Uma Dieta Com Pouca Gordura Funciona?

Especialista:
atualizado em 20/04/2020

Por muitas décadas, as autoridades de saúde disseram a todos para comerem uma dieta com pouca gordura.

Na época em que os guias de dietas com poucas gorduras foram concebidos, as pessoas pensavam que gordura era uma causa significativa de doença cardíaca.

Essa ideia era a pedra angular das recomendações de dietas nas últimas décadas.

Essa é a razão pela qual as grandes organizações de saúde se afastaram das carnes, ovos, e laticínios integrais e se aproximaram dos grãos, legumes, frutas e vegetais.

Os guias eram baseados em evidências muito fracas na época e muitos cientistas respeitados foram contra e disseram que elas podiam ter consequências imprevistas.

Hoje… essas ideias foram amplamente refutadas. Muitas pesquisas de alta qualidade mostram que na verdade não há associação entre gordura de forma geral e doença cardiovascular.

Mas os guias continuam sem mudanças, mesmo que sua fundação científica tenha sido removida.

Os Guias de Poucas Gorduras e a Epidemia de Obesidade

Os guias de poucas gorduras foram publicados pela primeira vez no ano de 1977. Desde então, as grandes organizações de saúde e o governo não mudaram sua posição.

Esse conselho tem sido efetivo contra a epidemia de obesidade? Estatísticas mostram que não! A epidemia de obesidade começou na mesma época em que os guias foram publicados.

Entretanto, é plausível que a demonização da gordura – e de dar o sinal verde para carboidratos e açúcar refinados – pode ter alguma coisa a ver com isso.

Porque todo mundo pensou que a gordura era a raiz de todo mal, todo tipo de alimento com pouca gordura invadiu o mercado.

Esses alimentos estavam cheios de carboidratos refinados, açúcar e HFCS, que na verdade estão associados a doenças do coração, diabetes, obesidade e todas aquelas doenças que a dieta com pouca gordura deveria tratar.

Em Resumo: Os guias de poucas gorduras foram publicados pela primeira vez em 1977, aproximadamente ao mesmo tempo em que a epidemia de obesidade começou.

Estudos Vêm Mostrando o Contrário

Porque uma dieta com pouca gordura é apoiada pelo governo e todas as maiores organizações de saúde, pesquisas sobre ela receberam muitos fundos.

Alguns grandes estudos foram conduzidos sobre essa dieta e resultados foram interpretados de maneira tendenciosa, não avaliando exatamente as causas.

No entanto, grandes estudos de longo prazo mostram que dietas com poucas gorduras geralmente não diminuem o risco de doença do coração, câncer ou qualquer outra doença.

Dietas com Poucas Gorduras Podem Afetar Adversamente Biomarcadores do Sangue

Apesar de dietas com poucas gorduras serem recomendadas por organizações como a Associação Cardíaca Americana, estudos mostram que elas podem afetar adversamente fatores de risco para doenças do coração.

Você já ouviu o LDL sendo chamado de colesterol “ruim”. É apenas meio verdade… o tamanho da partícula de LDL importa.

Quando mais partículas pequenas você tem, maior o risco de doença cardíaca. Se a maioria das partículas são grandes, seu risco de doença cardíaca é baixo.

A coisa com as dietas com poucas gorduras é que elas podem mudar o LDL do LDL grande, que é benigno, para o LDL pequeno e denso que é prejudicial e bloqueia as artérias.

Alguns estudos mostram que dietas com poucas gorduras reduzem o HDL (o colesterol bom) e aumentam o triglicérides, outro fator de risco importante.

Em Resumo: Dietas com poucas gorduras podem afetar adversamente fatores de risco importantes para doenças cardíacas como o padrão do LDL, HDL e triglicérides.

Por Que Dietas Com Poucas Gorduras Não Funcionam?

Há algumas partes importantes da dieta com pouca gordura que são eficazes.

Por exemplo, essas dietas enfatizam a redução no consumo de açúcar refinado, substituição de grãos refinados por grãos inteiros e aumento no consumo de vegetais.

Essas mudanças todas devem levar a perda de peso e um risco menor de doença cardíaca. Mas por que elas não fazem isso?

Bem… porque essas dietas também fazem algumas coisas muito importantes de maneira completamente errada.

A dieta com pouca gordura defende a redução de gordura saturada, que é inofensiva e pode até melhorar o perfil lipídico do sangue.

Ela também defende uma ingestão maior de óleos vegetais, que podem contribuir para inflamações e um risco maior de doença cardíaca.

Outro efeito colateral de reduzir a ingestão de gordura é que as pessoas evitam alimentos de origem animal como carnes e ovos, que são ricos em proteínas e podem induzir a saciedade e ajudar com a perda de peso.

Talvez a dieta com pouca gordura fosse pelo menos um pouco eficaz se não dissesse às pessoas para reduzir a gordura saturada e aumentar os óleos vegetais. É definitivamente possível.

Em Resumo: A dieta com pouca gordura típica acerta em algumas coisas, como a redução de açúcar. Mas ela também erra em alguns pontos importantes, como ao substituir gordura saturada por óleos vegetais.

Dietas Com Poucas Gorduras Não Levam em Conta Problemas Metabólicos Ocultos

Obesidade não é uma questão isolada. Ela está relacionada a muitos outros problemas metabólicos como doença cardiovascular e diabetes tipo II.

Esses problemas são conhecidos como síndrome metabólica, também conhecidos como Síndrome da Resistência à Insulina.

Ela envolve resistência à insulina, triglicérides elevado, baixo HDL, obesidade abdominal e pressão alta.

Pode ser que a obesidade não cause esses outros problemas… porque muitas pessoas obesas são metabolicamente saudáveis e muitas pessoas magras têm esses problemas.

A restrição calórica forçada pode lidar com um sintoma (aumento de ingestão de calorias e ganho de peso)… mas é ineficaz contra as disfunções metabólicas que são a raiz do problema.

Em Resumo: A razão por que dietas com poucas gorduras não funciona pode ser porque ela não lida com os problemas metabólicos ocultos que estão deixando as pessoas doentes e obesas em primeiro lugar.

Uma Dieta Comprovadamente Eficaz

Dietas com menos carboidratos causam mais perda de peso e melhoram todos os maiores fatores de risco para doenças muito mais que as dietas com poucas gorduras.

Uma das razões porque dietas com menos carboidratos são eficazes é que elas reduzem a resistência à insulina e elas lidam com os problemas ocultos ao invés de apenas com os sintomas.

Mesmo que as dietas com menos carboidratos não sejam qualquer tipo de solução mágica para esses problemas, elas pelo menos são bem melhores que a dieta com pouca gordura que ainda é recomendada apesar de não haver evidências de sua eficácia.

Você ainda prefere as dietas com pouca gordura? O que achou dessas novas informações? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 3,75 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário