda para obter um óleo e aplique então sobre a pele.

8. Tomilho

São muitos os benefícios do tomilho e um deles é a sua ação repelente natural, capaz até de repelir mosquitos que transmitem a malária.

O mesmo estudo que avaliou as propriedades repelentes da lavanda avaliou também o óleo essencial de tomilho e então foi atestada uma taxa de proteção de 91% em relação aos mosquitos que transmitem a malária.

De acordo com outra pesquisa publicada em 2011 no Malaria Journal, queimar folhas de tomilho oferece proteção de 85% contra mosquitos que pode durar de 60 a 90 minutos.

Como usar: misture 4 gotas de óleo de tomilho com 1 colher de chá de um óleo transportador – pode ser o azeite ou o óleo de jojoba, por exemplo. Outra opção é diluir 5 gotas de óleo de tomilho em 60 mL de água para obter um spray.

9. Canela

De acordo com um estudo de 2004 publicado no Journal of Agricultural and Food Chemistry, conduzido em Taiwan, o óleo de canela pode eliminar até os ovos de mosquitos, além de apresentar efeito repelente contra mosquitos adultos.

Como usar: você pode preparar seu próprio repelente de canela. Para isso, prepare uma solução diluída a 1%. Basta então misturar ¼ de colher de chá (ou 24 gotas) de óleo de canela para cada 120 mL de água.

A solução obtida pode ser pulverizada na pele, na roupa, em estofados e até mesmo em plantas. Mas sempre use o óleo de canela diluído em água, pois ele puro pode causar irritações na pele.

Outras alternativas promissoras

Repelente
  • Hortelã-pimenta: pesquisas já atestaram que o óleo essencial de hortelã-pimenta pode ser eficaz contra larvas de mosquitos e proteger contra picadas de mosquitos transmissores da febre amarela por até 150 minutos, mas ainda não se sabe a concentração ideal para utilização;
  • Cravo: estudos constataram que uma mistura de óleo essencial de cravo-da-índia com azeite e óleo de coco foi capaz de proteger a pele contra mosquitos da febre amarela por 96 minutos, mas ainda não se comprovou que é seguro para utilização;
  • Nim: pesquisas indicam que o óleo de nim oferece mais de 70% de proteção contra insetos por até três horas, e que a queima de suas folhas pode fornecer proteção contra mosquitos por até 2 horas com uma eficácia de 76%. Contudo, seu uso pode causar irritação na pele, além do que ele não é aprovado por alguns órgãos de saúde.
  • Geraniol: o geraniol é um álcool capaz de repelir mosquitos por duas a quatro horas, dependendo da espécie do inseto. Sua utilização deve ser feita com cuidado já que pode causar irritação, especialmente nas peles mais sensíveis.
  • Óleo de árvore de chá: Conhecido também como óleo de melaleuca, o óleo de árvore de chá também pode ser um ótimo repelente de insetos, conforme comprovou um estudo publicado em 2010 pela revista Australian Journal of Entomology.

Por fim, também há relatos de que o óleo de alho, o vinagre, o alecrim, o absinto e o lótus têm propriedades repelentes que podem manter os mosquitos a uma boa distância.

Receitas de repelente caseiro

As receitas abaixo são uma combinação de vários ingredientes que potencializam o efeito repelente da solução. Então, aproveite!

Spray caseiro para a pele

Ingredientes:

  • Frasco de spray;
  • Óleo essencial de eucalipto limão ou de lavanda;
  • Hamamelis.

Modo de preparo:

Coloque diretamente no frasco 1 parte de óleo essencial e 10 partes de extrato de Hamamelis. Isso significa depositar 1 gota de óleo essencial para cada 10 gotas de Hamamelis até atingir uma quantidade que você julgue suficiente.

Então, agite suavemente para misturar e pulverize quando necessário na pele.

Spray caseiro para a casa

Ingredientes:

  • Frasco de spray;
  • Óleo essencial de lavanda;
  • Vinagre branco;
  • Óleo de eucalipto-limão;
  • Óleo essencial de citronela;
  • Água.

Modo de preparo:

Adicione ao frasco de 10 a 20 gotas de cada um dos óleos essenciais e complete em seguida com 60 mL de água e 60 mL de vinagre branco. Misture bem e pulverize então no seu ambiente.

Spray caseiro para repelir insetos das plantas

Ingredientes:

  • Óleo essencial de tomilho;
  • Água.

Modo de preparo:

Basta misturar cerca de 10 gotas de óleo de tomilho em 60 mL de água. Para que complete o frasco, é só duplicar ou triplicar a receita. O óleo essencial de tomilho não faz mal para suas plantas e, por outro lado, mantém os insetos em geral longe delas.

Dicas de segurança

Independentemente de qual repelente natural você escolher testar, óleos essenciais nunca devem ser aplicados diretamente sobre a pele. Por isso, é sempre importante diluir antes em um óleo transportador.

Geralmente, a proporção é de 3 a 5 gotas de óleo essencial para 30 mL de óleo transportador como o óleo de amêndoas, o óleo de coco ou o azeite de oliva, por exemplo.

Algumas pessoas podem sofrer reações alérgicas e, por isso, é melhor fazer um teste antes para que não haja surpresas desagradáveis.

Além disso, as grávidas também devem consultar um médico antes de aplicar qualquer repelente natural ou sintético na pele. Aliás, veja também se grávida pode usar repelente.

Grande parte dos óleos essenciais descritos aqui são eficazes por apenas algumas horas. Assim, você deve lembrar de reaplicar o produto em determinados intervalos de tempo para garantir a sua eficácia.

Fontes e Referências Adicionais

Você costuma usar algum repelente natural? Conhece mais alguma dica? Então, comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário