Benefícios da Vieira para Saúde e Boa Forma

Especialista:
atualizado em 13/04/2020

Conheça os impressionantes benefícios da vieira para saúde e boa forma e por que você deve incluir este alimento em sua dieta, além de dicas e cuidados.

Há muito tempo a vieira tem sido usada como alimento e ganhou grande popularidade na era medieval quando os peregrinos usavam conchas de vieiras vazias para visitar o santuário de St. James, na Espanha, em forma de oferenda para pedir alimento.

Ela pode ser encontrada em várias águas e é abundante no Oceano Atlântico e no mar Mediterrâneo e também é encontrada na Ásia, Europa, Austrália, América do Sul e América do Norte.

Devido a todos os benefícios da viera, este fruto do mar pode ser a melhor escolha para a sua dieta e por isso existem diversas receitas com vieira para emagrecer e manter a saúde em dia. Abaixo, separamos todos os benefícios da vieira para a saúde e boa forma.

Antes, o que são vieiras?

As vieiras são um Phylum Mollusca, ou seja, elas são da família dos moluscos, que inclui os caracóis, ostras, amêijoas, lula e polvo.

Elas são bivalves, o que significa que têm duas conchas articuladas formadas a partir de carbonato de cálcio e seu músculo abdutor lhes permite abrir e fechar suas conchas.

Esse músculo é a parte redonda, que é comestível e oferece vários benefícios para saúde e boa forma.

Inacreditavelmente, as vieiras são nadadoras livres, ou seja, elas batem suas conchas, o que as impulsiona rapidamente através da água.

Elas também são capazes de sentir a presença de um predador como uma estrela do mar e, devido às suas capacidades de nadar, são capazes de fugir.

Valores nutricionais da vieira

Em 31 g de vieira cozida, são encontrados:

  • 17,08% da ingestão diária recomendada (IDR) de vitamina B12;
  • 14,83% da IDR de isoleucina;
  • 11,87% de DV da lisina;
  • 15,09% da IDR de Selênio;
  • 14,77% de 13,52% da IDR de treonina;
  • 10,43% da IDR de fósforo;
  • 12,03% da IDR de valina;
  •  11,20% da IDR de leucina.

Este mesmo tamanho de porção contém:

  • 67 calorias;
  • 3,39 g de gordura;
  • 5,6 g de proteína;
  • 3,14 g de carboidrato.

Além disso, a vieira também contém vitaminas como:

  • 0,013 mg de tiamina;
  • 0,034 mg de riboflavina;
  • 11 µg de folato;
  • 0,062 mg de ácido pantotênico;
  • 0,41 µg de vitamina B12;
  • 0,467 mg de niacina;
  • 0,043 mg de piridoxina;
  • 6 µg de ácido fólico ;
  • 0,7 mg de vitamina C.

E aminoácidos como:

  • 0,238 g de treonina;
  • 0,065 g de triptofano;
  • 0,213 g de fenilalanina;
  • 0,401 g de leucina;
  • 0,52 g de ácido aspártico;
  • 0,263 g de serina;
  • 0,248 g de isoleucina;
  • 0,254 g de valina;
  • 0,126 g de metionina;
  • 0,397 g de lisina;
  • 0,077 g de cistina;
  • 0,182 g de tirosina;
  • 0,333 g de glicina;
  • 0,11 g de histidina;
  • 0,392 g de arginina;
  • 0,328 g de alanina;
  • 0,857 g de ácido glutâmico;
  • 0,263 g de prolina.

Esses moluscos podem ser servidos grelhados, cozidos, fritos ou assados e são uma rica e deliciosa fonte de proteína magra. Veja agora quais são os seus magníficos benefícios para a saúde.

Benefícios da vieira

1. Benéfica para o sistema nervoso e saúde do cérebro

As vieiras contêm certos nutrientes que são importantes para o cérebro e o sistema nervoso.

Por ser uma densa fonte de proteína, ferro e vitamina B12, um dos benefícios da vieira é fornecer uma fonte rica de oxigênio e sangue ao cérebro e aminoácidos suficientes para que este órgão funcione de maneira ideal.

Esse alimento também estimula os nervos para uma melhor função cognitiva e 84 gramas de vieiras fornecem mais de 300 mg de ácidos graxos ômega-3 e 18% da IDR de B12 e zinco, quantidades que garantem o desenvolvimento adequado do sistema nervoso e que podem reduzir o risco de doenças mentais, como Alzheimer e transtornos do humor.

Um estudo descobriu que bebês nascidos de mulheres que tinham baixos níveis de vitamina B12 durante a gravidez diminuíram a função cerebral nove anos depois.

Outro estudo mostrou que a suplementação com B12 pode reduzir em 30% os níveis de homocisteína e melhorar a função cerebral. Muita homocisteína está ligada a um risco maior de comprometimento mental leve.

Dentre todos os benefícios do zinco, ele parece ser importante para a saúde do cérebro. Um estudo com duração de 6 meses realizado em camundongos mostrou que uma redução de 20% nos níveis de zinco no sangue levou a problemas de memória e mentais que são comparáveis ​​aos associados à doença de Alzheimer.

2. Promovem a saúde do coração

As vieiras são uma excelente fonte de ômega 3, vitamina B12 e antioxidantes que comprovadamente melhoram a saúde cardiovascular, ajudam a equilibrar os níveis de colesterol, mantêm as contagens de glóbulos vermelhos e protegem o coração do estresse oxidativo.

Além disso, esses moluscos contêm magnésio e potássio, dois nutrientes que mantêm o coração saudável.

Ambos desempenham um papel no relaxamento dos vasos sanguíneos, e níveis suficientes de cada uma dessas vitaminas podem diminuir os níveis de pressão sanguínea e prevenir doenças cardíacas.

A falta de magnésio ou baixos níveis deste mineral no sangue têm sido associados à pressão alta, fibrilação atrial (um tipo de batimento cardíaco irregular) e outros problemas cardíacos.

Um estudo realizado em mais de 9.000 pessoas constatou que aqueles com níveis de magnésio abaixo de 0,80 mmol/L tinham um risco entre 36% e 54% maior de morrer devido a doenças cardíacas e ataques cardíacos.

3. Auxilia no emagrecimento

Como dito anteriormente, um dos benefícios da vieira é que se trata de uma fonte de proteína magra, contendo apenas 1% de gordura saudável e apenas 13% de colesterol por porção de 100 gramas.

Por isso o seu consumo regular reduz a ingestão de gordura e suporta a perda de gordura saudável e constante. Com poucas calorias e muitas proteínas, as vieiras podem ser grandes aliadas das pessoas que desejam emagrecer.

Uma porção de 84 gramas de vieiras fornece cerca de 20 gramas de proteína e contém menos de 100 calorias e pesquisas mostram que reduzir a ingestão total de calorias e aumentar moderadamente o consumo de proteína pode promover a perda de peso.

A proteína irá te ajudar a se sentir satisfeito, podendo levar a uma diminuição na ingestão calórica total, além de poder aumentar o metabolismo e ajudar o seu corpo a queimar mais energia.

Um estudo com duração de 26 semanas realizado em 773 pessoas constatou que os participantes que mantinham uma dieta rica em proteínas (25% das calorias diárias) perderam em média 5% a mais de peso corporal em comparação com aqueles com uma dieta pobre em proteínas (13% das calorias diárias).

Além disso, o grupo de baixa proteína ganhou em média 1,01 kg.

Cuidados com as vieiras

Embora os benefícios da viera para saúde e boa forma sejam surpreendentes, também é importante tomar alguns cuidados na hora de consumi-la. Veja alguns deles.

– As vieiras podem acumular metais pesados

Dependendo do ambiente em que as vieiras vivem, elas podem acumular metais pesados como cádmio, mercúrio, arsênico e chumbo, e este acúmulo em seu corpo pode ser perigoso.

Isso porque o acúmulo de chumbo pode causar sérios danos aos principais órgãos do corpo e a exposição crônica ao arsênico tem sido associada ao desenvolvimento de câncer.

Já o envenenamento por mercúrio leva a problemas de depressão, memória e a diminuição da função cerebral, enquanto que o excesso de cádmio causa danos renais significativos.

Quantidades excessivas de metais pesados apresentam diferentes riscos à saúde, e como seu corpo não pode excretá-los é importante limitar o consumo de vieiras entre outros alimentos que podem contê-los.

– Pesquisas sobre os metais pesados presentes nas vieiras

Pesquisas com vieiras enlatadas da Espanha mostraram que elas continham chumbo, mercúrio e cádmio.

Enquanto os níveis de chumbo e mercúrio estavam bem abaixo da quantidade máxima diária recomendada, a quantidade de cádmio estava próxima do máximo.

Outro estudo sobre vieiras da costa do Canadá constatou que os níveis de cádmio eram quase o dobro do máximo recomendado para o consumo humano diário.

Os poucos estudos existentes sobre a concentrações de metais pesados ​​em vieiras sugerem que eles podem diferir de acordo com o local, mas que a maioria das vieiras possui um alto teor de cádmio.

Pesquisas adicionais indicam que as quantidades de metais acumulados também podem variar entre diferentes partes da vieira.

Alguns metais podem acumular-se em órgãos não comestíveis deste molusco e por isso não seriam uma grande preocupação para o consumo humano.

– Pode causar reações alérgicas em algumas pessoas

Algumas pessoas são altamente alérgicas a peixes e mariscos, incluindo vieiras.

De fato, os mariscos são um dos alérgenos alimentares mais comuns entre as alergias alimentares. Esse tipo de alergia geralmente se desenvolve na idade adulta e dura a vida inteira.

Vieiras, amêijoas, mexilhões e ostras, mexilhões causam menos reações alérgicas do que camarão, caranguejo e lagosta. Algumas pessoas que são alérgicas ao marisco só podem reagir a um grupo enquanto toleram outros tipos.

A alergia ao marisco é o resultado de seu sistema imunológico reagir à proteína tropomiosina e os sintomas de uma reação alérgica ao marisco incluem:

  • Tosse e falta de ar;
  • Diarreia, indigestão e vômito;
  • Urticária por todo o corpo;
  • Palidez;
  • Lábios e língua inchados;
  • Dificuldade para engolir e sensação de garganta apertada;
  • Tontura e confusão mental.

Em alguns casos, as pessoas podem experimentar uma reação com risco de vida chamada choque anafilático, que requer tratamento imediato.

Inclua vieiras em sua dieta

Como você pode ver, são vários os benefícios da vieira para a saúde. Assim como acontece com muitos dos alimentos, existem alguns cuidados que você deve tomar quando for consumir esses mariscos.

Mesmo que elas possam acumular certos metais pesados como cádmio, chumbo e mercúrio, elas são consideradas geralmente seguras para o consumo a menos que você seja alérgico ou tenha sido aconselhado a observar sua ingestão de frutos do mar, como durante a gravidez.

Há poucas razões para evitar esse alimento que é considerado uma adição saudável e deliciosa às suas refeições e que traz incríveis benefícios para saúde e boa forma.

Referências Adicionais:

O que você achou dos benefícios da vieira para saúde e boa forma? Pretende experimentar esse fruto do mar? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário