Óleo de emu

7 Benefícios do Óleo de Emu – Para Que Serve e Propriedades

O óleo de emu é um produto obtido a partir da gordura de uma ave nativa da Austrália, que é incapaz de voar, que lembra uma avestruz. Esse animal é chamado de emu ou Dromaius novaehollandiae (seu nome científico), e é considerado a segunda maior ave viva em altura, perdendo somente para a avestruz.

Os primeiros a utilizarem o óleo e a gordura de emu foram os povos aborígenes da Austrália, há milhares de anos, com o objetivo de tratar infecções na pele.

Composto basicamente por ácidos graxos essenciais, como o ômega 3, os benefícios do óleo de emu se dão basicamente por suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, além da vitamina A e vitamina E.

Para que serve – 7 benefícios do óleo de emu

1. Níveis de colesterol e triglicerídeos

Mesmo que as pesquisas em relação aos benefícios do óleo de emu especificamente sejam limitadas, existem evidências de que os ácidos graxos saudáveis, presentes na composição do produto, podem auxiliar a diminuição do colesterol.

Um estudo feito pelo Grupo de Pesquisa em Nutrição e Metabolismo, no Canadá, descobriu que a suplementação com ômega 3 reduziu os níveis de triglicerídeos no plasma depois de um período de três meses sem, porém, afetar as taxas do colesterol bom ou do colesterol ruim.

2. Diminuição da inflamação e da dor

O óleo de emu também é considerado um agente anti-inflamatório, podendo ajudar a aliviar dores musculares e nas articulações e a auxiliar a melhora de recuperação de feridas ou da pele danificada.

Uma pesquisa divulgada na publicação Inflammopharmacology indicou que quando este é aplicado topicamente, as propriedades anti-inflamatórias do produto são tão eficientes quanto o uso oral do remédio anti-inflamatório Ibuprofeno.

Por conta de sua habilidade para diminuir o inchaço e reduzir a dor, acredita-se que o óleo também possa ser utilizado para aliviar os sintomas de condições como síndrome do túnel do carpo, artrite, dor de cabeça, enxaqueca e canelite (síndrome de estresse do medial tibial).

3. Combate a infecções

Os ácidos graxos essenciais, as vitaminas e os antioxidantes presentes na composição do produto também garantem outros benefícios do óleo de emu: o auxílio à prevenção ou ao tratamento de infecções, quando aplicado topicamente.

Ele também possui propriedades bacteriostáticas, o que significa que o produto pode ajudar a impedir a reprodução de bactérias.  Além disso, por diminuir a irritação e a inflamação, o óleo obtido a partir da ave australiana pode ser usado para amenizar os sintomas da tosse e do resfriado.

4. Sistema gastrointestinal

Um estudo do ano de 2012, realizado na Austrália, testou a atividade terapêutica do óleo de emu em ratinhos e demonstrou a proteção parcial do produto em relação à mucosite induzida pela quimioterapia.

A mucosite trata-se de uma inflamação e ulceração dolorosa que atinge as membranas mucosas que revestem o trato digestivo e que pode ser desenvolvida como uma reação adversa de tratamentos contra o câncer como quimioterapia e radioterapia.

Por conta de suas descobertas, os pesquisadores responsáveis pelo estudo concluíram que são benefícios do óleo de emu a melhora da reparação intestinal e a formação da base de um complemento às abordagens convencionais do tratamento a problemas inflamatórios que afetem o sistema gastrointestinal.

5. Saúde da pele

O óleo de emu é capaz de romper a barreira da pele e penetrar profundamente dentro da superfície, o que permite que ele aja com um hidratante. Ele ainda pode ser utilizado para suavizar joelhos, cotovelos e calcanhares ásperos, amaciar as mãos e diminuir a coceira e a escamação da pele seca.

Por conta de suas propriedades anti-inflamatórias, o produto também pode auxiliar o tratamento de condições de pele como eczema e psoríase. Ele também pode estimular a circulação e a regeneração das células da pele e ajudar a reduzir a aparência de cicatrizes, queimaduras, rugas e danos do sol.

Uma pesquisa feita na China estudou os efeitos da aplicação tópica do óleo de emu em relação à cura de feridas em ratos escaldados e identificou que o produto possui atividade anti-inflamatória.

Isso possivelmente está associado à diminuição dos níveis de substâncias chamadas citoquinas nos tecidos, que são classificadas como pró-inflamatórias. Os pesquisadores também entenderam que o óleo de emu pode promover a cura de feridas por meio da inibição da inflamação.

Depois da aplicação do produto, o inchaço e efusão das queimaduras foram amenizadas e não houve evidências de infecção nas feridas ou reações adversas.

6. Alívio de dores por conta da amamentação

As dores, a secura e a rachadura dos mamilos de mulheres em período inicial de aleitamento materno podem ser amenizados pela aplicação tópica do óleo de emu.

Isso porque uma pesquisa do ano de 2016 divulgada no Journal of Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine mostrou que aplicar o produto na aréola (pequena área circular que envolve os mamilos) pode ajudar a suavizar o dano provocado pela amamentação.

Durante o estudo, 70 mulheres em período de amamentação utilizaram um creme feito à base de óleo de emu na aréola e o tratamento mostrou-se eficiente para melhorar a hidratação da área sem afetar a elasticidade, a temperatura e o pH da pele.

Como você verá no tópico que fala dos cuidados com o produto, recomenda-se que as mamães que estejam amamentando evitem o uso do óleo. Entretanto, como trata-se do uso tópico e não oral do óleo de emu, a mulher pode consultar o médico para ver se ele libera a utilização do produto.

E claro, caso o médico libere, o produto deve ser aplicado em períodos em que o bebê não for mamar e retirado dos mamilos quando a criança for ser amamentada, para evitar que ela ingira o óleo ou o creme feito à base do óleo.

7. Saúde dos cabelos e da pele

Os antioxidantes de sua composição são responsáveis por benefícios do óleo de emu para a saúde dos cabelos e da pele. A vitamina E presente no produto combate o dano causado pelo ambiente aos fios e auxilia a circulação no couro cabeludo.

Um estudo experimental com animais feito por um pesquisador do Irã ao lado de outro colega e divulgado em 2014 identificou que o óleo de emu tem potencial para auxiliar o crescimento dos cabelos.

Entretanto, como o experimento foi realizado com animais, não podemos ter certeza de que os mesmos resultados podem ser observados em seres humanos.

O óleo pode ajudar ainda a hidratação das cutículas das unhas, além de diminuir a inflamação causada por fungos nas unhas dos pés.

Cuidados com o óleo de emu

Como não se têm informações suficientes a respeito da segurança do uso do produto em mulheres que estejam gestantes ou em processo de amamentação de seus bebês, recomenda-se que elas sejam precavidas e evitem o uso do óleo de emu.

O produto não obstrui os poros ou irrita a pele. Entretanto, para quem tem a pele sensível, aconselha-se aplicar uma pequena quantidade do óleo para ver se ele não causa algum tipo de reação alérgica.

Ainda assim, vale ressaltar que estudos mostraram que reações adversas com o uso do óleo de emu são incomuns e que ele também é considerado seguro para uso interno por possui ácidos graxos essenciais e vitaminas.

Porém, caso você venha a experimentar algum efeito colateral ao utilizar o óleo, consulte o seu médico para saber como proceder. Também questione o médico se o óleo de emu não pode interagir com algum outro medicamento que você esteja utilizando.

Além disso, antes de usar o produto para auxiliar o tratamento de qualquer doença, machucado ou condição de saúde, converse antes com o seu médico para se certificar de que ele é realmente indicado para você. E não deixe de seguir as outras orientações passadas pelo médico para lidar com o problema em questão.

Para garantir o aproveitamento dos efeitos e benefícios do óleo de emu, é importante certificar-se de que o produto comprado é de qualidade, que apresenta boa garantia e boa procedência, não se tratando de algum tipo de falsificação.

O que você achou dos benefícios do óleo de emu que separamos acima? Já conhecia para que serve este produto e de onde ele vem? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (9 votos, média: 4,33 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

2 comentários

  1. gostaria de saber onde posso comprar esse óleo de EMU.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*